Quarta-feira, 15 de Fevereiro de 2017

742 - LAI LAI LAI [OS TÍTULOS NÃO SÃO O MEU FORTE]

  

 

 

 

 

 por estes dias . um restaurante que não planeámos por ser dia dos namorados, mas que calhou muito bem . adoro-o . a vista é fantástica, o serviço é um dos melhores que há e o risotto de sapateira e os filetes de robalo estão no meu top . o regresso ao l'air du temps, porque tive saudades de um tempo . tenho memória olfactiva e associo pessoas, épocas e locais aos perfumes que usava em determinada época . fica-me o registo . uns botins super confortáveis. e um céu que às vezes tenho a certeza que foi pintado .

© Mac às 10:28
link do post | favorito (1)
Sexta-feira, 10 de Fevereiro de 2017

59 - ANDEI NA NET [E POR AÍ] E TROUXE COMIGO

 

 . estes sapatos jeffrey campbell .

 

 

 

 

 

 

. o we the people . e o instagram .

  

 

 

 

 . esta granola para misturar com frutos vermelhos frescos (principalmente framboesas) no iogurte simples (sem açúcar) .

 

 

 

 

 

 

 

. e porque uma mulher também vive da asneira, do canto das gomas, agora também o canto dos m&m de todas as variedades, maltesers e mais não sei quantas variedades de míni chocolates . 

 

[tenho de me lembrar de não entrar naquele corredor]

  

 

 

  

. do marcus design muitas ideias para a casa e muitos antes e depois (adoro ver as n soluções que é possível dar a um espaço aparentemente sem piada nenhuma) .

 

 

 

 

 

 

. e a frase da semana .

© Mac às 15:18
link do post | favorito (1)
Segunda-feira, 16 de Janeiro de 2017

39 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

 

 

 e para o dia mais deprimente do ano, uns sapatos cor-de-rosa

 

 

#BlueMonday

tags:
© Mac às 18:39
link do post | favorito (2)
Terça-feira, 10 de Janeiro de 2017

38 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

  

 

  

 

frio lá fora, sapatos confortáveis cá dentro

 

(estes amores lindos de sua mac vieram da uterqüe)

 

 

 

[cada vez mais gosto deste género de sapatos (e conseguir ter os miúdos a esta hora em casa neste dia tão invernoso, também). são confortáveis, não me obrigam a malabarismos na calçada portuguesa e não me magoam. gosto imenso de os ver com saias de pregas e calças largas, mas com skinny também ficam giros]

tags:
© Mac às 17:08
link do post | favorito (2)
Sexta-feira, 16 de Dezembro de 2016

53 - ANDEI NA NET [E POR AÍ] E TROUXE COMIGO

 

. o casaco encarnado .

 

  

 

 

 

. uns sapatos azuis com o salto paixão do momento e uma mala da burberry que fui buscar aos confins do meu armário (e me acompanhou na gravidez do mais velho, portanto há 17 anos), para usar com muito preto . um lenço preto que faz parte dos valores seguros, a "minha" vogue e o eterno miss dior .

 

[adoro, quando passados muitos anos, volto a usar algumas roupas e acessórios, daqueles que foram ficando porque sim]

 

 

 

. os posters da desenio .

 

 

  

 

 

 . esta casa . 

 

 

 

 

 . árvores de natal para espalhar por aí .

 

 

 

 

 . o marina sushi bar by gordinni, para os almoços de domingo .

 

 

 

 

 

. e a frase da semana .

© Mac às 12:36
link do post | favorito (1)
Terça-feira, 22 de Novembro de 2016

37 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

 

 

 

 

Adoro ténis, mas sou dada a algumas manias, como num determinado modelo só gostar de uma cor, e nessa cor achar que só fica bem a pala branca, portanto tudo quanto me aparece com pala preta é feio, ou a cor dos atacadores tem de ser da cor dos ténis, ou afinal não, tem de contrastar. Enfim, há coisas piores. Agora queria os Gazelle em cinza, porque sim e com a pala branca porque sim. Passei na loja da Adidas, tinham 4 cores e nenhuma delas em cinzento. Havia cinzento a partir do 39, mas eu não calço 39. Fui às lojas multi-marcas e a média de variedade andava ali nas quatro ou cinco cores abaixo do 39 e nenhuma era em cinzento.

 

Acabei por encomendar na loja online da Adidas, onde encontramos toooodos os ténis da marca. No caso dos Gazelle, por exemplo, há todas as cores. E já que ali dá para personalizar os ténis, aproveitei, e em quatro dias tinha em casa os ténis exactamente como queria. 

 

Fica a dica.

tags:
© Mac às 13:52
link do post | favorito (1)
Quinta-feira, 17 de Novembro de 2016

115 - A MINHA BARRIGA, O MEU UMBIGO, CAPRICHOS, DÚVIDAS BIPOLARES, BIRRAS E COISAS ASSIM

 

 

 

  

Toda a gente sabe que sou uma adoradora do Verão, é verdade, espero nove meses, a exacta duração de uma gestação humana, pelo Verão, só quero o Verão e é dele que gosto. Tolero o Inverno antes do Natal, porque se passa numa espécie de anestesia a preparar o Natal, tudo é bom, penso no que quero dar, no que quero receber, na decoração da casa, na Árvore, na ementa e isto anda aqui num efeito de droga, que me faz ver a coisa com os filtros das 'luzinhas a piscar, brilhos e Azevias. Depois do Natal, já se sabe, a coisa muda de figura, nada de novo, nada que já não esteja cansada de dizer. Mas até eu preciso que isto tenha condições, ou seja, gosto de calor, 'solinho e isso, mas não em Novembro. Em Novembro estou à espera de dar uso aos casacos, botas e camisolas, em Novembro não espero sair de casa de manhã sem qualquer agasalho, sem meias e com 19º C. Em Novembro preciso de estrear o que já comprei, porque o comércio me convenceu em Agosto, que em Outubro eu não ia querer outra coisa, mas vai-se a ver e nem em Novembro. Começo a sentir que fui enganada, preciso de frio, nem que seja para em Janeiro, lá está após o Natal, reclamar que não se aguenta e que depressão e quando é que vem o Verão e isso. 

 

»»» • «««

 

. Botins . Zara

. Chapéu . Feira da Golegã

© Mac às 09:55
link do post | favorito (2)
Terça-feira, 15 de Novembro de 2016

739 - LAI LAI LAI [OS TÍTULOS NÃO SÃO O MEU FORTE]

 

 

  

 

. por estes dias, nuns pés perto de si .

. estou completamente fã dos granny shoes . são confortáveis, não me imbicam com a calçada portuguesa, ou ela com eles, mais por aí, e são giros .

 

 

. por estes dias, numa casa-de-banho perto de si .

regressei à teint idole ultra, porque se calhar aquela máxima de que a pele se habituou e já não faz efeito, é verdade . deixei-a há uns largos meses . agora no início do outono andei nos pós da chanel, mas comecei a precisar de qualquer coisa que me desse uma boa cobertura à cara, como ainda tinha um resto de teint idole, deixa cá ver que tal nos damos, e demos bem novamente . mantém-se impecável todo o dia, não me põe a zona t em brilhos inestéticos e não deixa a zona para além do perímetro t, mega seca e a atirar com base para todo o lado . estamos amigas . e para finalizar, estou numa de j'adore da dior . 

 

. por estes dias, é o que me apraz comunicar, portanto .

© Mac às 13:16
link do post | favorito (2)
Quinta-feira, 27 de Outubro de 2016

36 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

 

 

 

 

calor lá fora (mas o que é isto???), sapatos cinza cá dentro

(estes amores lindos de sua mac vieram da uterqüe)

 

 

[já agora, porque me lembrei, nesta época do ano a minha pele fica mista e uso bases em pó, pós compactos, ou como lhes queiram chamar. esta da chanel, o mat lumiere compact por exemplo, é óptima e mantém-se impecável durante todo o dia (estou a usar o contour, porque é a mais próxima do meu tom de pele), e para dar um ar, dou por cima umas pinceladelas com a terracota da guerlain, mas pouco. mantenho o lápis de sempre e a máscara de sempre. e estou a adorar o ck beauty (na perfums's club com um desconto obsceno)]

 

 

 

 

© Mac às 14:06
link do post | favorito
Domingo, 23 de Outubro de 2016

35 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

 

 

 

 

chuva lá fora, sapatos cor-de-rosa cá dentro

 

(estes amores lindos de sua mac vieram da uterqüe)

tags:
© Mac às 17:12
link do post | favorito
Sexta-feira, 21 de Outubro de 2016

46 - ANDEI NA NET [E POR AÍ] E TROUXE COMIGO

 [A primeira vez que vi a Ana, olhos nos olhos, sangue com saliva de beijos, coração a transbordar. Cortar as pontas do feijão verde com a minha avó, a faca de cabo de madeira, para a seguir ela me fazer peixinhos da horta. Apanhar o autocarro para ir com a minha mãe comer hot dogs a um carrinho ambulante, em Cascais, às sextas-feiras quando não tínhamos dinheiro para nada, quase nem para comprar hot dogs. A hora em que o meu avô chegava do trabalho para almoçar e a mistela que me fazia, esmagando as batatas e o peixe cozido, de modo a convencer-me a comê-los. [continua aqui]

  

 . este texto da minha ursa preferida .

 

 

 

  

. blazers em tweed (com cotoveleiras), pied-de-poule, ou príncipe de gales . 

 

 

 

  

. estes botins, que além de giros e mega confortáveis, provam (mais uma vez) que o barato também é bom . 

 

 

 

 

 

. as meias da zippy, que renovo todos os anos e já nem procuro outras marcas (têm uma óptima relação qualidade/preço) . 

 

 

 

 

 . e já que a onda é pés, calçado e meias, da calzedonia vieram as já habituais meias anti-derrapantes .

(gosto muito das meias de lá, são bem grossas para proteger bem os pés do frio e têm uma boa aderência ao chão)

 

 

 

. e a frase da semana . 

© Mac às 10:09
link do post | favorito
Quarta-feira, 19 de Outubro de 2016

207 - COISINHA MAI LINDA, RIQUEZAS DE SUA MÃE

  

  

 

 

 

 

 

Entretanto na Pisamonas tratei do calçado da criança pequena, já para o Inverno profundo. Optei pelas botas de carneira que são sempre um valor seguro (e estas são super macias e confortáveis) e pelos sapatos de carneira (adoro), também a pensar nas época das festas. E como ainda não foi desta que acertei no número que o meu filho calça (será negação?), lá fiz a troca, que é sempre de um dia para o outro.

 

[e claro, chega a encomenda e é a alegria do costume por causa dos balões]

© Mac às 10:17
link do post | favorito (1)
Quinta-feira, 29 de Setembro de 2016

34 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

  

   

 

 

 

 

 

 

 

Fui aos loafers da H&M. Sou completamente fã, por todas as razões e mais alguma. Porque são mega baratos e provam que o que é barato também pode durar bastante em muito bom estado (os azuis e os bordeaux são do ano passado), porque são muito confortáveis, porque adoro vê-los com skinnies e calças super largas, porque são uma boa variante para viciadas em sabrinas (eu, eu!) e porque sim.

  

Desta vez trouxe os cinzentos, que gosto imenso de ver com calças brancas e camisolas em cinza, e os pretos, que dão sempre jeito.

tags:
© Mac às 10:27
link do post | favorito (2)
Terça-feira, 20 de Setembro de 2016

133 - CROCHÉ, COLAGENS, TRICÔ, FILET, BRICOLAGE E COISAS ASSIM

IMG_5695.JPG

 

 

 

Como já ali tinha partilhado no Facebook, achei por bem mudar a cor de uns sapatos e dar-lhes uma última oportunidade. Comprei-os grávida de 7 meses do Pedro, agora acho que foi uma coisa de grávida, daquelas da negação do estado enorme, e claro que nunca aguentei a minha pessoa 4 X 4 em cima daqueles saltos. Depois veio o pós parto e a coisa também não se deu. Depois veio mais não sei o quê. E depois o "onde é que eu tinha a cabeça para comprar isto nesta cor de fugir?". Adiante.

 

 

 

IMG_6257.JPG

  

 

 Então ocorreu-me que se lhes mudasse a cor, se calhar ficavam bastante potáveis. Passei no sapateiro que me quis levar a reforma só para os passar de azulão para preto e foi assim que resolvi comprar a tinta.

 

É facílimo, a caixa traz umas esponjas, pincel e dois frascos, um com um líquido para limparmos os sapatos e outro com a tinta. Comecei por limpar os sapatos com o tal produto, dei duas camadas de tinta com a esponja, deixando secar bem a primeira camada, antes de dar a segunda, e já está, sapatos pintados.

 

 

 

IMG_5704.JPG

 

 

IMG_5680.JPG

 

 

 

Acho que sim, que os vou usar com esta cara renovada.

 

E é isto, acabou-se a era dos sapatos que ponho de lado, porque mudei de ideias em relação à cor.

© Mac às 11:13
link do post | favorito (1)
Quinta-feira, 8 de Setembro de 2016

205 - COISINHA MAI LINDA, RIQUEZAS DE SUA MÃE

 

 

 

 

 

 

 

  

Entretanto, na Zippy tratei do calçado todo do Pedro. Trouxe os sapatos para usar no colégio, ténis para os fins-de-semana e ainda vieram uns de lona, porque de repente tudo quanto lhe tinha comprado para o Verão, deixou de servir (em Junho calçava 27 e agora passou para o 29), ainda está calor e no início das aulas custa-lhe passar do regime 95% descalço, para quase sempre calçado. Como os ténis de lona são mais frescos e nem precisam de meias, a transição é mais fácil, além de que até ficam giros com o uniforme.

 

Ainda me ficaram debaixo de olho as botas de Inverno, mas vou arriscar e deixar para quando aparecer o frio, é que se continua a crescer assim, muito provavelmente quando for altura de as usar, já não lhe servem.

 

 

[está a decorrer uma campanha de 20% em todo o calçado]

© Mac às 12:14
link do post | favorito (1)
Quinta-feira, 14 de Julho de 2016

33 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

  

  

 

 

De 1 a 10, quando é que começa a ser obsceno dizer que se está tremendamente apaixonada por umas sandálias?

 

 

‪#‎sómedoualegrias‬

tags:
© Mac às 11:29
link do post | favorito
Quinta-feira, 9 de Junho de 2016

32 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

 

 

  

 

Como já disse, no Verão para os miúdos, gosto de calçado que se possa usar sem meias, fresco e que se possa lavar na máquina. Para a praia, sou fã das alpercatas e, apesar de não gostar nada de sandálias para rapazes, a coisa muda de figura com as de borracha, que nos facilitam imenso a vida, porque nem é preciso sacudir a areia dos pés.

 

Para o Pedro tratei do calçado quase todo na Pisamonas. Vieram de lá os ténis em creme, as alpercatas encarnadas e as sandálias de borracha em azul. Gosto imenso do serviço deles, é super rápido, encomendamos num dia e no dia seguinte já temos tudo em casa. Desta vez enganei-me no número, mas não houve problema, bastou pedir a troca e no dia seguinte já tinha os sapatos correctos. 

 

Para a mãe do Pedro e para usar e abusar com calções, vestidos de praia e o que mais me apetecer, vieram umas alpercatas da Pisamonas, que são fantásticas. Fiquei fã. 

 

 

 

 

 

 

 

________________________________

. Ténis em creme, alpercatas e sandálias de borracha . Pisamonas 

. Ténis azuis . Mo

© Mac às 13:44
link do post | favorito (1)
Terça-feira, 5 de Janeiro de 2016

172 - A DONA DE CASA PERFEITA(MENTE DESESPERADA)

 

 

 

O calçado que ficou, levou uma grande arrumação, escovei, limpei e isso, e pus cada par num saco de plástico e deitei fora as caixas (aquela coisa da caixa com a foto do que lá está, ocupa muito espaço e não é prática), assim como deitei fora todos os esticadores, que só serviram sempre para atrapalhar e como não estão ao molho, também não precisam de nada para os esticar. Também corri com os sacos de pano para guardar sapatos, que só servem para acumular pó, mesmo dentro da sapateira e não têm utilidade de maior, assim como com todos os tubos para canos de botas, que eram de cartão e só servem para atrair traças. Em suma, 

. os sacos de 5 litros, para alimentos da IKEA, são muito bons para os botins e sapatos de saltos

. os sacos de 3 litros têm o tamanho certo para as sabrinas, sandálias rasas, mocassins e isso 

. para as botas, o ideal são os sacos para cobertores que se vendem na drogaria, e para lhes manter os canos direitos, conservei os tubos de plástico que algumas já tinham e uni-lhes os canos pelo interior, com uma mola daquelas que já vem com algumas botas, para as que não as têm, usei uma mola da roupa, porque com ou sem tubo, a mola ajuda a que os canos fiquem direitos.

 

Do ponto de vista estético fiquei a perder, o armário dos sapatos não ficou tão bonito, com cada par metido num saco de plástico, a verdade é que adorava olhar para os meus meninos ali todos perfilados por géneros, cores, fins e outros critérios que só interessam a mim, mas mesmo num armário com portas, os sapatos davam algum trabalho, porque acabavam por apanhar pó, ou esquecidos porque estavam em caixas.

 

Assim fica tudo mais simples, ficou o que realmente uso e o que tem grande potencial para vir a ser usado, e todos arrumados de forma a não precisarem de limpeza do pó, ou seja sempre impecáveis para usar sempre que me apetecer. Acima de tudo estão todos bem visíveis, porque estão em sacos transparentes, portanto já nem há desculpas de que me esqueci destes ou daqueles.

tags:
© Mac às 14:35
link do post | favorito (2)

106 - DIZ QUE SIM

 

 

 

 

Depois de uma arrumação aos sapatos, botas, sandálias e tudo quanto se calça, com o grande objectivo de tirar daqui tudo quanto já não calço e não voltarei a calçar, porque resolvi começar o ano a destralhar a casa e a vida, concluo imensas coisas. A saber,

 

. Sou perfeitamente capaz de ter o mesmo modelo de sapatos em quatro ou cinco cores diferentes.

. Também sou capaz de ter dois números do mesmo modelo e cor, ora porque estava grávida e grávida sou mulher de pés grandes, ora porque não estava, ora porque não havia o meio número e na indecisão - não fossem uns magoar-me e outros saltar-me dos pés - trouxe dois pares.

. Consigo usar alguns sapatos até se desfazerem e guardo-os não sei para quê. Muito provavelmente, acho que há um poder de auto regeneração nos sapatos estafados, que foram abandonados, assim uma coisa à Fénix.

. Tenho sapatos que nunca calcei (julgo que foram calçados no dia em que os comprei), ou porque são demasiado parecidos com alguns que já tinha e os outros fizeram melhor as vezes, ou porque eram giros em teoria, mas só isso, ou seja são giros vistos à distância, mas calçados não combinam com nada, e ainda os assumidamente feiíssimos, mas que só lhes vi a fealdade tarde demais. 

 . E tenho sapatos lindos de morrer, que calcei, e sapatos de fugir, que também calcei, daqueles que não sei onde tinha a cabeça quando os comprei, julgo que tinha a cabeça em parte incerta, mas não tenho a certeza.

. Também tenho sapatos que ainda não percebi se são giros, ou feios, porque a percepção do feio e bonito, também depende do meu humor.

 

E não me envergonho por aí além.

 

[Portanto dei tudo quanto não uso e está em bom estado, independente se é giro ou feio. Foi uma boa decisão. Gosto de oxigenar, destralhar e desimpedir os armários]

tags:
© Mac às 10:02
link do post | favorito (2)
Segunda-feira, 19 de Janeiro de 2015

31 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

 

 

 

Depois de estar mais de um mês a sabrinas e calçado sensaborão - de que gosto, pois gosto, mas não quando são a única alternativa - consegui uns botins que consigo calçar com o pé no estado que já se sabe e ainda por cima são super confortáveis, nem rasos, nem altos, ali com o salto médio ideal e estáveis. E foi o que usei durante o fim-de-semana, ora com calças brancas que adoro tanto no Verão como no Inverno, ora com calções e meias opacas. Quem diria que algum dia gostaria de botins, quem diria que além de gostar de botins, iria gostar de os ver com saias e depois de gostar de os ver com saias, ainda iria gostar de os ver com calças por dentro, e além de gostar de os ver com saias e calças por dentro, ainda iria gostar de os ver com calções. Mas sim, gosto e gosto muito.

tags:
© Mac às 10:07
link do post | favorito
Segunda-feira, 10 de Novembro de 2014

04 - COISAS A QUE ME APETECE DAR AMOR, CARINHO E UM LAR

 

 

 

Não percebo o que se passa com quem fabrica botas, mais precisamente, botas de camurça. Sou uma amante das botas em camurça, gosto muito delas, apesar de se arruinarem com meia dúzia de gotas de chuva, mas pronto, como não foram feitas para andar à chuva, é tudo uma questão de ter cuidado. Adiante. Dizia eu que sou uma fã de botas em camurça, mas constato que há à venda imensas botas e botins em preto, mas há um enorme deficit do mesmo modelo giro, mas em castanho. E não, não serve cor de mel, cor de blheca, cor de folha de árvore que cai no Outono, não, só serve castanho escuro, é castanho escuro que acho giro e que gosto de combinar com rosa, por exemplo, com azul claro, com creme, enfim. Aos meus olhos tudo quanto é camurças, antílopes e assim, fica mais giro em castanho. 

 

Eu gosto imenso de calçado castanho, mas é sempre este castigo. Este ano até se deram ao incómodo de fazer botas brancas e encarnadas, cinzentas também. Vá, as cinzentas ainda sou pessoa para gostar, mas brancas, pois não, temos pena, mas é das tais coisas que jamais. E encarnado também não estou bem a ver.

 

Castanhas sim? Vá, não custa nada, é só fazer o mesmo, mas em castanho escuro, sim?

 

[ah já me esquecia, estou a estudar na minha pessoa afável, o modelo acima dos joelhos, mas ainda estou numa fase embrionária da coisa, até porque já as usei há três anos, ou foram quatro? acho que cinco, adiante. mas um dia não gostei de as ver e a um dos pares até cortei os canos. agora que voltaram às bocas do mundo, ando a ver se sim, se não. e não, nunca deverá ser critério aquilo que algumas mulheres, que não gostam das outras mulheres, apelidam de cena à pretty woman, isso não é assim, nunca uma mulher fica a parecer isto ou aquilo só porque vestiu isto ou aquilo, isso é conversa de mulheres que não gostam de mulheres. a mim o que me preocupa é que as botas me cortem um bocado das pernas, é que se por um lado não preciso de ficar demasiado alta com saltos altos, por outro não preciso de ficar com pernas anãs com botas acima dos joelhos. isso sim poderá ser o meu critério, o resto, nem pensar]

tags:
© Mac às 09:40
link do post | favorito
Sexta-feira, 3 de Outubro de 2014

30 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

 

 

 

Como já disse aí uns pares de vezes, sou completamente adepta do uso continuo e massivo de sabrinas, porque ando muito e não estou para magoar os pés com calçado desconfortável, porque os saltos altos são muito giros, adoro-os, mas não são compatíveis com os meus dias, porque carrego muitas vezes uma criança que vai fazer três anos e já pesa uns quilos valentes, porque é aquele tipo de calçado que aos meus olhos faz conjuntos bem giros. E gosto delas tanto com calor do bom, como no tempo frio, que se quer que nunca chegue, mas como ele chegará, quer eu queira, quer não, agora escolhi da colecção de sabrinas de Inverno, que têm um reforço em pele e sola de borracha, estas Josefinas em verniz, as Lisboa.

 

E escolhi bem, são giras que se fartam e super confortáveis, é só o que digo.

 

[post que é bem capaz de ter

um poucochinho de publicidade]

tags:
© Mac às 14:40
link do post | favorito
Terça-feira, 22 de Julho de 2014

29 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

 

  

Estou a gostar muito destas sandálias da nossa nacional e portuguesíssima Ruika, que usei com um vestido comprido que para ali tenho, que apesar de mega altas, são bem confortáveis. Até pensei que precisasse de treinos, porque sou muito das sabrinas, sandálias rasas e isso, mas não, a coisa correu muito bem e estou a gostar muito de lhes dar amor, um lar e uma vida digna. Fico só demasiado alta, mas há coisas piores. Acho que vamos ter um bom relacionamento. Parece-me que sim.

 

 

________________________________

Já me esquecia, o DIY da túnica/poncho com pompons não está esquecido, ainda não tive foi tempo de editar as fotografias e mainãseiquê.

© Mac às 17:20
link do post | favorito
Segunda-feira, 21 de Julho de 2014

28 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

 

 

 

Gosto bastante mais deste modelo das Havaianas, ali com as alças mais curtas, e após diversos testes em diferentes tipos de terreno, desde areal, a asfalto, deck, calçada portuguesa e sei lá o que mais pisei, já posso dizer coisas. Logo para começar, confesso que não me dava lá muito bem com o modelo standard, que por vezes me magoava os pés, vá-se lá explicar isto, mas é verdade, as outras alças mais largas e maiores não eram tão boas como estas, dava-se ali um atrito entre a borracha e esta pele fina e feriam-me os pés. A terminar, este modelo tem a sola mais fina, portanto ainda conseguem ser mais leves do que as outras mais comuns e nem sequer falo das outras tipo plataforma, que adoro, mas que são os tanques das Havaianas, diga-se de sua justiça, as melhores para ingressar em praias como os Aivados, com aquelas dunas e ortigas, é que uma mulher vai ali tão alta da vida, que não há mal que lhe chegue aos pés, mas para grandes caminhadas, são pesadonas. A acrescentar neste novo modelo, gosto imenso da estética e combinação de cores. Portanto, até agora só vantagens.

© Mac às 10:05
link do post | favorito
Sexta-feira, 27 de Junho de 2014

01 - COISAS A QUE ME APETECE DAR AMOR, CARINHO E UM LAR

 

 Roger Vivier u-look 

tags:
© Mac às 10:20
link do post | favorito
Segunda-feira, 21 de Janeiro de 2013

164 - COISAS DE QUE GOSTO MUITO

 

 

tags:
© Mac às 16:00
link do post | favorito
Terça-feira, 15 de Janeiro de 2013

12 - AI CORRORI, OS MEUS OLHOS, OS MEUS OLHOS!!!

 

 

 

 

  

 

Detesto os sapatos que os criadores ameaçam que vão ser o must have e o coiso. Aos meus olhos aquilo é muito feio, são demasiado bicudos e baixos. Ora se é bicudo é para saltos altos, se tem salto mais baixo, é menos bicudo, este é o equilíbrio que entendo na coisa. E cheira-me que nos fazem umas patas descomunais. 

 

Isso da patorra é que eu não lhes perdoo, até porque finalmente me convenci que não sou patuda, foram muitos anos de psicanálise, Patudos Anónimos, espelhos, modelos de sapatos e o coiso, não é agora um homem qualquer que não gosta de mulheres que me vai enfiar aquilo. Não agora que finalmente eu me penso uma cinderela e bani as manas más e suas barbatanas do cérebro.

tags:
© Mac às 10:30
link do post | favorito
Sexta-feira, 2 de Setembro de 2011

13 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

 

 

 

 

Venho da Zara

xalala

E estes já são meus

lailailai

Para pôr com meias opacas

xalala

E coisas invernis

tags:
© Mac às 14:15
link do post | favorito
Sexta-feira, 26 de Agosto de 2011

12 - MAC E A CALÇADA PORTUGUESA

 

 

 

 

 

Para quando uma Stubbs & Wootton pelo burgo, hein? Mas em versão barata, boa? Dava-me tanto jeitinho.

 

 


© Mac às 15:00
link do post | favorito
Terça-feira, 16 de Agosto de 2011

95 - LAI LAI LAI

 

 

 

 

 

E descobri estas sandalocas da Café do Brasil, muito abandonadinhas num bazar daqueles que vende lenços, pulseiras, panos, túnicas, baldes, vassouras e mata ratos, e baratinhas que só elas.

© Mac às 13:00
link do post | favorito

 

 

  

   

No Facebook,

  

 

mytaste.pt

≈ About me

≈ Pesquisar no blog

 

≈ Arquivo

As fotografias publicadas são da minha autoria, salvo algumas excepções.

Agradeço que me informem, caso alguma esteja protegida por copyright.

Retirá-la-ei imediatamente.