Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

27
Out17

85 - Andei na net [e por aí] e trouxe comigo


Mac

 

. apontamentos de encarnado aqui e ali, sobre xadrez, pied-de-poule e príncipe de gales, preto e cinzento .

 

 

 

 

 

 

. a pensar nisso, trouxe da stradivarius uns sapatos e uns botins encarnados (*). e fui desencantar ao meu roupeiro um casaco que usei no baptizado do meu filho mais velho, há 17 anos, e que se calhar este ano vê a luz do dia . 

 

 (*) de onde já comprovei que o muito barato pode ser giro e bom

 

 

 

 

 

 

 . da sephora estas máscaras de tecido para resolver o mau olhado .

 

[a máscara de chá verde é fantástica para resolver em 15 mn uma noite má]

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 . olívia, a ovelha que não queria dormir da clementina almeida (e dormir a noite toda) .

 

[A história da ovelha Olívia descreve a aventura de uma pequena e fofa ovelha que, mesmo com muito sono, não tinha vontade de dormir. Desenvolvido com base na investigação científica mais actual, inclui, de forma subtil e harmoniosamente introduzidas na acção, técnicas de integração sensorial e relaxamento muscular progressivo que, através do imaginário, induzem estados emocionais destinados a organizar o sistema nervoso central e, assim, a acalmar a criança

 

 

 

 

 

 

 

 

. para terminar, o livro que estou a ler esta semana, talvez para sempre do josé gameiro (matéria-prima edições) .

 

 

 

 

 

 

 

 

. e a frase da semana .

 

 

25
Out17

59 - Segredos que partilho porque me apetece


Mac

 

 

 

 

Após os meses de praia, sol, mar e vida boa, na entrada do Outono, faça sol ou faça chuva, calor ou frio, a minha pele fica uma desgraça. De normal, passa a mista, de mista, passa a seca nas zonas onde era oleosa quando era mista. Um festim.

 

Por isso tenho de redobrar os cuidados de limpeza e ter alguma atenção aos produtos que uso, para não a irritar e ainda ser brindada com borbulhas, vermelhidão e outras desgraças. 

 

Este ano não foi excepção e há dez dias comecei a usar o Hyséac 3-regul teinté em vez da base, mas mantendo os outros produtos de que gosto e que sei que resultam comigo. Muito honestamente a base é sempre o meu ponto crítico em termos de maquilhagem. Não gosto de bases que se sentem, ou que me pesem, ou ache demasiado presentes. Gosto de efeitos naturais, muito próximos do meu tom de pele e de texturas leves que não me dêem a sensação de ter betumado a cara.

 

Este creme é o tudo em bom para as peles mistas. É leve, mantém-se impecável durante todo o dia e a cor é universal e funde-se no nosso tom de pele, portanto não o altera. Noto uma diferença enorme no meu aspecto após me maquilhar, além de me uniformizar a pele, matifica, esconde bem as imperfeições e dá-me um extra de luminosidade. E o melhor de tudo, é um creme de tratamento que limita as borbulhas e pontos negros.

 

 

 

 

 

 

 

 

| Já agora, deixo a minha rotina normal das manhãs: 

. limpo a pele com água micelar (sou fã da Garnier há bastante tempo)

. borrifo a cara com a Eau de Beauté da Caudalie (outro produto que não largo)

. aplico o Hyséac 3 regul da Uriage

. a seguir o corrector, uso o NARS Radiant Creamy Concealer ou o Fix It da Dior

. no final ponho um pouco de terracota da Guerlain, que dá sempre um ar de quem apanhou sol

. e claro, faço o risco nos olhos e ponho máscara nas pestanas

 

 

 

25
Set17

02 - Experimentei e gostei


Mac

 

 

 

 

Depois dos quarenta, e depois de décadas de exposição solar, parte deles sem grandes regras, alguns cuidados com a alimentação, mas nem todos, comecei a preocupar-me com a pele e em controlar o aparecimento de rugas. Os dermatologistas reconhecem que 80% do envelhecimento cutâneo se deve à poluição, exposição solar, maus hábitos alimentares, e a idade e a genética contribuem com apenas 20 %. É assim indispensável uma acção detox diária para ajudar a pele a lutar contra estes aceleradores do envelhecimento.

 

 

 

 

 

 

 

 

Por isso quando a Yves Rocher me contactou para testar  durante 1 mês os cremes de dia e de noite, a máscara e o creme de contorno de olhos da nova gama Elixir Jeunesse, com extracto super concentrado Afloia com capacidade de reparação e protecção, não hesitei um segundo.

 

  

 

 

 

 

 

 

Todos os cremes da gama têm um aroma muito ténue e agradável e nunca deixam a pele gordurosa ou saturada. Assim que comecei a usar o creme reestruturante (Elixir Jeunesse Jour), que apliquei sempre de manhã, a seguir à minha rotina de limpeza, senti a pele muito mais luminosa e hidratada.

 

 

 

 

 

 

 

 

Além do creme de dia, usei também após a rotina de limpeza da pele à noite, o creme recuperador de noite (Elixir Jeunesse Nuit), e além de notar que a pele estava muito mais descansada pela manhã, gostei muito do conforto que me proporcionou à pele. 

 

 

 

 

 

 

 

 

Aliado ao creme de noite, usei o creme de contorno dos olhos. Gostei especialmente do aplicador que exerce uma ligeira massagem no contorno dos olhos com as esferas metálicas e proporciona uma sensação de frescura muito agradável. 

 

 E ainda duas vezes por semana, fiz a máscara reparação e anti-poluição.

 

 

   

 

 

 

 

 

Agora que passou um mês de uso diário da linha Elixir Jeunesse, noto que a minha pele está rejuvenescida e acima de tudo mais luminosa. Vou continuar a usar, com toda a  certeza.

 

 

 

21
Ago17

111 - Eu gosto é do Verão, sol e cremes


Mac

 

 

 

 

Cá vamos nós ao rebeubeu do costume, mas não é em vão, porque há novas conclusões.

 

Já toda a gente está careca de saber que para mim não há protectores melhores do que os da Lancaster. Uso-os há muitos anos, consigo um bom bronzeado bastante uniforme (e eu sou daquelas pessoas que têm imensa dificuldade em bronzear), com um factor baixo, nunca me escaldei e deixam-me a pele muito bem hidratada e luminosa. Se acrescentarmos a isto tudo, um cheiro fantástico, já não se quer outra coisa.

 

Ponho sempre a primeira dose de creme ainda em casa, depois vou renovando ao longo do dia,  mas evito expor a cara e a verdade é que mesmo debaixo do toldo me vou bronzeando qualquer coisa.

 

 

 

 

 

 

 

 

E claro, após exposição solar, hidratar, hidratar, hidratar ainda mais, e manter.

 

Se no primeiro ano em que conheci estas belezas da manutenção do bronzeado, só os apliquei já a época balnear ia no adro, ou seja, usei diariamente o after sun normal e já no final de Agosto é que comecei a usar os prolongadores, agora não lhes dou descanso e uso-os todos os dias, durante toda a época balnear, a seguir ao duche de fim de tarde. Dão mesmo resultado, a pele fica super hidratada, o bronzeado completamente uniforme e a durar bem mais de um mês após paramos a exposição solar. 

 

Os meus preferidos são a loção reparadora após sol, que é mega hidratante e o cooling, que não hidrata quase nada, mas dá uma sensação de frescura super agradável. Como a minha pele é muito seca, aplico primeiro o hidratante e depois o cooling para me dar a tal sensação de frescura, não posso usar só o cooling porque não me dá a hidratação que a minha pele precisa, mas como o adoro, uso este truque,

 

É o meu terceiro Verão com os prolongadores de bronzeado da Lancaster e como já deu para perceber, mais virão.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

• instagram @maria.antonia.velez •

 

14
Jul17

76 - Andei na net [e por aí] e trouxe comigo


Mac

 

 

. loafers e mocassins em prateado e dourado .

 

 

 

 

 

.  dos saldos vieram saiast-shirts e, claro, uns loafers em dourado e outros em prateado . 

 

 

 •

 

 

 

   

. para os miúdos, o protector avène factor 50+ de todos os verões e o  stick, que é facílimo de aplicar e as crianças podem mergulhar à vontade, que o creme não lhes escorre para os olhos .

 

[este é o protector que me deixa descansada. os miúdos nunca tiveram um escaldão, um rosado de excesso de sol, nada. é bom de espalhar, comparando com outros factores 50, não agarra areia e resiste a cinquenta banhos. tanto que normalmente lhes ponho o creme em casa, antes de sairmos para a praia e raramente precisei de o renovar. no entanto, sempre houve crises com este creme na cara, porque com água, escorrega para os olhos e arde imenso, então para a cara passei a usar o stick, que resiste aos 50 banhos sem escorregar para os olhos. já tinha falado nele aqui]

  

 

 

 

 

 . e águas minerais e termais em spray .

 

[a evian (água mineral) já é uma velha companheira. a uriage (água termal), porque achei que já não ia encontrar por cá a da evian, estou a experimentar e também estou a gostar. sou fã de águas minerais e termais em spray, principalmente no verão, apesar de também as usar durante o exercício físico. são hidratantes, refrescam mais do que as águas comuns, são calmantes (peles sensíveis, vermelhidões), reforçam a barreira cutânea (protegem dos ares condicionados, por exemplo), ajudam à cicatrização de eventuais feridas (ou acne, para quem o tem). devem ser usadas duas e três vezes ao dia, de manhã antes do protector solar, a meio do dia, e antes de dormir]

 

 

 •

 

 

 

. o detox, da andrea henrique, um programa detox para 7 dias .

 

[além de muito interessante a nível alimentar e do programa de desintoxicação alimentar, este livro traz receitas fantásticas para alargar os horizontes alimentares desta casa, independentemente de se fazer ou não o plano de desintoxicação. há uns dias fiz este esparguete de courgettes, para variar das habituais saladas e achei-o fantástico. para os miúdos foi o acompanhamento de um bacalhau com natas e ficou aprovado. a repetir]

 

 

 

 

 

 

 •

 

 

 

 

 

 

. e a frase da semana .

11
Jul17

106 - Eu gosto é do Verão, sol e cremes


Mac

 

 

 

 

Para férias tento levar só o essencial, apesar de ser um exercício bastante duro, porque acho sempre que tudo me pode fazer falta, mas ao longo dos anos tenho tentado levar mesmo só o que preciso, porque também não gosto nada de regressar e confirmar que levei uma batelada de inutilidades. Até tenho conseguido, umas vezes mais, outras menos.

 

E se no Inverno os produtos são uns, no Verão a coisa anda muito à volta dos solares, prolongadores de bronzeado e hidratantes, e como nesta altura do ano quase não uso maquilhagem, o meu nécessaire de Verão fica resumido aos produtos que não me podem faltar, porque os amo sempre, se não durante todo o ano, há muitos anos:

 

. os after suns e os solares da Lancaster (não é novidade)

. o Escale à Portofino e o hidratante da Clarins, Eau Ressourçante, para os dias em que uso a água de colónea da mesma linha.

. a eau de beauté da Caudalie, o rímel e o lápis da Marc Jacobs, e a terracota da Guerlain, para quando vou sair à noite

. a água micelar, o removedor para os olhos da Garnier, os discos desmaquilhantes da Mylabel e a Clarisonic

. o champô e o creme para o cabelo da Rituals, os elásticos e as escovas da Tangle Teezer, principalmente a de cabelo molhado, e não os outros elásticos em espiral não são iguais, já os experimentei e não têm nada a ver.

. a escova de dentes da Braun e pasta de dentes Colgate Max White One.

 

 

Claro que se tivesse de espremer isto tudo, espremia, tirava produtos e reduzia quantidades para frascos liliputianos, mas como não é o caso, posso dar largas à imaginação e levar a passear todos os meus mais que tudo.

 

 

21
Jun17

74 - Andei na net [e por aí] e trouxe comigo


Mac

 

. quando chega esta altura do ano só quero calções e camisas de linho bem grandonas .

 

 

 

 

 

. por isso e como nunca são demais (pois não?), da zara vieram camisas de linho brancas e da stradivarius os calções da praxe . 

 

  

 

 

. e bandanas mil para pôr em cestas, ao pescoço e onde me apetecer .

 

 

 

 

 

 

 . para o duche, para o cabelo, para as mãos e para o corpo, de uma das linhas da rituals que mais gosto .

 

 

 

 

 

. e o creme para os pés que se tornou indispensável e insubstituível .

 

 

[adoro-o, além de me deixar os pés impecáveis, que agora no verão andam quase sempre ao ar e acabam por ficar muito secos com a areia, sol, mar e cloro, além de ser mesmo muito bom, tem um cheiro a mentol absolutamente viciante (também o uso nas mãos)]

 

 

 

 

 

 . ideias para a iluminação do jardim .

 

 

 

 

 

 

 . da matéria-prima edições, o primeiro romance da raquel strada .

 

 

 

 

 

 

. e a frase da(s) semana(s).

14
Jun17

58 - Segredos que partilho porque me apetece


Mac

 

 

 

 

Esqueçam as La Prairie e La Mer da vida, também já passei por lá e cada vez que precisava de renovar o meu creme de dia (e o de noite também), sentia-me a adoecer dos nervos e com vontade de vender um rim, ora os rins fazem-me falta. Ambos. Até que dia comecei a ouvir falar desta maravilha da Cien aqui e ali. A coisa começou há uns anos, quando o cirurgião plástico de uma amiga lhe disse que sim, que este é O creme igual e melhor, que é este que recomenda para os pós operatórios e manutenção, este o Q10 anti-wrinkle. E eu ali a achar que ele depois de lhe ter levado as rugas, lhe tinha dado uma de bondade e não liguei. Depois foi a outra que fazia romarias ao Lidl para se encher de boiões, porque alguém amigo de alguém lhe tinha dito e provado que sim, que a pele estava linda e maravilhosa à custa do Cien. E eu ali a achar que não, não podia ser. Até que ouvi mais alguém que tinha ouvido que alguém estava para lá de nova e fresca à custa do Cien e que o cirurgião dela lhe falou no Cien, e não é por nada, mas de tanto ouvir, às tantas fiquei curiosa e comecei a achar que sim, que já eram demasiadas opiniões vindas de quem é capaz de perceber de peles, rugas, envelhecimento cutâneo e isso. E é, acredite quem quiser, este é toda uma maravilha contida ali num boião que nos põe numa juventude obscena e a pele hidratada e luminosa, por cerca de três euros. Três. 

 

E como não brinco em serviço, além do afamado para o dia, também lhe juntei o de noite. 

 

Fica a dica: Anti-Wrinkle Day Cream e Night Cream com Q10 da Cien

 

 

 

 

07
Jun17

105 - Eu gosto é do Verão


Mac

 

 

 

 

Nesta época do ano gosto imenso de começar o dia com aromas frescos, leves e muito cítricos. Tenho memória olfactiva e associo pessoas, épocas e locais aos perfumes que usava em determinada época, já o disse. Estes associo ao Verão, ou o Verão a eles. Tanto faz.

 

 

 

 

 

 

 

 

Por isso há alguns perfumes e cremes que acabam por ser os preferidos há anos e anos, como o Eau Tranquility da Clarins, que aliado ao creme de corpo, é viciante; o Light Blue da D&G e claro, não falha, e claro, os que têm aroma a limão, o Eau Svelte e agora o hidratante Express your Soul seguido do já residente Escale à Portofino, que resulta num cheiro óptimo a limão até à eternidade. São os meus cheiros há muitos anos, todos os Verões, porque além da melhor coisa para pôr logo pela manhã, continuam a ser a melhor coisa para usar a seguir ao duche após praia.

   

 

Estes fazem sempre parte do meu Verão.

 

 

[perfumes aqui]

16
Mai17

57 - Segredos que partilho porque me apetece


Mac

 

 

 

  

Este fim-de-semana saí da minha zona de conforto e experimentei o auto-bronzeador da Rituals. Como já disse, não suporto auto-bronzeadores com cheiro intenso e não gosto de auto-bronzeadores em geral. O que uso é só para as pernas e a minha boa vontade com este sector do mercado é muito baixa, quase nula. Mas como adoro todos os produtos da Rituals (todos mesmo), resolvi dar uma oportunidade a este auto-bronzeador. Logo para começar não tem quase cheiro, o que é um factor importantíssimo, depois mostrou-se fácil de espalhar e não é nada untuoso, secou rapidamente e cereja no topo do bolo, dá um bronzeado leve, levíssimo, sem nos deixar mascarradas e cheias de marcas, porque a ideia é quebrar o branco da pele do Inverno, não é ficar com o bronzeado de 15 dias nas Maldivas. Adorei.

 

 

 

 

[já agora, fiz assim, exfoliei as pernas com a luva de exfoliação da Rituals (recomendo muito) e usei o Himalaya Scrub, mas qualquer exfoliante da marca é excelente (também sou fã do  Hammam Hot Scrub, que é um dos mais fortes e dá uma sensação de limpeza excelente), apliquei o auto-bronzeador com movimentos rápidos nas pernas e pés. Com papel absorvente fiz pressão nos joelhos (os joelhos têm tendência para com a mesma quantidade de produto, ficarem mais escuros) e para remover produto, passei-o na zona lateral dos pés, calcanhares e dedos dos pés (não é nada natural alguém se bronzear naquelas zonas), deixei secar e vesti uns calções, para não fazer marcas com a roupa. Outra coisa importante é não cruzarmos as pernas nas duas primeiras horas, pelo menos. Depois é só esperar e ficamos com um excelente bronzeado leve nas pernas, nada que destoe do resto do corpo, mas que quebra aquele branco do Inverno]

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D