Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

30
Ago19

26 - A mãe perfeita(mente desesperada)


Mac

z7139 miúdo fantástico mãe matar

 

 

 

Sou daquelas mães que prevêem coisas, tenho esse dom. Também faço filmes em cenários apocalípticos, em que o meu filho não é a vítima, é uma espécie de herói, e a mãe é um ser que sub-repticiamente o salva de todos os perigos e não dorme para o alertar e isso, assim uma espécie de assistente do herói. É muito cansativo ser esta mãe. Além de estafas atrás de estafas, levo com carradas de nervos. Portanto previ que durante os 9 dias de MEO Sudoeste não iria ter grandes notícias do meu adolescente e preparei a minha cabeça para isso. Também passei à acção, diga-se, porque não consigo ficar só na preparação psicológica das coisas e arranjei uma grande aliada entre as amigas dele, daquelas que me dá sossego porque é uma espécie de eu, mas com 18 anos e amiga do meu rebento, ainda com a vantagem de estar nos sítios com ele, ter sempre o telefone ligado e com rede, e ser uma miúda espectacular, é verdade, consegui estar lá não estando. Depois, ao fim de 9 dias ele chegou sem ter comido nada de jeito, dormido ainda menos, bronzeado como tudo e a mãe dele procurou sinais dos medos que alimentou com carinho todas as noites em que ele esteve fora, também apostou que ele nunca usou os protectores factor 50++ que lhe meteu na mochila, não usou porque os frascos voltaram cheios, como também vieram cheias de terra a mochila e o saco, fiquei a saber que tudo quanto levam para lá, volta de lá num estado de porqueira imensa. Lama e pó de terra, ou terra, ou lá o que é aquilo. Mas veio inteiro, não muito mais magro, mas cheio de carência de vitaminas, aposto que nunca mais comeu fruta, nem sopa. Voltou assim e dormiu um dia seguido numa cama lavada a cheirar bem,  quando acordou, tomou duche e comunicou que ia trabalhar o resto de Agosto. E foi trabalhar todos os dias como monitor num daqueles centros de férias para crianças, porque precisa de dinheiro para não sei o quê. Acaba hoje o trabalho e na próxima semana começa a faculdade. 

 

Se calhar já me permitia deixar de fazer filmes de terror, deixar de ser tão polícia de sinais de perigo e descansar um bocado, não muito, mas um pouco, até porque tenho de recuperar energias, daqui a nada entra-me o outro na adolescência.

 

 

  • Instagram @maria.antonia.velez

29
Ago19

25 - A mãe perfeita(mente desesperada)


Mac

 

z7744 criar fizeste.jpg

 

 

 

esta coisa de me começarem com as publicidades do regresso às aulas a meio de agosto deixa-me meia coisa . devem ser os mesmos que começam com o natal em setembro e com o dia dos namorados em dezembro, com o dia das bruxas já agora a seguir ao início das aulas, e com o carnaval no natal . que pressa.  a meio de agosto ainda tenho quase um mês para aproveitar os filhos, entupirem-me os ouvidos com o regresso às aulas, o regresso dos tpc, as idas e vindas aqui e ali e à natação, às actividades, ao dentista e ao pediatra, o regresso das festas todos os fins-de-semana, às idas à mega superfície dos brinquedos para comprar a milésima traquitana igual à anterior e à outra e à outra . não, obrigada . não preciso de um mês para comprar cadernos, lápis e borrachas, não preciso de me agarrar já aos livros escolares, às capas e às etiquetas . por mim, por nós e pelo planeta, este ano não há mochila nova - já repararam na quantidade de plástico que aquilo tem agarrado? - a do ano passado está óptima, nem canetas, as do ano passado ainda pintam, nem régua, a do ano passado ainda mede, e se puxarem muito por mim, vou apagar os trabalhos e os cadernos voltam a servir . precisamos de menos, muito menos .

 

as aulas do mais novo só começam no dia 10, até lá ainda precisa de brincar muito, chapinhar, dormir e descansar . eu também . não desejo o fim das férias, não tenho pressa no regresso às aulas e não tenho pressa nenhuma em ter os miúdos longe .

 

 

 

  • Instagram @maria.antonia.velez

17
Jul19

24 - A mãe perfeita(mente desesperada)


Mac

z8026 a mãe vai pensar.JPG

 

 

o meu adolescente apareceu-me aqui a dizer assim, ah até já, vou ali fazer uma tatuagem no braço . perdi-me, hoje é o dia das pessoas engraçadas? quer fazer uma tatuagem . hoje . parece que é urgente e tem de ser hoje . hoje surgiu com a ideia e tem de ser feita hoje . falamos mais logo, disse eu . esta batalha, está ganha, hoje já não a faz . eu queria dizer que nem pensar, que coiso gente tatuada, que mais coisa gente tatuada e ai jasus e arranjar uma data de preconceitos, usar frases feitas, fazer chantagem e isso, mas a partir do dia em que o pai desta casa fez uma tatuagem - apesar de ser um bocado beto - se calhar vou ter uma trabalheira a demovê-lo, ou perder esta batalha . completamente perdida não está, tenho condições a pôr  - como mãe posso - nada de nomes . já nada é o que parece, a pessoa pensa que se meteu com betos, que há certas garantias que os betos dão e afinal os betos dão nisto: tatuam-se .

 

 

 • Instagram @maria.antonia.velez

 

 

08
Jul19

23 - A mãe perfeita(mente desesperada)


Mac

z7139 miúdo fantástico mãe matar.jpg

 

 

 

o meu adolescente vai aos festivais de verão com acampamentos à mistura e mais não sei quê - a mãe dele vai ficar a tomar drogas naturais, chás naturais e ervas naturais (a mãe também os tentou convencer a alugar uma autocaravana para não ficarem em tendas, acharam-me graça. agora sou uma mãe engraçada) -  foi ao iberanime (???) durante 3 anos consecutivos, a concertos e joga ténis, conhece os youtubers todos (????), anda no meu ginásio (mas nunca nos encontramos) e andou no krav maga, no judo, futebol e natação, quis remo, mas a mãe achou que já chegava, também quis esgrima e a mãe achou que era só mania, e quando é noite de copos não leva o carro - a mãe dele ainda não conseguiu chegar a um consenso emocional, se prefere que seja noite de levar carro, ou noite de não levar carro, assim como assim, não dorme - nos intervalos o meu adolescente arranja trabalhos e é giro que se farta . nunca arruma a roupa, desconhece o balde da roupa suja e o caixote do lixo, deixa meias entaladas no sofá, pacotes vazios na sala e sapatos à porta de casa . foi a uma convenção de pokémons (????) e voltou a caçar pokémons . ensinou o irmão a arrotar em vários tons "reparem no que eu ensinei ao pedro, arrota pedro - e o pedro arrotou - agora mais alto - e o pedro arrotou mais alto - mais pedro - e o pedro ainda mais alto - isto é fantástico, mãe, pus o pedro a arrotar em vários tons . e prometeu ensina-lo a arrotar o alfabeto (???) ou em alfabeto, ou alfabeto arrotado, ou arroto alfabético, não percebi e não perguntei . nem apurei . ter filhos homens também é isto . e eu não troco por nada . apesar de passar a vida a jurar que não tenho coração para isto, que eles me gastam, que tenho rugas, a tensão alta, uma imaginação fértil e cabelos brancos dos sustos e das noites mal dormidas, e mau feitio porque me tiram anos de vida . qualquer dia digo-lhes que eles são a minha vida, quando tiver bom feitio . ou for avó dos filhos deles .

 

 

 

 • Instagram @maria.antonia.velez

 

25
Jun19

256 - O fornecedor de net, televisão, karaoke e palhaços, os filhos, a birra de sono, a vida, o nirvana e eu


Mac

01 paciência (1).JPG

 

 

 

começaram as férias grandes e esta semana é de descanso do ano escolar, para o mais novo, o mais velho anda na vida dos exames, nervos à flor da pele e apertos no estômago . esta semana vou aproveitar o mais pequeno, para a semana começa o campo de férias, seguido do rodopio de programas, festivais não sei quantas para o mais velho, acampamentos (!!) e esta mãe com os nervos em frangalhos . acho que só descanso quando estamos os 4 em férias, de preferência fechados num bunker qualquer com net fraca, piscina, pequeno almoço com frutas frescas, café acabado de fazer e cereais . os filhos gastam-me . entretanto

resolvi averiguar onde se gasta dinheiro nesta casa . bom, eu sei onde se gasta, não é grande novidade para mim, mas vai que há contas e contas, e há contas estranhas nesta casa, contas que não são o que deviam ser, contas que são mais do que eram há uns anos e não teve a ver com a inflação, e contas que são dinheiro mal gasto, só e em exclusivo . vai daí comecei pela entidade que nos faculta net, televisão, telefones fixos e não só, por largos euros mensais e vai que descobri coisas, uma delas é que ando há carradas de meses, se não anos, a pagar € 7.00 por mês para ter uma coisa que nem sabia que tínhamos, não precisamos e nunca usámos, também não nos lembramos de algum dia a ter subscrito: karaoke . a sério? karaoke? porquê? para quê? quando? onde? por quem? ninguém nesta casa sabia que temos . já não temos . pumba, corta € 7.00 na factura . depois fomos a ver e também tínhamos subscrito não sei quantos canais de filmes, que não vemos, por mais € 10.00 . e não pára por aqui . ao que parece também subscrevemos um pacote de séries por € 5.00, mas que tem período de fidelização até julho, ora estamos quase em julho . pois . vamos em € 22.00 a mais todos os meses há não sei quanto tempo . curiosamente aqui em casa ninguém se lembra de ter subscrito fosse o que fosse e o funcionário da cabo, net, filmes da treta, karaoke e palhaços também não foi capaz de me dizer quando subscrevemos, quem subscreveu e isso, no entanto eu sei quem paga a quem . karaoke? a sério? brincalhões .  you can talk to meeeeeeeeeeeee . seguiu-se a factura da electricidade . ia jurar que sou dona de um parque de diversões, mas sou a única que não se diverte .

fiquei tão tolhida dos nervos que me atirei com alma ao tie-dye e foi para ali espremer boiões com tinta e artistar para cima do que me apeteceu . tenho de me enervar mais vezes .

 

 

 • Instagram @maria.antonia.velez

28
Mai19

21 - A mãe perfeita(mente desesperada)


Mac

Z5395 dores parto a.JPG

 

 

 

Não duvido que estou a dar uma boa educação aos meus filhos, têm boas escolas, uma casa com livros, acesso a muita informação e tudo e tudo,  mas muitas vezes duvido se os estou a educar bem, se somos exemplo para fazer deles uns homens bons sem falhas de carácter, se não lhes falta amor e atenção, ouvidos e olhos, braços e colos, se não lhes falta nada que abra um buraco algures no cérebro e no coração que não os deixe ver os outros. Depois ouço "ó mãiiiiiiiii tenho os pés a cair aos bocados" e deixo as minhas dúvidas para outro dia, estão no bom caminho da pieguice masculina. Está tudo sob controlo, dentro da normalidade e sem surpresas desagradáveis.

 

 

(tem a pele da planta dos pés a descamar)

 

 

• Instagram @maria.antonia.velez

 

13
Mai19

19 - A mãe perfeita(mente desesperada)


Mac

z7936 mãe dores de crescimento.JPG

 

 

 

o meu adolescente querido vai ao meo sudoeste . 9 dias . diz que cinco são para acampar e mais não sei quê e os outros quatro para concertos . ou ao contrário, não percebi, porque perdi a noção espaçotemporal por uns minutos e perdi-me na conversa . espero muito sinceramente que nos dias dos concertos também acampem . não interessa, tudo somado são nove dias de esbórnia longe da mãe querida . esta aqui .  a mãe dele, esta que vos escreve, está em pré desmaio . não sei se não será mais uma síncope, mas está bem . diz que é em agosto . para me aliviar do pré desmaio, quase síncope, fiz uma lista daquilo que me parece que ele vai precisar . mostrei-lhe a lista . disse-me assim, literalmente, sem tirar nem pôr "eu não sou um totó" . a mãe querida dele começou a tomar colagénio . depois conto-vos tudo . se fiquei mais nova, mais velha ou desmaiada .

 

 

  • Instagram @maria.antonia.velez

 

 

02
Mai19

50 - Quem tem um adolescente, tem tudo


Mac

z9246 diabo mães.JPG

 

 

 

O problema com os adolescentes de 18 anos é que já levam com quatro anos de adolescência. São quatro anos de meias metidas na cama, entre as almofadas do sofá e por aí, são quatro anos de roupa suja espalhada, de pacotes vazios esquecidos algures pela casa, ténis à porta e recusas em tomar banho. São quatro anos de falta de banho ou excesso, depende dos humores e das fases da vida e existenciais em que se encontram, quatro anos de reviradelas de olhos, sopradelas para a franja e grunhidos. Quatro anos de teimosias de fazer chorar um santo, de atirar uma mãe para uma ala de psiquiatria com surtos diversos, de nervos de aço, abraços de ferro e mimo também. É muito treino, muitas certezas e uma vontade férrea de infringir todas as normas e hábitos da família e sociedade em geral.

 

O meu adolescente resolveu usar risca a meio no cabelo, ora para mim a risca a meio nos homens é o equivalente a uma mulher que não se depila. Não se usa, não se faz, não gosto. Andamos nisto há 15 dias. Há 15 dias que faço campanha para o regresso da risca ao lado. Ontem tivemos o aniversário do pai desta casa e eu tirei fotografias. Muitas fotografias. Imensos grandes planos da risca a meio. A risca a meio em grupo, a risca a meio isolada, a risca a meio só com a cabeça, a risca a meio com a cabeça e o corpo, a risca a meio de lado, de frente e de costas.

 

Hoje o meu adolescente fez risca ao lado. A mãe dele não lhe disse nada. Nada. Silêncio total em relação ao assunto capilar. Calada como só uma mãe sabe ficar, quando a causa é superior. 

 

O problema dos adolescentes com 18 anos é que as mães dos adolescentes já levam com quatro anos de adolescente.

 

 

• Instagram @maria.antonia.velez

 

 

24
Abr19

49 - Quem tem um adolescente, tem tudo


Mac

z9185 bebés de 2000 adultos.JPG

 

 

 

O meu adolescente já só tem para aí 10,75 % de adolescendite, começo a acreditar nisto, apesar de ainda de vez em quando ter uns acessos agudos, mas a verdade é que já consegue estar uma boa parte da sua existência, vá, do relacionamento connosco, sem bufar, soprar para a franja e/ou espetar os olhos na testa. Então foi assim, chegou ao pé desta mãe, eu, a que vos escreve, e convidou-me para ir ao cinema com ele. Eu até pensei que tinha ouvido mal e olhei à volta para ver se era comigo, ou se estava a combinar ir ao cinema com o irmão ver desenhos animados. Ele perdeu um bocadinho a paciência comigo e tratou-me como se eu estivesse ligeiramente demente, mas como foi só ligeiramente, deixei-me estar, a verdade é que desde que ninguém fale comigo muito devagarinho, a soletrar as sílabas, já estou por tudo, não estou, mas naquele nano bocado da minha vida estava cansada e sem vontade de usar a voz de mãe, então ele repetiu e eu perguntei-lhe se não tinha com quem ir ao cinema e vai ele e diz-me que sim que tem, mas que é comigo que gosta de ir ao cinema.

 

Bebi e não dei por isso. Droguei-me e não dei por isso. Tomei calmantes e não dei por isso. Sou a mãe dele e não dei por isso.

 

Atentem: esta mãe vai ao cinema com o seu quase nada adolescente de 18 anos, porque é a pessoa com quem ele gosta de ir ao cinema. Nem sei o que vestir.

 

 

 • Instagram @maria.antonia.velez

 

 

10
Abr19

18 - A mãe perfeita(mente desesperada)


Mac

z9263 filhos youtube.jpg

 

 

 

Antes de partir o meu rico adolescente esteve a fazer a mala, vai por aí armar-se em independente,  a comer porcarias feitas sem amor, a dormir sabe-se lá como e a conhecer o mundo sem o avental da mãe para lhe aparar os ranhos. Não quis que a mãe participasse na feitura da coisa, não quis levar chinelos de borracha, nem camisolas de lã, oh mãaaai que exageros, levo umas lonas que dão para praia e se estiver frio à noite ponho mais um pólo. Sem ele ver, meti-lhe uma camisola de lã na mala e uns chinelos. Não é que seja teimosa, não sou nada, tenho é sabedoria materna acumulada. Carradorras dela. E conheço muito bem o meu gado. Há bocado quando telefonou, agradeceu os chinelos e a camisola de lã.

 

Os filhos são do mundo - disse alguém com aquela sabedoria dos que não têm filhos - os filhos são meus estejam onde estiverem, o mundo é deles, mas eles não são do mundo. O avental está cá à espera dele. 

 

 

 • Instagram @maria.antonia.velez

 

 

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D