Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

17
Out17

32 - Quem tem um adolescente, tem tudo


Mac

 

 

 

 

 

Transportei 3 adolescentes e sobrevivi.

 

[fiquei a saber que a população portuguesa, em particular os professores, é velha. Também têm problemas mentais e são gozáveis por coisas como respirar ou dizer bom dia. Ya. Nunca têm graça e são uns desgraçados. Há professores admiráveis, como o de Educação Física, esse está lá no olimpo dos professores, onde só estão professores de Educação Física. Os funcionários do refeitório, secretaria, etc são burros, tipo ya. Ya. Algumas adolescentes são giras, outras são porreiras. Mas as porreiras são uma espécie de irmãs, que além de porreiras, pouco têm a acrescentar ao mundo. Porreiro? ya que cena é essa, ó mãiiiiiiiiii, ninguém diz porreiro, vê-se logo que nasceu no século passado (por acaso nasci) ou no outro (às vezes tenho 300 anos, é verdade). As giras têm sempre um defeito e depois há as amigas. Já eu, por exemplo, sou transparente, apesar de ter posto um dos adolescentes daquele carro no mundo, mas pronto. Aprendi a dizer ya com um ar cool, mas não me atrevo a dizer ya aos adolescentes, de certeza que o meu ya seria o pior ya do mundo, tipo ninguém diz issoooooooo]

 

17
Out17

106 - Já fui feliz aqui


Mac

 

 

 

 

As minhas saudades são feitas de Alentejo. E de norte e sul. Das mãos da minha avó, dos olhos do meu pai e do colo das minhas tias. De banhos no rio e no tanque, corridas a ouvir lá longe, não te metas na água, está friaaaaa. E aquele frio na barriga com medo de não chegar ao frio da água gelada nos pés. Às vezes ainda com sandálias. Tão bom. Saudades feitas de ausências não consentidas. Nenhuma. Dos meus primos. Éramos tantos. Somos tantos. Dos mais pequeninos. De andarmos todos de mão dada. Das brigas. Das bocas lambuzadas de gelados feitos de sumos em couvetes de gelo. E de melancia. Dos figos e das cerejas até doer a barriga. Saudades de trocarmos de sapatos. E de roupas. Vai buscar a tua roupa. E já agora os sapatos. Onde é que estão as meias? Toda a gente sabe que as meias foram feitas para serem perdidas na infância. O sol a estalar na cara e a ribeira a olhar para nós. E os rebuçados de mel feitos em casa que nos colavam os dentes de cima aos de baixo. Vais morrer, engoliste a pastilha. Adeus, gostava taaaaaaaanto de ti. Fizemos muitas despedidas com lágrimas e tudo. E muitos reencontros. Nascemos tantas vezes. E mudámos de roupa cinco vezes no mesmo dia. Estreámos vestidos ainda alinhavados. Eu prometo que não me mexo, vou só mostrar o meu vestido. Onde é que está a manga do vestido? Vamos comprar pastilhas? Vamos. Mas não temos dinheiro. Não faz mal, arranjamos. As minhas saudades são feitas de muita gente e de tantos bocadinhos.

16
Out17

03 - Por estes dias


Mac

 

  

 

 

 

 

  

 

 

provavelmente fizemos os últimos almoços deste ano lá fora . provavelmente calcei umas das melhores sabrinas que tive até hoje . há uma enorme probabilidade também de ser outono e de pela primeira vez na minha vida já estar farta de calor .

 

 

 

 

 

 

mas lá que a vida lá fora sabe bem, lá isso sabe . é bom andar no jardim até o sol se pôr e não precisar de agasalhos . ir ao villa cascais e ter a baía à frente, mesmo com um céu cinzento . tomar mais um café no hotel baía e começar a ter cascais com menos gente . 

 

  

 

  

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

e depois continuei a arrumar, porque a minha casa tem vida própria e desarruma-se . acho que sozinha, porque eu cá não dou por isso . arrumei o meu espaço dos trabalhos manuais e voltei a ter vontade de fazer coisas . às vezes faço um intervalo, não tenho ideias ou se tenho, não me apetece pegar em tintas, serras e colas . nem sequer na costura, linhas e tesouras . às vezes não me apetece sujar as mãos, nem fazer nada .

  

 

 

 

 

13
Out17

83 - Andei na net [e por aí] e trouxe comigo


Mac

 

 

 . ideias para usar o blusão ex-boyfriend da levi's .

 

[portanto para usar com tudo e tudo]

 

 

 

 

. porque uma camisola de riscas azul e branca nunca é demais, mais uma .

 

 

[há sempre uma novidade, ou a risca branca é mais larga, ou é a azul, ou agora a branca é tão fininha, ora são as duas largas. há sempre uma boa desculpa - não se vê logo? - para comprar uma camisola de riscas]

 

 

 

 

 . e uma saia de malha da massimo dutti, desta vez em branco .

 

[gosto imenso deste tipo de saias para usar no início da primavera e outono, e às vezes no inverno com um camisolão e botins. além de confortáveis, estão sempre impecáveis]

 

 

   

 

 

 

 

 

 

 

 . um presente da corine de farme com os produtos (já habituais por aqui) para a higiene do mais novo (sou fã deste cheirinho) .

 

 

 [já viram o passatempo giro que está a decorrer até dia 31 de outubro? habilitem-se a ganhar uma viagem de sonho em família. para isso basta que partilhem as peripécias dos banhos com os vossos bebés, em banhos de sonho]

 

 

 

 

 

 

 . para o haloween adolescente, máscaras assustadoras da mascarilha .

 

[comecei por tratar da decoração para a festa do mais novo e acabei a comprar coisas para o halloween do mais velho. se um dia me dissessem que iria comprar estas coisas, jurava que não, pronto, nunca digas "desta água não beberei"]

 

 

 

 

 

 

. a playlist da semana . 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

. da architectural digest a casa de ny da julianne moore

 

 

 

 

 

 

. e a frase da semana .

 

11
Out17

209 - A dona de casa perfeita(mente desesperada)


Mac

 

 

 

 

 

O meu armário dos sapatos estava uma barafunda. Aliás a tendência é esta e volta e meia tenho de o organizar, porque vou comprando sapatos e o último par entra onde ainda há um buraco, ou num buraco que arranjo para o efeito, porque tiro um par que uso menos, mas que arrumo de qualquer maneira.

 

Por agora está arrumado. Agrupei calçado por tipos, ou seja, nada de juntar sapatos rasos com sapatos de salto, loafers com sabrinas e outras barafundas que tais. Usei cada prateleira para um tipo de calçado, botas todas ao pé umas das outras, assim como botins, ténis, loafers, sabrinas, chinelos, sandálias, sapatos rasos e sapatos de salto mais ou menos idênticos. Os que uso menos pus em sacos de plástico - que são mais práticos do que os sacos de pano que vêm com os sapatos, porque dá para ver o conteúdo, sem ter de abrir - e nas prateleiras superiores, e ainda deixei alguns em caixas - com etiqueta a identificar o que lá está - uns a dois e dois para aproveitar espaço, como foi o caso de algumas sabrinas, outros sozinhos e porque não os quero estragar no meio da barafunda.

 

Ficou bem prático e o espaço super bem aproveitado com os sapatos que uso mais agora bem à mão, os que não uso resguardados do pó e tudo bem visível para ter uma ideia do que quero calçar. Pode entrar a nova colecção Outono/Inverno 2018 (hahaha)

 

E pronto, arrumar sapatos, é quase o mesmo que arrumar livros, se há quem os ordene alfabeticamente pelo apelido do autor, outros dividem em temas e depois em autores. No meu caso, por exemplo, ordeno pelo nome por que conheço o autor, não necessariamente o apelido. Com os sapatos é o mesmo.

 

Espero que este tipo de arrumação vos seja útil também.

  

10
Out17

181 - As nossas refeições, a vida, o nirvana e eu


Mac

 

 

 

 

 

 

Os meus filhos gostam imenso de frango seja como for, fricassé, com cerveja, assado no forno ou da churrasqueira (mais um que me sai sempre bem), de preferência do Manolo, portanto quando não tenho ideias, o frango salva-me sempre.

 

Para esta refeição comecei com um creme de agrião sem batatas,

 

 

Ingredientes para uma panela de 5 litros:

. 200 g de agrião 

. 4 courgettes

. 3 cenouras

. 1 cebola grande

. 1 dente de alho

. 1 c sopa de azeite

. sal q.b.

 

 

Descasque e corte todos os legumes. Ponha na panela e preencha com água, junte o azeite e o sal. Deixe em lume médio durante 25 mn. Desligue o lume e reduza a puré com a varinha mágica.

 

 

 

 

 

 

 

 

depois o Frango de Fricassé 

 

. 6 peitos de frango 
. 1 cebola 
. 50 g de margarina Vaqueiro 
. sal 
. pimenta 
. 1 dl de vinho branco 
. 1 dl de água 
. 1 cubo de caldo de galinha 
. 1 colher de sopa de farinha 
. 2 gemas 
. ½ limão 
. 2 colheres de sopa de salsa picada
. Preparação

 

Tire a pele ao frango e corte-o em bocados pequenos. 
Descasque e pique a cebola muito finamente e leve a alourar com a margarina Vaqueiro. Junte o frango em bocados e deixe alourar bem de todos os lados. Regue com o vinho branco e a água e adicione o cubo de caldo de galinha. 
Tape e deixe cozer sobre lume brando até o frango estar macio. Nessa altura retire os bocados de frango para um recipiente do serviço e mantenha quente. 

 

Dissolva a farinha com o um pouco do molho e depois junte-a ao restante molho. Deixe engrossar um pouco, mexendo. Desfaça as gemas com o sumo de limão e junte-as também ao molho, mexendo sempre para não talharem. Polvilhe com a salsa picada e deite sobre o frango. Sirva bem quente.

 

 

 

 

 

E para acompanhar o frango, fiz um arroz basmati.

 

 

 

 

 

 

e uma salada de alface com hortelã.

 

 

Tire as folhas à alface e lave muito bem, enxugue com um pano (ou ponha na secadora de legumes) e corte. Deite numa taça, junte as folhas de hortelã e tempere com azeite, vinagre e sal.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para terminar a refeição, bolinhas de melão, só para variar das talhadas, e porque é uma apresentação gira.

 

[fica bem giro misturar numa taça bolinhas de melão com bolinhas de melancia]

09
Out17

29 - Restaurantes de que gosto muito


Mac

 

 

 

 

Villa Saboia é daqueles restaurantes de que gosto muito, tanto para almoços a seguir à praia a caminho de casa, como jantares com amigos ou só a dois.

 

É o tudo em bom.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O espaço é giríssimo e divide-se por dois andares, tendo o superior o espaço do bar e três salas. A sala maior é muito luminosa e óptima para almoços, as outras mais pequenas e com menos luz natural são ideais para jantares. Os empregados são de uma enorme simpatia, o tratamento é excelente e sem grandes tempos de espera. 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

 

A carta é bem variada entre pratos quentes de carne e peixe, sushi, vegetariano e menu infantil bem confeccionado.

 

 

 

 


 

  

 

 

 

 

A cereja no topo do bolo é a carta das sobremesas incluir gelados do Santini e para terminar em grande, o café é Nespresso. Não podia ser melhor, é mesmo tudo em bom.

 

 

 

 

09
Out17

180 - Outubro, a vida, o nirvana e eu


Mac

 

 

  

 

 

 

 

 

 

 [duas ou três coisas que gosto em outubro]

. ficar ao sol sem precisar de ir ao banho para refrescar .

[porque este sol já não queima, não bronzeia, mas aquece a alma]

. achar um espanto ir à praia quatro dias seguidos .

[e depois lembrar-me que é normal e que naquele ano, no final de outubro já na véspera do pedro nascer, estive na praia]

. ter nascido em outubro .

[e achar que isso é a coisa mais trivial do mundo]

 

 

  

 

 

 

[quatro ou cinco coisas que gosto em outubro]

. ter um filho que nasceu em outubro .

[e achar que isso é a coisa mais especial do mundo]

. comprar roupa que não posso vestir logo . e sapatos . 

. não querer que o calor acabe, mas ter imensa vontade de usar botins, casacos

e camisolões .

[só para estrear, depois pode voltar outra vez o calor]

. os dias que começam gelados, passam a tórridos e acabam glaciares .

. o tempo que muda de repente, sem aviso .

. o cheiro dos assadores de castanhas nos fins de tarde a pedir casacos .

. romãs e abóboras .

. os fins de tarde de domingo no cinema e acabar o dia a jantar em casa dos avós .

[começámos a época com o blade runner 2045 . amei, mas peugeot?? porquê?]

. gosto de outubro .

 

 

 

 

 

 

 

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D