Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

07
Jan22

25 - Me, my mirror and I


Mac

379

 

Entretanto à frente do meu espelho passaram as roupas que usei no Natal, a da passagem de ano, apesar de termos ficado por casa, e as outras dos outros dias sem nada a assinalar.

 

378

 

Este ano regressei às meias opacas com tudo e tudo, a verdade é que são mega confortáveis e a melhor solução para usar com calções. Sou incapaz de pôr calções no Inverno sem meias, apesar de ser completamente avessa a meias, mas há que fazer opções, é isso, ou então não uso calções e fico-me pelas saias pelos artelhos sem meias. 

381

 

377

 

380

 

382

 

E também tenho usado muito tons terra, que é como quem diz castanhos, e tons nude, ou seja, tons sem graça, mas que eu acho muita graça no tempo frio, invernoso e isso.

 

383

Foi isto.

 

16
Dez21

24 - Me, my mirror and I


Mac

375

 

Entretanto à frente do meu espelho passaram uma data de dias e com eles algumas roupas.

 

Voltei a usar as saias em pele, que estavam guardadas vai para 10 anos e usei a preta com um camisolão roxo e um colete de pêlo também roxo, mas depois experimentei a mesma roupa com uma saia de malha com pregas e gostei mais, portanto a saia de pele acabou por não sair à rua.

 

373

 

Já os calções em polipele saem que é um fartote. Gosto imenso deles e agora com frio acho que vão bem com meias opacas, ora com uns mocassins, ora com uns botins, combinados com camisolões.

 

372

371

 

Também combinei estas calças em laranja forte com rosa ciclame. Comecei por achar piada à coisa só com esta duas cores, mas depois gostei mais com os sapatos roxos, tanto com a camisola rosa, como com o casaco de riscas.

 

374

 

Este colete também tem saído que se farta. Combinei-o com a saia de pele castanha, meias opacas e mocassins e depois com as calças também em pele pretas e um camisolão cinzento, e por fim com a saia de pregas em malha e botas creme.

 

376

 

Também ainda deu para usar esta saia branca, se bem que já é demasiado fresca para as manhãs e fins de tarde, agora vai regressar ao armário e volta a sair na Primavera.

 

E foi isto.

 

23
Nov21

23 - Me, my mirror and I


Mac

367

 

Entretanto à frente do meu espelho ainda passaram roupas pouco quentes, hoje por exemplo, a história já é outra, estão 15º C gelados, ia jurar que são 3ºC, mas pronto.

 

E como acabei aquele casaco em crochet em laranja, usei-o com uns calções e ainda uns sapatos abertos.

 

368

 

Também acho piada a usar ponchos, xailes ou lá como se chama, com cintos. Por acaso já tinha usado esta versão sobre umas calças, mas agora variei para um vestido.

 

369

 

E continuam as misturas de roxo com verde, uma numa versão total só com uns sapatos roxos,

 

370

a outra com o mesmo casaco da semana passada, mas agora com os sapatos roxos e umas calças baggy em verde.

 

 

E foi isto.

 

 

07
Nov21

22 - Me, my mirror and I


Mac

362

 

Tem sido um Outono colorido, o meu espelho não se pode queixar de monotonia. De uma certa forma regressei às cores da minha adolescência, o que não é necessariamente bom sinal, mas é muito libertador. Naquela época conjugava imenso laranja com rosa, verde com roxo ou azul, verde e amarelo, rosa e amarelo, enfim, desde que ficasse colorida, a coisa funcionava para mim. Como espero que aos oitenta anos funcione vestir azul claro, rosa e roxo. Adiante. 

 

Este casaco às riscas foi amor à primeira vista, ainda por cima fica giro com quase tudo. Comecei por conjuga-lo com aquela saia de cetim amarela e depois também o usei com jeans.

 

 

361

 

Também adoro ver verde com roxo e este casaco tem tudo para ser adorado. Usei-o com as calças em polipele e os sapatos verdes, mas também experimentei com umas calças verdes.

 

363

 

Outra combinação que adoro, encarnado com rosa com esta saia que já tem uma catrefada de anos, mas que continua a dar o ar da sua graça em n combinações de roupas.

 

 

364

 

365

 

E claro, se passasse uma semana sem vestir um trapinho branco, era de desconfiar que estava doente dos nervos.

 

366

 

E foi isto.

 

 

04
Nov21

21 - Me, my mirror and I


Mac

354

 

Entretanto à frente do meu espelho começaram a passar alguns agasalhos, nada ainda muito quente, mas o suficiente para cortar o frio das manhãs e das noites, mas como os dias ainda estiveram quentes, ainda dá para calções e saias sem meias.

 

356

 

357

 

358

E muitas botas, adoro usar botas e nos dias de chuva da semana passada e início desta veio mesmo a calhar. 

 

355

 

359

 

Também fui repescar as camisas em pele e usei-as com saias. São óptimas para esta altura do ano, em que ainda não está muito frio e abrigam q.b.

(aqui já tinha dado o golpe no cabelo, não ficou perfeito, mas também não ficou crítico, daqui a uns dias o meu cabeleireiro dá o seu jeito)

 

360

E foi isto.

22
Out21

20 - Me, my mirror and I


Mac

350

 

Entretanto à frente do eu espelho têm passado roupas pouco quentes, de acordo com este Outono mais para as temperaturas de Verão, e alguns agasalhos quando arrefece a pique, ou começa o dia frio como tudo.

 

348

 

349

 

Também continuo no registo vestidos ou saias com botas

 

351

 

352

 

e saias em pele e polipele, ora pelo joelho, ora mais compridas.

 

353

 

E tem sido isto. 

 

11
Out21

19 - me, my mirror and I


Mac

346

 

Entretanto à frente do meu espelho passaram vestidos leves com botas, não porque o tempo o justificasse, mas porque me apetecia, porque com botas é que ficam giros e porque sim, uma razão tão válida como outra qualquer. Gosto imenso deste registo no Outono.

 

Comecei com um vestido que era quase até aos pés, mas que por mais voltas que lhe desse, não lhe achava piada, era muito tecido, ausência de cintura e tornava-me uma mulher grande e larga, portanto demasiado espaçosa, vai daí, mandei-o cortar e assim sim, gosto dele e tem muito potencial, mesmo sem uma cintura marcada.

 

347

 

Também gosto mais de ver este com botas, mas se há dias em que num Outono quente consigo calçar botas de manhã muito cedo, que ainda está fresco, a meio do dia não dá. Fica o registo com botas lá mais para a frente, quando vier o frio e isso.

 

341

 

Este conjunto, com o tal casaco que fiz e um vestido de malha preto, não passou do espelho, também fica para dias mais frescos.

344

Portanto restou-me o habitual para um Outono quente, mas já deu para uns calções em polipele.

 

345

 

 

16
Jul21

16 - me, my mirror and i


Mac

323

 

Entretanto à frente do meu espelho circulam roupas de Verão, porque é Verão, faz tempo de Verão e não se quer outra coisa.

 

Andei a namorar esta saia uma data de tempo, entrei várias vezes para  a ver, olhei-a bem e voltei a deixa-la no expositor, até que houve um dia que entrei, provei-a e achei que sim. Se calhar só precisava que estivesse calor, porque tem tudo a ver com bom tempo. Só ainda não decidi se gosto mais de a ver com aquelas mules ou com as espadrilles, se calhar com as duas para ocasiões diferentes e não se fala mais nisso.

 

 

324

 

Tinha deixado de usar calções, porque aquela cena adolescente de coisas escafiadas e mega curtas já não me deixavam nada à vontade, até que decidi experimentar este modelo (baggy) e pareceram-me bem mais adequados.

 

325

 

320

 

Apesar de já ter usado muito este vestido com ténis e ténis e mais ténis, gostei de o ver nesta versão com sandálias, assim como o encarnado,

 

321

 

que além de usar com ténis, nunca lhe punha um cinto. Estou a redescobrir o meu armário com cintos e sandálias, portanto.

 

Também continuo na alegria das calças a atirar para os anos 80,

 

322

 

Foi isto.

 

28
Jun21

15 - Me, my mirror and I


Mac

315

 

Entretanto à frente do meu espelho confirma-se, os anos 80 nunca saíram da minha alma, foi a época em que me fartei de usar calças com padrões em cores garridas e agora que vi estas, a coisa deu-se outra vez.

 

316

 

E já que vou ficar por casa por osmose ao isolamento profilático do meu benjamim, andei a testar roupas, e estas sandálias são a paixão deste Verão. Têm tudo de bom, são douradas, às tiras com uns atilhos gigantes para enrolar à volta do tornozelo e um salto simpático. Agora com estas calças e a camisa folharusca, mas com alguns vestidos é que é.

 

317

 

Um básico com a saia reposteiro, mas que nunca desilude nos dias sem ideias do que vestir.

 

305

 

E ainda a estudar este vestido em crochet. Não sei ainda bem com o que gosto de o ver, mas inclino-me mais para as mules e os chinelos rasos. Em desenvolvimento.

 

318

 

 

312

 

Foi isto, portanto.

 

 

22
Jun21

14 - Me, my mirror and I


Mac

314

 

Entretanto à frente do meu espelho passam roupas de Verão. É verdade que o tempo está farrusco, mas aqui para os meus lados, os agasalhos  fazem pouca falta.

 

Este ano estou muito adepta dos crochets, rendas e cores, apesar de nem sempre vestir grande cor, é um processo em desenvolvimento, se os saldos ajudarem, porque também sei que agora deu-me para aqui, mas não vale a pena torrar uma fortuna numa onda quase pós pandémica e para o ano só quero outra vez branco e mais branco e branco nas roupas.

 

304

 

Vi esta carteira em macramé e ameia-a profundamente, ainda não sei bem como a vou conjugar, mas depois se vê, quando as noites estiverem quentes e isso, para já pode avançar neste conjunto.

 

 

307

 

Esta saia é de há cinquenta Estações atrás, mas continuo a gostar imenso dela e gosto imenso de a ver com este tipo de tops com chumaços.

 

308

 

Quanto a vestidos em crochet, este vestido já foi à rua, mas ainda só com um casaco por cima e desta vez usei-o com um cinto, porque cada vez que pego nele está maior, qualquer dia arrasta-se pelo chão. Por acaso comprei-o para levar para a praia, mas como não tem havido praia, usei-o noutro registo.

 

 

311

 

E para terminar por agora, um vestido assimétrico que já me deu uma trabalheira, logo para começar porque não reparei que era assimétrico, e eu embirro imenso com falta de simetria, resolvi mudar-lhe os botões para ele ficar certo, depois de lhe mudar os botões ficou estranhamente torto, então voltei a pôr os botões como estavam originalmente. A minha vida é só trabalheiras inúteis. Enfim, no fim gostei dele, tento não reparar na assimetria e assim ficou.

 

Foi isto.

 

 

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2011
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D