Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

a vida em azul cueca

10
Jul20

308 - A dona de casa perfeita(mente desesperada)


Mac

z9185 papel higiénico.jpg

 

 

 

Há um flagelo que atinge a humanidade e que só eu é que vi. Se calhar outras pessoas também se aperceberam, mas não tiveram a coragem que eu tenho para abordar o assunto. Não falei nisto mais cedo, porque achei que era coiso da minha parte, mas agora que o mundo está tão mal, sinto-me à vontade para vocês poderem até minimizar a minha constatação e sugerir-me soluções que não vão resultar. 

Posto isto, vou falar: as etiquetas que vêm agarradas aos produtos têm cola a mais. É isto.

São as etiquetas que se rasgam e a pessoa fica ali agarrada a mil papelinhos que tem de arrancar ao milímetro. São as etiquetas que deixam a cola no objecto, que não sai nem com álcool, nem detergente, nem nada, evoluindo para uma gosma preta ao sabor dos tempos, são as etiquetas que saem bem, bem, tão fáceis, que a cola fica toooooooooooda no objecto e nada no papel e não menos importante, a primeira folha dos rolos de papel higiénico que vem tão colada, que ao arrancar aquilo ficamos com metade do rolo nas mãos, porque depois têm a folha dupla desencontrada e aquilo desenrola-se de uma maneira muito estranha. Há mais variantes do uso abusivo de cola, mas já deu para ver a ideia.

 

Agora comprei um cabo para a esfregona e para arrancar a etiqueta estive cerca de 34 minutos da minha vida naquele serviço. Não ficou bem e parece-me que ficou inutilizada, porque a cola não sai e a etiqueta estava precisamente no sítio onde se pega, ou dá jeito pegar. Também lhe podemos pegar mais abaixo o mais acima, mas já agora gostava de ter a liberdade de pegar onde bem me apetece.

 

E é isto, já nem sequer vou falar na quantidade de caixas e frascos que não aproveito, porque não estou para passar três horas a arrancar as minhas unhas contra a etiqueta.

 

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D