Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

18
Jun12

227 - LAI LAI LAI


Mac

 

Quando o português é um ser pequenino e infantil, a cada indagação adulta de o que queres tu ser meu filho, quando fores grande? Responde ah e tal eu vou ser jogador de futebol. Ou então ah e o coiso eu quero ser médico. Os pais, que com seus rebentos são seres bem iluminados, acham que sim, que o menino ou vai ser jogador da bola, ou médico, vai que os metem em juniores e coisas assim de clubes mais ou menos conhecidos, depende, porque em medicina só bem mais tarde e não depende das ilusões dos papás, diz que é mais da cabeça dos rebentos sobredotados, mas pronto, parece que a coisa é dada a esbarranços. Adiante. Vai daí, o menino acha que sim, que vai ser jogador, é sempre o melhor lá de casa e acompanha papai em todas as suas visualizações, doutas tácticas e opiniões. E também opina. Bom e já chega, que não me apetece desenvolver o meu fantástico estudo antropológico de seu tema, O Português e o Futebol - Estudo sobre a Frustração, Significado dos Sonhos e Temáticas Afins. Em resumo, todos os meninos percebem imenso de futebol, mesmo mais ou menos, ou nada.

 

 

E isto porquê? Porque hoje eu sou uma mulher feliz da vida. Feliz pelo nosso jogo de ontem. Feliz por todos os que vaticinaram ao querido fofo Ronaldo, coisas tão boas como vai para casa, fica no banco e o coiso. Gente suja de cabeça e de alma. Gente sem coração e mal agradecida. Gente falsa e pantanosa. Velhos do Restelo. Treinadores de bancada. Jogadores de rabos gordos. Enfim, pardon my french, em cheio na peida.

 

 

PORTUGAL, OLÉ, OLÉ

PORTUGAL, OLÉ,

PORTUGAL, OLÉ,

POR-TU-GAL

PORTUGAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAL



 

________________________________________

 Qual molusco embruxado, 

 

14
Jun12

15 - CHATOS DO NOSSO PORTUGAL E ARREDORES


Mac

 

 

 

 

 

Não acho lá muito justa esta coisa agora contra o CR. Mal comparando, até porque a comparação não é lá essas coisas, mas fica mais ou menos a ideia, é como quando um médico salva uma pessoa, ai que foi Deus, portanto, não foi do médico, mas se o médico não salvar, é negligente, incompetente, etc. Ou seja, quando é bom, não se diz nada, ou atribuem-se louros a quem não de direito, se foi mau, crucifica-se.

 

Está bem que ganha balúrdios e todos queríamos esses balúrdios ali justificados em grandes desempenhos, mas tudo espremido e em última instância, ganhámos o jogo. Não tem estado no seu melhor, é verdade, mas não deixou de ser o melhor jogador do mundo. Pelo menos para já.

 

________________________________________________________

E não me posso alongar mais na coisa, porque não percebo patavacas de futebol, não sou treinadora de bancada, nem jogadora de cadeira, nem os matraquilhos me valem, o que não invalida que de pessoas ainda perceba um bocadinho, não muito, mas bullyings revestidos sob que forma sejam, sempre me fizeram muita confusão.

09
Jun12

14 - CHATOS DO NOSSO PORTUGAL E ARREDORES


Mac

 

 

 

 

 

Eu também boto faladura sobre a nossa Selecção.

 

Não tenho sido atormentada pelo excesso de informação sobre a vida, hábitos e rotinas dos jogadores, porque não vejo quase televisão. Simples. portanto não me incomoda nada que as nossas televisões dissequem ao minuto as suas vidas. Quer dizer, o que eu não vejo é os nossos canais, a não ser um ou outro noticiário, porque sou mulher que gosta de se manter informada desta nossa envolvente troikiana, mas como a crise, o desemprego, a Troika e quejandos me tomam o cérebro ao ponto de o deixar para lá de deprimido, não me resta muito a fazer por esta sanidade mental, e então vejo séries, filmes e coisas que me mantenham feliz, é assim uma espécie de antídoto, analgésico, ou coisa parecida.

 

Por isso, hoje estou oxigenada ao ponto de visionar o nosso jogo contra a Alemanha, tão preparada e feliz como o estive em 2004, quando ainda pensávamos que a vida era cor-de-rosa.

 

E não me venham cá com tretas a puxar a uma intelectualidade tosca, que o país é uma coisa, a Selecção é outra, o país é Fado, a Selecção é txumpitchum, o país é Marias, a Selecção Cristianos e o coiso, o coiso. Eu sou muito mais básica do que isso. A Selecção também somos nós. E somos nós no nosso melhor. 

 

 

PORTUGAL, OLÉ, OLÉ

PORTUGAL, OLÉ,

PORTUGAL, OLÉ,

POR-TU-GAL

PORTUGAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAL

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D