Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

22
Dez11

11 - É NATAL, É NATAL, LAILAILAI


Mac

 

 

 

 

 

Prendas, presentes, oferendas e quejandos todos comprados. Objectos do amor materializado que se quer dar aos outros queridos. Dos filhos para os pais, nós, mas quem compra são os pais, nós. Dos netos para os avós, mas quem compra são os pais, nós. Dos sobrinhos para os tios e quem compra são os pais, nós. Dos afilhados para os padrinhos e quem compra somos nós, os pais. De nós para os pais, os nossos, e quem compra somos nós. De nós para todos os que amamos e claro, nós é que compramos.

 

Uma canseira, pronto, com a ajuda do Mac Man que tratou de praticamente tudo, mas faz de conta que sim, que me estafei, lutei entre multidões e o coiso. Por acaso até estafei qualquer coisinha, mas está bem. Está tudo louco. Roubam-se lugares de estacionamento. Empurram-se seres da mesma espécie. Largam-se portas para cima de quem vem atrás. Enfim, o verdadeiro Eu do povo, disfarçado pelo vazio durante o resto do ano.

 

Ontem fui a uma superfície comercial e tratei de umas tantas. E devia ter escrito nos embrulhos para quem são, mas esqueci-me. Agora sobra-me a tarefa de descobrir e etiquetar o que é para quem. Bonito serviço, sim senhora. Mas tenho uma boa desculpa, como sempre, a verdade é que com isto das vacinas, tive de acordar às três da manhã para pôr ao bebé um supositório de Ben-U-Ron. A pediatra deixou ao meu critério, mas eu cá não vou em coboiadas de febres em bebés. A verdade é que neles a febre sobe muito depressa e pode dar convulsões. Ora se pode ser evitada, evita-se, maneiras que vai de amigo Ben de oito em oito horas, durante dois dias.

 

Ah é verdade, quanto às etiquetas, é que nem os embrulhos me dizem algo sobre os conteúdos, não me lembro lá muito bem do que comprei, mas sei que comprei com muita intenção e carinho. Isto do pós parto põe-me sempre meia tantã, esquecida e tal, é normal, minhas amigas, é muito normal, depois passa.

 

Bom, vou tratar de espreitar os embrulhos, é melhor. Assim de repente seria chato oferecer a mãe querida um jogo de ferramentas (que não comprei), ao sogro querido uma camisola cor-de-rosa (que não comprei), ou ao Mac Kid uma garrafa de Vodka (que não comprei).

21
Dez11

36 - COISAS QUE ME DEIXAM OS NERVOS A MODOS QUE APOPLÉCTICOS


Mac

 

 

 

 

 

E ontem fomos às vacinas dos dois meses. Sou daquelas mães em que se deve confiar muito pouco nas aparências. Pareço simpática e calma, pois pareço, mas sempre pronta para morder em quem provoca um miligrama de dor nos meus filhos. Sim, sei que as vacinas são para o bem dele, para evitar males maiores e patatipatata, mas naquele nano segundo em que o bebé começa a chorar de dor, tenho sempre vontade de partir para a ignorância e sovar a enfermeira com alguma violência. Vá, que anos de formatações civilizacionais me impedem. É o que lhes vale.

21
Dez11

...


Mac

 

[e antes que me venham para aqui ah e tal então dizias que fotos dos filho na net, jamais, pois sim, é verdade, continuo a respeitar a identidade deles, principalmente porque ainda não têm voto na matéria, o que não me dá o direito de os espalhar a meu belo prazer. continua e continuará a não haver nenhuma foto do Mac Kid, que já tem a cara bem definida e mais não haverá do Mac Baby.

naquela foto não se lhe vê a cara e a verdade é que os bebés mudam muito]

21
Dez11

15 - SÓ UMA MÃE SABE


Mac

 

 

  

dois meses do meu bebé . o mais lindo do mundo . claro . é o meu bebé . dois meses deste acordar com o cheirinho dele . e encher aquelas bochechas de beijos . dois meses deste amor incondicional . para a vida . e já sorri . sorri muito . chora pouco. quando tem que chorar . de sono . com algumas cólicas . de fome . e quando se sente sozinho . conheço-lhe todos os choros . as mães distinguem sempre os diferentes choros dos seus bebés . é assim que começa esta linguagem muito própria . que só as mães sabem . já os conhecemos na nossa barriga . e falamos com eles . depois . depois é dar muito colo . muitos beijinhos . e cheira-los . muito . e muito . proteger . cuidar . e amar-te assim perdidamente .

21
Dez11

20 - O MEU PÓS PARTO, CAPRICHOS, DÚVIDAS BIPOLARES E COISAS ASSIM


Mac

 

 

 

 

 

Ora então, passadas duas semanas da aplicação desta coisa moderna do verniz gel, duas unhas já se foram, quer dizer dois vernizes gel em duas unhas, já quinaram. Uma, porque deixei o dedo ao fechar o carrinho de passeio do Mac Baby e parece que entalões não lhe dão saúde. Ficou-me a dor e um impropério humano, mas o verniz do anelar esquerdo, foi-se. A outra, porque o Mac Kid me espalhou migalhas de bolachas na cozinha e ao ir buscar a vassoura, bati com o médio da mão direita na parede e zás, ficou-me lá a coisa moderna.

 

Concluo que isto resulta muito bem para quem tem uma vida assim paradinha e de contemplação. Chateia-me porque eu pensava que ia passar o Natal toda pop e mostrar ao mundo que apesar de andar a plantar batatas conseguia ser uma mulher fashion, portanto um tudo em uma, multifacetada e surpreendente. Não vou conseguir. E isto aborrece-me muito. 

 

Claro que com estas contrariedades só posso andar com uma tensão de 17-9. Ora porr@, logo eu que era uma de 11-6. Corta no sal, faz dieta e tem juízo. Quer dizer, por causa da amamentação já não posso beber café, chá e Coca-Cola. Não posso comer chocolates e citrinos. Agora corta-me no sal. Acho que não vou falar mais com a senhora doutora, não vá ela cortar-me no Bolo Rei e deixar-me a leitinho todo o Natalinho. E isto parecendo que não, também me aborrece qualquer coisa.

20
Dez11

198 - A SÉRIO!!??


Mac

 

 

 

 

 

Também é muito irritante esta nova onda de deixarem comentários a fazer fofoquinha bera sobre outros habitantes da blogo. Qual é a ideia, hein? Oh pah eu não publico lixo, não tenho mentalidade de porteira e detesto quem tem. Mais, a vida dos outros não me diz respeito.

 

[nada contra as porteiras, ok? É só uma expressão e alguma fama atribuída à classe, a verdade é que da fama já ninguém as livra, afinal isto é um país de famas, mas não à minha custa, está benzinho?]

20
Dez11

114 - LAI LAI LAI


Mac

 

 

 

 

 

Aquela coisa de no Facebook nos adicionarem a grupos, sem sermos vistos, nem achados, é muito irritantezinha. Mais irritante é dar-me à pachorra de sair dos grupos a que fui adicionada, e não quero pertencer, e voltarem a adicionar-me até à náusea. Depois a coisa acaba-se quando esta aqui dá uma de chiba e desata a fazer queixinhas aos senhores FB que aquilo é assédio e o coiso. Pois.

20
Dez11

19 - COISAS QUE EU DETESTO E ME FAZEM PENSAR QUE AINDA POSSO VIR A SER UMA INTELECTUAL DE GRANDE CALIBRE


Mac

 

 

 

 

 

Eu ando muito por sites de fotografia, quer dizer, já andei mais, porque agora o tempo é mais curto e porque afinal as minhas manias têm fases. Pronto, sou assim compulsiva quando descubro uma coisa que me agrada, ou que quero, e esgoto-a, até me fartar e não é que me farte depressa, mas acabo por me fartar sempre. De coisas, não de pessoas, quer dizer, também há pessoas que me cansam a beleza, adiante que isso agora não interessa nadinha. Dizia eu, patatipatata e o coiso dos sites de fotografia, ah já sei, pois, e gosto muito e tal, mas há um tipo de fotos que detesto, são aquelas de animais mascarados de humanos parvos e bebés a fazer de coelhinhos, ervilhas e abóboras, tipo Anne Gueds. Não gosto. Não as acho queriduxas e aos meus olhos destituem os animais da sua condição animal e os bebés da sua condição de bebé, que por si só já têm uma existência querida, não precisam de adereços. Uma palhaçada, portanto, mas isto sou eu que não gosto de palhaços, máscaras e carnavais. Ah e do Pai Natal, também quase não gosto, principalmente a partir do dia em que percebi que o velho fica com os louros todos, mas quem financia a coisa sou eu, e esta falta de protagonismo aborrece-me um bocadinho. 

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D