Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

05
Fev14

610 - LAI LAI LAI


Mac

 [isto são ideias de como eu deveria ter as coisas para as nails]

 

 

 

Acordei com uma afectação organizativa qualquer. Tenho dias. Hoje aos meus olhos tudo está desarrumado. O que me transtorna cá a veia embirrante são os vernizes. Isso e a parteleira dos rolos de papel de cozinha, sim, aquela com a película aderente, folha de alumínio e isso. Aquilo interfere com os meus fracos nervos, uma pessoa vai para tirar o rolo de película aderente, que já de si foi pensado por mentes maléficas para perturbar as donas de casa, e fica com os nervos ainda mais transtornados, porque ao tirar aquela caixa estreita de película aderente, cai-lhe em cima a de alumínio, a que tem os sacos de congelação e a do papel vegetal. Juro que até tenho vontade de beber o vinho de cozinha todo de cada vez que levo com aquelas caixas na moleirinha. Então para não beber o vinho de cozinha todo, estive cá a pensar, ou passo os rolos todos para uma gaveta e assim nada me cai em cima, ou arranjo um sistema qualquer, mas hei-de ser uma pessoa zen, sem embirrancias, afectações estranhas e isso.

 

Ah os vernizes, pois que andei a estudar na net ideias e pode ser que adopte alguma. Não é que isto da organização dos vernizes seja importante, mas pronto.

 

 

Também andei a ver coisas da Muji e estou capaz de passar por lá. Gosto mesmo muito daqueles organizadores em acrílico. Olha, vai-se a ver também já arrumava as bijutarias, que são outras que se me embaraçam e me deixam logo de manhã tolhida dos nervicos.

 

 

[isto é a realidade das minhas coisas para as nails]

 

 

[sofro muito dos nervos, eu]

 

04
Fev14

609 - LAI LAI LAI


Mac

 

 

 

 

 

 

 

 

Depois da alfazema seca, desfazem-se as flores e enchem-se os míni sacos para o efeito. Gosto tanto do cheiro a alfazema nos armários das roupas de casa.

 

 

[e gosto do cheiro que trago nas mãos] 

04
Fev14

77 - A MINHA BARRIGA, CAPRICHOS, DÚVIDAS BIPOLARES E COISAS ASSIM


Mac

 

 

 

 

Adoro comer duas Clementinas para finalizar o almoço. Também me servem duas tangerinas, ou uma laranja. Adoro beber um café a seguir ao almoço. Detesto o sabor do café a seguir às Clementinas. 

 

 

[sim, eu sei que citrinos e café me rebentam com as entranhas todinhas, fazem-me rugas no cocuruto e borbulhas nos calcanhares, mas pronto]

04
Fev14

250 - A SÉRIO!!??


Mac

Na época da minha adolescência, havia uma casa na Costa de Caparica que tinha bidés no jardim. Os bancos do jardim eram bidés. Bidés com tampos de madeira feitos à medida, mas bidés. Ao que se sabia o dono daquela casa comprou-os a um preço catita e como não tinha casas de banho para tantos bidés, instalou dez bidés no jardim. 

 

[qual é mesmo o problema das casas de banho com duas sanitas? bom, eu sei qual é o problema, mas pronto, aos meus olhos isto resolve-se muito bem, subutilizam-se as casas de banho e apesar de terem duas sanitas, são usadas apenas por uma pessoa de cada vez. mas isto é uma não notícia, acho eu. ou então não estou mesmo a ver o que o resto do mundo vê]

03
Fev14

52 - CROCHÉ, COLAGENS, TRICÔ, FILET, BRICOLAGE E COISAS ASSIM


Mac

 

 

 

Também não sabia o que fazer com aquela mesa e estantes, coitadas cada uma à sua maneira não tinham um espaço nesta casa, já tiveram, mas entretanto eu mudei de ideias, portanto as coitadas todas juntas faziam um conjunto das minhas falhas decorativas, erros de decoração, arrependimentos, trocas que deveria ter feito, mas fiquei a pensar na morte da bezerra e isso.

 

Nos entretantos, também era pessoa para reclamar qualquer coisa da vida, ai que não tenho um espaço para as minhas pinturas e costuras e bijutarias e invenções, criações, ou coisa que o valha, e ai ca chatice, agora monto a máquina de costura e depois faço um bocado, e apetece-me pintar, mas tenho de ir buscar isto mais aquilo mais aqueloutro e depois tenho que arrumar tudo e cada vez que me lembro de fazer isto ou aquilo, dá-me tanto trabalho montar tudo e voltar a arrumar, que nem vale a pena. 

 

E pronto, juntei tudo na sala ao pé do escritório e fiz uma espécie de atelier para trabalhos manuais, onde posso estar a meio de uma coisa e não tenho que arrumar tudo, pronto, é só interromper e retomar quando bem me apetecer, porque ninguém vai precisar daquele espaço para fazer os trabalhos de casa, nem para brincar, para lanchar ou isso. 

 

 

[por acaso tenho muita vontade de pintar as estantes e a mesa de branco, mas depois lembro-me disto e sustenho-me. um blog também serve para isso, para me lembrar dos meus erros e jamais voltar a repeti-los. nunca mais pintar estantes e móveis. nem me meter com pistolas de tinta e isso. nunca mais]

03
Fev14

249 - A SÉRIO!!??


Mac

 

 

Ora portanto temos andado a brincar e vai de brindar esta Maria aqui com sete euros, na loucura oito, de quando em vez. Brincaaaaaalhõeeeeeeeeees. Mas pronto, por mim podem atribuir-me logo os não sei quantos milhões de uma vez e escusamos de andar neste ramram, boa? Garanto que tenho um jeitão para muito rica.

 

 

[é que de cada vez que recebo um e-mail da Santa Casa e vejo o assunto, juro que me ocorrem coisas bastante malucas pela cabeça, depois vai-se a ver e pagam-me as apostas de vez em quando] 

03
Fev14

608 - LAI LAI LAI


Mac

 

 

 

 

Comprei este biombo vai para uns anos, porque o achei giro e muito sem pensar na sua real utilidade. Acontece-me amiúde. Ainda o acho giro, mas mostrou-se-me sempre inútil. É no que dá comprar coisas sem planear. Adiante. Bom, tinha-o pensado para o quarto de bebé do filho grande, mas depois de posto, mostrou-me que quando a criança gatinhasse era coisa para lhe cair em cima com facilidade, vai daí, arrumei-o. Depois tentei pô-lo na cozinha, mas não, depois no antigo escritório, também não, e nunca foi usado para nada. Há uns dias e farta de o mudar de um lado para o outro, instalei-o junto daquela parede e acho que sim, finalmente terá uma utilidade, não como biombo, mas como placard. Parece-me que sim. Está a dar muito jeito para pendurar os desenhos que faço, alfazemas a secar e moldes de stencil a usar.

 

 

[agora que olho mais para ele, era capaz de dar um toalheiro giro, quer dizer, para pessoas altas. hmmm se o serrar a meio, dá um toalheiro giríssimo. hmmm para já é melhor ficar assim, com toalhas era capaz de ficar estranho]

 

 

[por acaso tenho alguma dificuldade em admitir más compras, tanto que até me render às evidências, dou mil e uma utilidades ao objecto frustrado e frustrante. umas vezes calha-lhe o sucesso no meio das tentativas, outras é só o adiar do inevitável, mas pronto]

Pág. 7/7

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D