Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

12
Jul18

108 - Já fui feliz aqui


Mac

IMG_2489-001.JPG

 

 

   

 

Aqui em casa há bolos que são de Verão, basicamente os que fizeram parte da minha infância e que comíamos a meio da manhã de praia, entre um banho e outro, um castelo de areia e outro. Alguns acho que até tinham areia e sabiam a mar. A maior parte eram feitos em casa e levados para a praia, era o caso de uns biscoitos em forma de e e outros em forma de 8 e que nunca descobri a receita, das Broas de Laranja, das Areias de Cascais e das Bolachas de Manteiga. Depois havia os que comprávamos à Sra. Maria que andava pela praia com uma caixa branca de madeira com gavetas e transportava com ela os melhores sabores do mundo, que nos eram dados com uma folha quadrada de papel pardo. 

 

Por isso aqui em casa também se fazem Areias de Cascais para levar para a praia, para comer ao lanche e para dar mimo.

 

 

Ingredientes:
. 300 g de farinha sem fermento
. 100 g de açúcar
. 150 g de manteiga 
. 50 g de banha

 

. açúcar + 1 c de café de canela em pó para envolver

 

Numa taça deite a farinha, o açúcar, a manteiga e a banha e amasse até ligar. Faça bolinhas pequenas (cerca de 20 g) e não as achate. Cubra um tabuleiro de forno com papel vegetal e vá pondo as Areias. Leve ao forno a 180º durante 10 mn. Depois de cozidas envolva-as no açúcar com canela que pôs num tabuleiro ou prato.   

 

 

 

 

IMG_2498.JPG

 

 

  

 

  • Instagram @maria.antonia.velez

 

 

13
Dez17

190 - As nossas refeições, a vida, o nirvana e eu


Mac

 

 

 

 

 

 

 

Mais uma mesa decorada a pensar no Natal, portanto continuo em treinos para o grande dia.

 

Desta vez usei um conjunto de Árvores de Natal em porcelana da Flying Tiger, e umas velas em forma de pinha e estrelas, também de lá. Depois fui variando em cada refeição, acrescentei as velas pinheiro (da Zara Home), tirei Árvores de porcelana, misturei e voltei a pôr. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para uma das refeições fiz um creme de tomate, que já aqui pus a receita, assim como do Rosbife, para  acompanhar fiz um arroz com pinhões, batatas fritas e uma salada de alface com nozes. Garanto que a mistura do Rosbife com este arroz, as batatas e a alface fica divina.

 

 

 

 

 

 

- Salada de Alface com Noz -

 

. 1 pacote de alface já preparada

. 100 g de nozes picadas

. azeite, vinagre e sal q. b.

 

Numa taça deite as folhas de alface, espalhe as nozes e tempere com azeite, vinagre e sal. Envolva bem. 

 

 

 

 

 

 

- Arroz de pinhões e passas -

 

. 3 chávenas de arroz agulha
. 6 chávenas de água ou caldo de carne
. 1,5 chávena de pinhões
. 1,5 chávena de passas
. 1 cálice de vinho do porto
. Azeite q.b.
. 1 cebola picada


Ponha as passas de molho no vinho do porto e reserve. Num tacho refogue a cebola picada num pouco de azeite até que fique transparente, acrescente os pinhões e deixe refogar até ficarem com um tom dourado. Acrescente o arroz e mexa até que comece a mudar de cor. Junte a água, ou caldo, e tape o tacho. Assim que a água evaporar coloque as passas, previamente escorridas, envolva bem, tape o tacho e retire do lume. Sirva o arroz passado dez minutos, desta forma ele fica bem solto.

 

 

 

 

 

 

Para uma outra refeição fiz uma perna de borrego no forno com batatas assadas e cenoura cozida. Muito honestamente não me pelo por borrego, mas como eles gostam imenso, de vez em quando faço esta perna no forno, ou costeletas de borrego. Nestes dias aproveito e faço uma refeição sem carne para mim.

 

 

 

 

 

 

- Perna de Borrego no forno -

 

. 1 perna de borrego

. 3 dentes de alho

. 4 c sopa de óleo

. 2 c sopa de margarina

. 1 folha de louro

. alecrim

. sal

 

Depois de tirar todas as gorduras, ponha a perna de borrego num tabuleiro de forno. Faça-lhe umas incisões e ponha aí o alho picado. Regue-as com o óleo e espalhe a margarina. Polvilhe com aecrim, tempere com sal e ponha a folha de louro no tabuleiro. Leve a forno bem quente durante 30 mn.

 

 

- Batatas Assadas -

 

. 1 kg de batatas para assar

. 4 c sopa de azeite

. ervas aromáticas secas (tomilho, alecrim, manjericão)

. sal

 

Sem descascar, lave bem as batatas. Leve-as ao lume numa panela com água e sal e coza-as durante 15 mn, mas sem as deixar ficar moles. Escorra a água, pele as batatas e ponha-as num tabuleiro de forno, regue-as com azeite e espalhe as ervas aromáticas. Leve a forno bem quente até ficarem douradas.

 

 

 

 

 

 

Esta forma de cozinhar a cenoura é bem simples e como se serve fria, dá para fazer uma quantidade grande para duas refeições ou petiscar.

 

 

 

- Cenoura Cozida com Alho -

 

. Cenouras na quantidade que se quiser (geralmente calculo 2 cenouras por pessoa, por refeição)

. Alho a gosto (ponho bastante, cerca de 1 dente de alho por cenoura, ou seja metade da quantidade de cenouras)

. Salsa

. Azeite

. Sal

 

Descasque e corte as cenouras em rodelas finas. Leve a cozer em água temperada com sal. Escorra e deite numa taça, junte-lhe o azeite, o alho bem picado e a salsa. Rectifique o sal. Misture bem. Sirva em tacinhas.

 

 

 

 

 

 

Para uma outra refeição, que começou com um creme de espinafres e grão, fiz umas Lulas com Castanhas, acompanhadas de um arroz branco.

 

  

 

 

 

 

Há duas versões desta receita, uma mais completa e esta que fiz agora. A mais completa, além dos ingrediente que usei, ainda leva salsichas frescas cortadas em bocados e amêijoas, mas muito honestamente, acho-a um pouco de mais.

 

 

- Lulas com Castanhas -

 

. 900 g de lulas limpas

. 300 g de castanhas (usei congeladas)

. 200 g de bacon fumado em fatias

. salsa q.b. 

. sal q. b. 

. pimenta

. 2 dentes de alho

. óleo de amendoim

. 1 c sopa de margarina

 

Corte as lulas em argolas e o bacon em tiras. Tempere as lulas com o alho bem picado, sal e pimenta. Coza as castanhas em água a ferver, durante 5 mn. Ponha um pouco de óleo na wok e quando estiver quente, ponha as lulas e o bacon. Quando estiverem fritas, tire a água que apareceu e junte a margarina, depois da margarina derreter, junte as castanhas, mexa bem, junte a salsa, rectifique o sal e sirva.

 

 

 

 

 

  

Para sobremesa fiz um abacaxi com hortelã. Já aqui tinha posto a receita, mas na versão com lima, desta vez fiz com limão e gostei mais.

 

 

- Carpaccio de Abacaxi -

 

. 1 abacaxi maduro

. 100 g de açúcar mascavado

. 1 limão

. 1 molho de hortelã

 

Descasque o abacaxi e sem retirar o centro do abacaxi, corte-o em quatro quartos. Corte cada quarto em fatias muito finas, de modo a que fiquem transparentes. Deite numa taça. Coloque o açúcar e as folhas de hortelã no almofariz e esmague tudo até obter um açúcar verde. Deite este açúcar sobre o abacaxi cortado. Raspe a casca do limão e deite também sobre o abacaxi. Envolva e disponha esta mistura numa travessa de servir. Leve ao frigorífico durante uma hora. Antes de servir decore com mais um pouco de raspas de limão e folhas de hortelã.

 

 

  

 

 

  

E como o fim-de-semana foi de 3 dias, com 3 lanches e a família toda em casa, fiz o bolo de noz que eles adoram. Como já disse muitas e muitas vezes, não sou nenhuma boleira, só sei fazer (e só me saem bem) dois bolos, o de iogurte e o de chocolate, depois junto ao de iogurte o que quero e transformo-o num bolo de amêndoa, noz, laranja, limão, etc. E assim os bolos saem-me bem e saborosos. Por isso o meu bolo de noz é só um bolo de iogurte com nozes, mas fica óptimo e é um sucesso aqui em casa.

 

 

- Bolo de Noz -


. 6 ovos
. 300 g de açúcar mascavado
. 1 iogurte grego sem açúcar
. 150 g  nozes
. 110 g de óleo
. 150 g de farinha sem fermento, tipo 55
. 1 c sopa de fermento para bolos (passei a usar este fermento, que me deixa os bolos mais fofos e ainda por cima não tem glúten)

 

Modo tradicional:
Pré-aqueça o forno a 170º. Pese a farinha, o açúcar, o óleo, a amêndoa e a farinha. Deite os ovos, o açúcar, as nozes, o iogurte e o óleo numa taça e bata até obter um creme macio. Junte a farinha e o fermento e misture. Unte uma forma com margarina e polvilhe com farinha. Deite o preparado na forma, cubra a forma com uma folha de alumínio e leve ao forno, durante 35 mn.


Na Bimby:
Pré-aqueça o forno a 170º. Deite os ovos no copo. Junte e pese o açúcar, as nozes, o iogurte e o óleo e programe 5 mn/ v4. Junte a farinha e o fermento e programe 15 s /v 3. Unte uma forma com margarina e polvilhe com farinha. Deite o preparado na forma, cubra a forma com uma folha de alumínio e leve ao forno, durante 35 mn.

 

 

 

No fim para lhe dar um ar de Natal, cobri-o com claras em castelo com açúcar e decorei-o com cerejas cristalizadas.

 

 

 

 

 

11
Mai17

44 - Eu é mais cozinhas, tachos e panelas


Mac

 

 

 

 

 

A decoração do bolo não ficou uma bodega e se a incluirmos no estilo rústico coiso, passa muito bem e ninguém diz que o ar meio desastrado não foi de propósito. Não foi, mas isso não interessa nada. Acho que resultou, passei um bocado bem divertido, os miúdos adoram este bolo de limão, ainda gostaram mais de ver com uma "decoração de festa" e, apesar da tarde tão cinzenta lá fora, aqui dentro fez-se sol e passámos um bom bocado, a mãe deles a fingir que não come bolo, só prova, já se sabe, e eles deliciados.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cortei as rodelas bem finas e passei-as por uma calda de açúcar (100 g de açúcar mascavado com uma colher de sopa de água, que levei ao lume até caramelizar). Depois pus em cima do bolo e juntei umas folhas de hortelã (que dão um sabor fantástico ao bolo).

 

 

 

 

[o Pedro come à hamster, acumula na bochecha e depois é que vai mastigando]

 

 

 

E como os miúdos adoraram o caramelo das rodelas de limão, acabei por deitar o resto do caramelo sobre o bolo e ficou ainda melhor.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 Já agora deixo a receita, que é a de Bolo e Iogurte do livro da Bimby,

 

. 6 ovos
. 300 g de açúcar
. 1 iogurte grego sem açúcar
. 110 g de óleo
. 150 g de farinha sem fermento, tipo 55
. 1 c sopa de fermento para bolos (uso este)

. Raspa da casca de 1 limão

 

 

Modo tradicional:
Pré-aqueça o forno a 170º. Pese a farinha, o açúcar, o óleo e a farinha. Deite os ovos, o açúcar, o iogurte e o óleo numa taça e bata até obter um creme macio. Raspe a casca do limão e junte ao preparado. Junte a farinha e o fermento e misture. Unte as formas com margarina e polvilhe com farinha. Deite o preparado na forma, cubra a forma com uma folha de alumínio e leve ao forno a 170º, durante 35 mn.



Na Bimby:
Pré-aqueça o forno a 170º. Deite a casca do limão no copo e programe 5s v10. Junte os ovos, junte e pese o açúcar, o iogurte e o óleo e programe 5 mn/ v4. Junte a farinha e o fermento e programe 15 s /v 3. Unte as formas com margarina e polvilhe com farinha. Deite o preparado na forma, cubra a forma com uma folha de alumínio e leve ao forno a 170º, durante 35 mn.

10
Mai17

100 - Já fui feliz aqui [e serei sempre]


Mac

 

 

 

 

 

Tardes de chuva e bolos: Bolo de limão a arrefecer para o lanche depois da escola destes miúdos.

 

[ficou-me da minha infância dos dias de chuva e desconforto, da humidade no ar, nas salas de aulas, nos cadernos e na vida, e depois a melhor coisa, chegar a casa, tirar os sapatos e ter um bolo à espera para o lanche]

 

[ainda vou testar uma decoração, se ficar gira, depois mostro, se ficar uma bodega, já se sabe, fecho-me em copas. era só o que faltava vir para aqui espalhar vergonhas]

28
Mar17

192 - A dona de casa (e mãe) perfeita(mente desesperada)


Mac

| das compras |

 

 

 

 

 

comprei uma ardósia assim de tamanho A3 para não me repetir mais por voz em tudo quanto tenho de dizer ao meu adolescente preferido . repito-me demasiado e descobri que o adolescente tem um problema com o timbre de voz da sua querida mãe, porque além dos espasmos, que se revelam por bufadelas e revirares de olhos, revela também uma enorme incapacidade para fixar aquilo que lhe é dito . sou uma mãe cansada, mas não se nota, e longe de desistir.

 

 

 

| das ofertas |

 

 

 

 

 

 estou muito contente com os meus copos novos, que ganhei através de uma coisa promovida por uma conhecida grande superfície . andei ali a juntar os selos, a cola-los nas cadernetas e tal, e tenho 8 copos de vinho e 8 de água de um cristal especial mais não sei quê de titânio, mas sodona já me partiu um, ou seja, tenho 7 copos para vinho tinto, assim daqueles grandalhões e 8 de água, que me vão dar imenso jeito para os jantares com amigos e isso . por acaso queria os de gin, mas esgotaram e não fui a tempo, não interessa . adiante, o que interessa é que ganhei um serviço para 8 pessoas, se uma não beber vinho tinto, e gosto imenso deles . agora vivo no pânico de me partirem mais copos, principalmente os de água, que acho lindos. 

 

 

 

| do que fiz |

  

 

 

 

 

um bolo de iogurte com amêndoa, sem fermento, porque me esqueci de o pôr . ficou bom, não é uma grande especialidade, mas está denso . os miúdos gostaram e o marido também . pode afirmar-se que é um bolo intenso . só sei fazer bolo de iogurte e bolo de chocolate . portanto quando quero fazer um bolo de amêndoa, ou de noz, por exemplo, junto amêndoa ou noz ao bolo de iogurte e sai um bolo de amêndoa e um bolo de noz . asseguro que além de ficarem muito bons, ninguém imagina o que ali se passa .

 

 

e é isto que me apraz partilhar

 

 

08
Nov16

185 - A DONA DE CASA PERFEITA(MENTE DESESPERADA)


Mac

   

 

 

 

 

 

 

Já disse muitas vezes, há o Inverno antes do Natal e o Inverno depois do Natal. Aos meus olhos o primeiro é suportável, porque termina com o Natal, o resto é espera (e desespero) pelo Verão. Por isso, tenho todos os motivos do mundo para começar os preparativos para o Natal. A verdade é que o Verão já acabou e o bom tempo de Outono também, o Natal parece-me assim um bom anti-depressivo. Iniciem-se portanto as festividades. 

 

E assim fiz um bolo de amêndoa [*] e decorei-o com pinheiros, icing sugar e flocos de neve de açúcar.

 

 

[é muito fácil decorar bolos para esta época do ano, a maior parte fica gira com icing sugar, que lhes dá o ar de neve, depois é só juntar um ou outro elemento alusivo à época e já está]

 

 

» mais ideias muito simples

para decorar bolos

 aqui  «

 

»»» • «««

 

. Mini pinheiros, flocos de neve de açúcar e matrioskas Pai Natal . Docinho de Açúcar

 

[*] é a habitual receita de bolo de iogurte, só lhe acrescentei 200 g de amêndoa  (receita aqui, basta não pôr as framboesas e as natas)

24
Out16

183 - A DONA DE CASA PERFEITA(MENTE DESESPERADA)


Mac

 

 

 

 Foi um fim-de-semana de bolos.

 

O bolo da sexta-feira, o dia do aniversário,

 

 

 


 

 

. Vela e confetis . Docinho de Açúcar

. Cake Stand . Bordallo Pinheiro 

. Toalha . Zara Home

. Bolo de Brigadeiro . Sacolinha

. ©riança linda . Ma©

 

 

 

 o bolo de gomas para a escola,

 

 

 

 

. Vela . Docinho de Açúcar

. Bolo . Hussel

 

 

e o bolo para a festa de sábado, 

 

 

 

 

. Decorações do bolo, balões e guardanapos de papel . Docinho de Açúcar

. Quadro . Oi Xica

. Cake Stand . Area

. Bolo . Sacolinha

 

 

 

 

Este ano não estive virada para a confecção caseira de bolos, portanto fui à pastelaria do costume, encomendei o que bem me apeteceu e trouxe de lá o bolo para o dia do aniversário e o bolo para o dia da festa. Para a escola foi um bolo de gomas, que desta vez também não fiz, veio da Hussel.

 

Estes bolos saem-me sempre bem, é fantástico.

 

 

- - - - - - - - - - - ♥ - - - - - - - - - - -

. Ideias para bolos de gomas . aqui

. Receitas e ideias para bolos feitos em casa . aqui

02
Mai16

15 - HERE COMES THE SUN, LAILAILAI


Mac

 

 

 

tivemos dia de aniversário do pai desta casa, dia da mãe de todas as mães e estoril open, almoços fora, bolo de chocolate, família e presentes, abraços e beijos aos molhos . pusemos a cortina na porta, aquela de contas, a que nos deixa a porta sempre aberta, a casa oxigenada e a vida lá fora . tivemos roupas quentes e calor, e roupas frias e frio, tivemos vento e céu azul . manhãs a cheirar a primavera, agora sim, daquelas de relva molhada . tivemos muitas fotografias, bolas gigantes, bolas mil, mar e vida tão boa para viver . tivemos maio . agora sim, é sempre a caminhar debaixo de céu azul até ao verão do meu coração . seja então muito bem-vindo meu maio adorado .

15
Fev16

174 - A DONA DE CASA PERFEITA(MENTE DESESPERADA)


Mac

 

 

 

Resolvi fazer um bolo para o Dia de S. Valentim. Nada a ver com facto meramente irrelevante de andar doida para testar o glacé real instantâneo, diga-se. Tenho um sério problema com o glacé real, que se resume a uma forte incapacidade em o fazer. Não sou capaz, já tentei diversas receitas, já investiguei na net e nada de glacé em condições. Com o creme de manteiga, a coisa ainda é pior. Nunca consegui uma cobertura branca. Nunca. Então resolvi experimentar este glacé real instantâneo e a coisa deu-se.

 

  

 

 

  

Já agora deixo a receita do bolo, que é facílima e resulta bem. É apenas um bolo de iogurte, ao qual acrescento framboesas e faço um recheio de natas e framboesas frescas. 

 

. quantidades para o bolo (forma com 16 cm de diâmetro), 

. 6 ovos

. 300 g de açúcar

. 1 iogurte grego sem açúcar

. 150 g de miolo de amêndoa

. 110 g de óleo

. 150 g de farinha sem fermento, tipo 55

. 1 c sopa de fermento para bolos

. 125 g de framboesas

  

. para o recheio

. 200 ml natas

. 1 c chá de icing sugar

. 125 g de framboesas

 

 

 

. para a cobertura

. 1 pacote de 500 g de glacé real instantâneo

. 1 frasco com corações de açúcar

. 2 corações

(tudo do Docinho de Açúcar)

 

 

 

 

 

Modo tradicional:

Pré-aqueça o forno a 170º. Pese a farinha, o açúcar, o óleo, a amêndoa e a farinha. Deite os ovos, o açúcar, a amêndoa, o iogurte e o óleo numa taça e bata até obter um creme macio. Junte a farinha e o fermento e misture. Junte as framboesas e envolva. Unte uma forma com margarina e polvilhe com farinha. Deite o preparado na forma, cubra a forma com uma folha de alumínio e leve ao forno, durante 35 mn.

 

Numa outra taça faça o chantilly.

Faça o glacé real, como indicado na embalagem.

 

 

Na Bimby:

Pré-aqueça o forno a 170º. Deite os ovos no copo. Junte e pese o açúcar, a amêndoa, o iogurte e o óleo e programe 5 mn/ v4. Junte a farinha e o fermento e programe 15 s /v 3. Junte as framboesas e envolva (5 s /v1). Unte uma forma com margarina e polvilhe com farinha. Deite o preparado na forma, cubra a forma com uma folha de alumínio e leve ao forno, durante 35 mn.

 

Faça o chantilly. Deite as natas no copo limpo, ponha a borboleta e programe 6 mn/v3.5

Faça o glacé real, como indicado na embalagem.

 

 

Quando o bolo estiver frio, desenforme. Corte-o ao meio, barre um dos lados com chantilly e ponha as framboesas. Sobreponha a outra metade e cubra-o com o glacé real. Com uma espátula, colher ou faca, faça uns efeitos no glacé real. Distribua uns corações de açúcar, ponha os dois corações e já está.

 

 

 

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D