Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

09
Mar18

99 - Andei na net [e por aí] e trouxe comigo


Mac

 

 . esta semana gostei de casacos xl com cachecóis bem grandes, e cachecóis bem grandes com tudo e tudo, botins encarnados com saias e casacos de xadrez, o blusão de ganga com o casaco camel, e o blusão preto que não dispenso na primavera com jeans e t-shirt, com calções, vestidos e saias e tudo .

 

 

 

. da style du monde, o street style da fashion week de londres .

 

  

 

 

 

 

 

 . o serum matricium da bioderma, que comecei a usar esta semana e daqui a uns tempos já posso dizer coisas. para já, já estou a adorar .

 

[para pele sensível, irritada, fragilizada e envelhecida; para pós tratamentos estéticos (peeling, derma-roller, laser, dermoabrasão), e para peles com elevada exposição uv, vento, frio, alterações hormonais que causam alterações cutâneas e em cicatrizes pós-acne] 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

. porque nesta casa não são só os miúdos que desenham, os lápis da faber-castell para os desenhos da mãe . 

 

 

 

 

 

 

 . a colecção dos livros escolares da antiga primária, agora primeiro ciclo .

 

 

 

 

 

 

 

. do mercado do chocolate trouxe 3 delícias que já não largo: os bombons com pinot noir da cacao divine (mega fã, são tãaao bons. o recheio destes bombons não é líquido, é um creme fantástico sem ser pastoso. à venda no eci ou online), o chocolate maraná (com cacau peruano, que tem diferentes sabores e cheiros consoante a região. à venda no eci) e a barra de chocolate com flor de sal (a melhor combinação do mundo) da choco tílias .

 

 

 

 

  

 

 

. mais ideias para a casa .

 

 

 

 

 

 

 

 

. e a frase da semana .

 

08
Mar18

204 - As flores, a vida, o nirvana e eu


Mac

 

 

 

 

Por outro lado, as minhas orquídeas que já moram comigo há dois anos, vão no segundo ano de uma florescência escandalosa. Parece-me que finalmente comecei a percebe-las. As mais bonitas são as que vivem nas casas-de-banho, há ali um clima que resulta da humidade deixada pelos banhos, que elas gostam muito, também nunca lhes corto os caules após a queda das flores, só os que acabam nitidamente secos, só as rego uma vez por mês (faço-lhes um banho para deixar os substrato húmido, mas nunca ensopado), só lhes mudo o substrato se as folhas tiverem manchas, e mantenho-as em vasos transparentes.

 

Riquezas de sua Mac.

 

 

 

 

 

 

 

[mais sobre orquídeas, aqui]

 

 

 

 

08
Mar18

61 - Segredos que partilho porque me apetece


Mac

 

 

 

 

Têm sido dias de chuva contínua e cabelo desgraçado, e apesar de já ter falado dele aqui, nunca é demais lembrar sobre este grande aliado dos cabelos lisos, nestes dias com uma humidade acima do civilizacionalmente aceitável, que é o champô seco da Klorane. 

 

Nestes dias o meu cabelo ganha vida própria e todos os jeitos indesejáveis, é o remoinho do cocuruto que gosta de mostrar a sua máxima capacidade de arrebitamento e crescimento contrário ao resto dos vizinhos cabelinhos ordeiros, é o remoinho do lado esquerdo da testa que se mostra ao mundo, é a risca que faço sempre do lado direito, que afinal devia ser do esquerdo, mas do esquerdo também não, é a almofada que me pregou com os cabelos tão agarrados à cabeça que eu ia jurar que eles nunca foram penteados em toda a sua vidinha, é uma onda que nuuuuuuuuuuuunca aparece nem no tempo de praia e que se planta ali mesmo a meio da cabeça. É uma desgraça de cabelo.

 

Então para o meu cabelo ter a vida que eu quero nestes dias, divido-o em 4 partes, borrifo à vez as raízes aí a uns 15 cm de distância de cada sector, ponho a cabeça para baixo, com as mãos espalho bem o produto (faço como se estivesse a lavar o cabelo), depois escovo-o, levanto a cabeça, penteio como quero e já está, cabelo em ordem, descolado da cabeça e com um ar impecável. 

 

[já há uns anos que sou fã dele, tanto para me socorrer no dia em que tenho de lavar a cabeça e por algum motivo não pude, como para me salvar em dias de demasiada humidade, como para estruturar penteados]

 

 

 

 

 

 

 

[este post reflecte apenas a minha

opinião e experiência]  

 

07
Mar18

35 - Quem tem um adolescente, tem tudo


Mac

 

 

 

 

 

Ontem o adolescente querido desta casa saiu sem qualquer casaco, só com uma t-shirt, uma camisa, uns jeans e ténis. Aos avisos e ralações, insistências e ai credos desta mãe, olha que está frio, ouvi, não está nada; ao meu, olha que é melhor levares um casaco: ó mãiiiiiiiiiiiiii eu não tenho frio; vá veste um casaco: ó mãiiiiiiiiiiiiiiiiiiii não é preciso; vais adoecer: não vou nada; vais, vais, veste um casaco: ó mãiiiiiiiiiiiiii isso é coisa de velho.

 

Hoje, ó mãiiiiiiiiiiiiiiii dói-me a garganta: isso é coisa de velho; ó mãe o que é que posso tomar para esta dor? Um casaco.

 

 

06
Mar18

203 - as nossas refeições, a vida, o nirvana e eu


Mac

 

 

 

 

 

 

 

Há imenso tempo que não fazia Strogonoff. Sempre foi um prato que os miúdos adoraram, mas a certa altura começou a cansar, também acontece. E aconteceu que não o fazia já há dois anos. Num destes dias voltei a fazê-lo e regressou ao circuito dos pratos seguros, que os miúdos comem sem reclamar e repetem.

 

 

 Faço sempre Strogonoff de peru, apesar dos meus filhos preferirem quase sempre carne de vaca, na versão Strogonoff preferem que seja com peru, acompanhado com arroz Basmatti.

 

 

 

 

 

 

- Strogonoff de Peru -

(receita do Pantagruel)

 

. 6 bifes de peru

. 4 c sopa de manteiga

. 1 cebola

. 1 c sopa de sumo de limão

. 1 c sopa de farinha

. 1 lata de cogumelos laminados

. 200 ml de Polpa de tomate 

. 200 ml de natas

. 1,5 dl de caldo de carne

. 1 pacote de natas

. Sal e pimenta q.b

 

 

Numa taça junte à nata uma colher de sopa de sumo de limão. Corte os bifes de peru em tiras finas e frite-as em metade da manteiga. Pique a cebola e faça um refogado com a restante manteiga. Deixe-as cozer até ficar transparente. Junte-lhe  a farinha e mexa bem. Junte-lhe o caldo de carne e a polpa de tomate. Deixe cozer devagarinho e logo que esteja cozido, junte-lhe  a nata azedada e os cogumelos. Tempere com sal e pimenta, e deixe fervilhar em lume brando. Junte o molho à carne já cozinhada e sirva.

 

 

Também fiz um pudim de damascos, que não é muito doce e eles gostam imenso.

 

 

 

 

 

 

- Pudim de Damascos -

 

. 18 damascos secos

. 1/2 chávena de chá de sultanas

. 2 c sopa de manteiga

. 1 pão de trigo fatiado fino

. óleo para untar

. 1 chávena de chá de leite

. 1 chávena de chá de natas

. 1 c chá de essência de baunilha

. 3/4 chávena de chá de açúcar

. 2 c chá de sumo de limão

 

Ponha os damascos numa tigela com 2 chávenas de chá de água. Deixe repousar uma noite. Aqueça o forno a 180º. Demolhe as sultanas em água quente por 10 mn. Escorra-as e misture-as com 1/3 dos damascos escorridos. Tire a côdea ao pão, barre as fatias de manteiga e corte-as em triângulos. Coloque-as numa forma de soufflé untada com manteiga, com o lado que barrou voltado para cima. O pão deverá ser posto alternado em camadas com os damascos e as sultanas. 

 

Numa caçarola, leve ao lume o leite com as natas e 1/2 chávena de chá de açúcar. Em levantando fervura, retire do lume e junte-lhe os ovos previamente batidos, em fio, e a essência de baunilha. Passe esta mistura por um coador e deite na forma, sobre o pão. Unte levemente com óleo uma folha de alumínio e cubra a forma. Coloque a forma num tabuleiro e encha-o com água até metade da sua altura. Leve ao forno por 50 mn.

 

Numa caçarola, coloque os restantes damascos com a água onde demolharam e cozinhe-os em lume brando durante 15 mn. Junte o restante açúcar e o sumo de limão. Mexa. Liquidifique de forma a obter um molho liso. Reserve.

 

Depois de cozido, deixe o pudim arrefecer. Desenforme-o para um prato de servir e cubra-o com o molho.

 

 

 Como durante o fim-de-semana ficámos mais por casa, para os lanches fiz uns scones, que são sempre aquele lanche de Inverno favorito dos miúdos e graúdos desta casa. Por aqui comem-se acabados de fazer, ainda quentes, sem nada ou com manteiga, a acompanhar um chá de limão para os crescidos e um cacau para os que ainda estão a crescer.

 

   

 

 

 

 

- Scones -

 

(para cerca de 10 scones)

. 280 g de farinha sem fermento

. 1 c sopa de manteiga

. 3 c sopa de açúcar

. 6 c sopa de leite

. 1 ovo

. 1 c sopa de fermento em pó

. 1 pitada de sal

 

Pré-aqueça o forno a 180º C. Coloque todos os ingredientes numa taça e amasse com as mãos, mas apenas até ligar e obter uma massa homogénea (na Bimby 15 s, v 6). Faça bolas com cerca de 5 cm, ponha num tabuleiro polvilhado com farinha e leve ao forno, cerca de 10 mn. 

 

Sirva ainda quentes, barrados com manteiga, compotas, ou nada.

 

 

 

 

 

 

 

E resolvi fazer mais uns folhados de maçã, mas desta vez fiz umas almofadas (dividi os quadrados ao meio e depois dobrei-os de cada lado), mas juntei uma pitada de canela ao recheio de maçã, e ficaram ainda melhores.

 

 

 

 

 

 

05
Mar18

25 - Fui ao jardim da Celeste, giroflé, giroflá


Mac

 

 

 

 

No domingo apesar da ideia para mais um dia de chuva contínua ser ficar por casa e repetir a dose de filmes, pipocas e scones de sábado, acabámos por sair para tomar café e passámos no Mercado do Chocolate que esteve durante este fim-de-semana no Mercado da Vila de Cascais.

 

 

 

 

 

  

O mercado é relativamente pequeno, mas muito bom e com uma boa variedade de produtores.

 

   

 

 

 

 

Não me considero viciada em chocolate, vivo bem sem ele, mas gosto muito. Por isso também gosto de conhecer novas marcas, misturas e variedades de chocolates. 

Prefiro sempre o chocolate preto ao castanho, já ao branco não acho piada nenhuma, aliás nem sequer é chocolate. Tudo espremido gosto mesmo é de chocolate negro com uma boa percentagem de cacau e depois gosto das n variantes que pode ter, desde misturas com frutos secos, flor de sal, especiarias, aromas de frutas, vinhos, ou licores.  

 

 

 

 

 

 

Foi bem giro, a criança pequena desta casa adorou (e lambusou-se) e foi óptimo poder provar diversos chocolates e só trazer o que gostei, e gostei de bastantes, mas mais de uns do que de outros. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

 

 

02
Mar18

98 - Andei na net [e por aí] e trouxe comigo


Mac

 

 . ideias para usar o casaco branco .

 

 

 

 

 

 

. o estilo da dupla monica ainley de la villardière e camille charrière .

 

 

 

 

 

 . e ideias para apanhar o cabelo .

 

 

 

 

 

 

 . o lápis duplo que de um lado define as sobrancelhas e do outro é iluminador .

 

 

[completamente fã. também experimentei arranjar as sobrancelhas na wink com linha e já não quero outra coisa. a verdade é que as pinças me faziam algum nojo e não sou muito adepta de metais para arrancar pêlos]

 

[já agora, este iluminador aplica-se nas pálpebras superiores, só junto às sobrancelhas e canto dos olhos, nunca nas pálpebras inferiores ou debaixo dos olhos] 

 

  

 

 •

 

 

 

 

 

  . finalmente rendida à água micelar da bioderma e também já não quero outra coisa .

 

[esta versão do frasco grande com este dispensador é super prática. amo]

 

 

 

 

 

 

 •

 

  

 

 

 . para o fim-de-semana o livro do psiquiatra enrique rojas, a vida não se improvisa  [matéria-prima edições]

 

[na contra-capa: a verdadeira felicidade conquista-se com sabedoria. não é algo que aconteça, de repente, apenas a alguns de nós. a verdadeira realização pessoal tem de ser planeada e implica encontrar um sentido de vida que nos preencha, muito além do bem-estar momentâneo]

 

 

 

 •

 

 

 

 

 

 

. ideias para a casa .

 

   

 •

  

 

 

 

. este óleo peter ravn .
 
 
  

 

 •

  

 
 
 
 

  

. e  a frase da semana .

 

 

Pág. 3/3

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D