Segunda-feira, 20 de Fevereiro de 2017

31 - EU GOSTO É DO FIM-DE-SEMANA

 

 

 

num dia um lanche no boulan, no outro dia, outro lanche no sítio do costume . passeios com céu azul a fazer anunciar uma primavera que já ia muito bem . mais uma festa infantil . e tudo na mesma como a lesma, mas muito bom .

© Mac às 09:48
link do post | favorito (4)
Quarta-feira, 15 de Fevereiro de 2017

742 - LAI LAI LAI [OS TÍTULOS NÃO SÃO O MEU FORTE]

  

 

 

 

 

 por estes dias . um restaurante que não planeámos por ser dia dos namorados, mas que calhou muito bem . adoro-o . a vista é fantástica, o serviço é um dos melhores que há e o risotto de sapateira e os filetes de robalo estão no meu top . o regresso ao l'air du temps, porque tive saudades de um tempo . tenho memória olfactiva e associo pessoas, épocas e locais aos perfumes que usava em determinada época . fica-me o registo . uns botins super confortáveis. e um céu que às vezes tenho a certeza que foi pintado .

© Mac às 10:28
link do post | favorito (1)
Segunda-feira, 6 de Fevereiro de 2017

29 - EU GOSTO É DO FIM-DE-SEMANA

 

 

 

 foi um fim-de-semana trivial, cheio de coisas boas, pelo menos as coisas que mais gosto . no sábado deixámos os miúdos a ser mimados (até à inconsciência) e deseducados alimentarmente pelos avós, e fomos ao cinema . não me envergonha por aí além ter gostado imenso do la la land . as minhas expectativas eram muito baixas, diga-se, ouvi dizer muito mal do filme, que era parado, que não valia um caracol, que o argumento era blhaca (amei) e mais não sei quê, mas pronto, além de baixas expectativas, ia preparada para ver um musical, portanto foi um musical que vi (e adorei) . e no domingo passei uma echarpe/xaile a cachecol [*] e começámos o dia com um dos programas preferidos desta família, o pequeno-almoço na garrett . para eles bolos e scones (de fazer inveja a esta mãe) e para a mãe deles, aquele carioca de limão que me sabe pela vida com as melhores torradas do mundo .

 

 

[*] estas em pashmina são uma boa aposta, além de mega leves, estão sempre impecáveis, duram décadas e tanto servem para usar como xaile pelos ombros (já me salvaram em muitas noites de Verão que se mostraram demasiado frescas), como bem dobradas, em cachecol.

© Mac às 10:02
link do post | favorito (1)
Segunda-feira, 30 de Janeiro de 2017

28 - EU GOSTO É DO FIM-DE-SEMANA

  

  

 

 

 

gosto de fins-de-semana assim, em que até passo o sábado a correr, mas posso demorar-me no domingo, acordar tarde e perder um bocado sem relógio no meu spa caseiro . depois um almoço algures [desta vez no 5 sentidos, o nosso ideal para domingos de chuva, junto à janela com a lareira ao pé] . seguido de um passeio ali e acolá, ir buscar o pão para a semana, ora de três cereais, ora 5, ora 8, milho e girassol, ou simples  [da sacolinha, tudo tãaao bom] e terminar com chá e pão torrado, e passar o resto da tarde a pintar o que não vi .

[as minhas margaridas coloridas estão lindas]

© Mac às 10:44
link do post | favorito (1)
Segunda-feira, 23 de Janeiro de 2017

27 - EU GOSTO É DO FIM-DE-SEMANA

 

 

 

 

 

 

 

chegámos a um ponto da vida, em que a vida social dos miúdos é mais intensa do que a nossa, reformulando, chegámos a um ponto da nossa vida, em que os miúdos têm vida social e nós servimos para os ir pôr e ir buscar . ele é festa juvenil aos sábados à noite, ele é festa infantil aos domingos de manhã . quase todos os fins-de-semana . muitos aniversários fazem os amigos dos meus filhos . nos intervalos comecei o workshop de fotografia, com um dos melhores e só sei que nada sei, estou cada vez mais longe de saber e talvez um dia saiba alguma coisa . ainda há uma longa estrada para percorrer . e tivemos tempo para o almoço de domingo em família que se quer por fora . fomos ao azimut, um dos sítios preferidos dos miúdos, porque é rápido, não há demoras, nem na espera (oh mãe, estou a morrer de fome, oh mãe quando é que trazem, oh mãe), nem no após (oh mãe quando é que vamos embora? oh mãe que seca, oh mãe posso ir para o carro? oh mãe), servem hambúrgueres e pizzas e está no paredão, nós se quisermos ficamos a lagartar ao sol, demoramos no café final e eles vão para a praia fazer vida de croquete, jogar à bola e gastar pilhas . é tudo bom (e a conta é ainda melhor) . gosto tanto dos fins-de-semana .

© Mac às 11:57
link do post | favorito (3)
Segunda-feira, 16 de Janeiro de 2017

26 - EU GOSTO É DO FIM-DE-SEMANA

 

 

 

até pode estar frio, com este céu tão, mas tão azul, perdoa-se o inverno . fomos ao parque à hora boa, logo a seguir ao almoço, quando já passou o frio da manhã e o da tarde ainda demora e apanhámos sol e ar . depois passámos na remodelada casa sommer, que está um espanto (e quem a viu tão caída em ruínas, agora só se pode deliciar) . e o almoço de domingo foi nos prazeres da carne . eu insisti mais uma vez (não me canso) no risotto de camarões, acompanhada pelos avós, que são da minha equipa, os miúdos foram para os bifes com batatas fritas, claro, e o pai para o bufett de feijoada, que há sempre nos domingos de inverno . passámos o resto da tarde a aproveitar o cheiro do mar e acabámos em casa a fazer vida de sofá, como se quer aos domingos .  por mim era fim-de-semana todos os dias, mesmo com frio de inverno .

© Mac às 10:43
link do post | favorito (2)
Quarta-feira, 4 de Janeiro de 2017

121 - O HUAWEI, A VIDA, O NIRVANA E EU

 

 

 

 

 

 

  

 

Quem me acompanha ali no Facebook sabe que deixei o iPhone pelo Huawei por muitos motivos: saturação, sensação de prisão, funcionamento lento (dele, não meu), em suma por ter chegado à conclusão que era um equipamento demasiado caro para a qualidade que se pretendia, mas não tinha. Não foi um processo rápido, não senhora, ia no segundo iPhone, a pensar saltar para o terceiro, mas aí a coisa deu-se. Os motivos que me levaram a mudar de modelo foram sempre os mesmos, o telefone tornava-se leeeeeeeeeento, apesar de ter algum cuidado com as aplicações, nunca ter muitas fotos e ir limpando o que se pode limpar, a verdade é que sempre que a Apple faz actualizações do sistema operativo, torna os equipamentos mais antigos (e não é preciso muito para ser antigo aos olhos da Apple) uma pasta com pouca capacidade para aguentar as (muitas) actualizações.

 

E a pensar que precisava de outro telefone, acabei por bater com os olhos no Huawei, que ainda por cima vinha com uma câmara Leica agarrada. Ora como nunca achei as câmaras do iPhone nenhuma maravilha, mesmo se tratando de um telemóvel, este factor Leica teve um grande peso na minha decisão. Muito honestamente para o meu tipo de utilização há três factores fundamentais num telemóvel: fazer e receber chamadas (diz que é para isso que serve), aceder com facilidade a n aplicações e tirar fotos aceitáveis, porque nem sempre tenho a câmara comigo (nem é prática) e acho tudo muito fotografável.

 

Optei então pelo Huawei P9 e estou a gostar imenso. Para quem vem do iPhone quase não sente a diferença, o interface é basicamente idêntico com pouquíssimas e irrelevantes diferenças, é muito mais rápido, tira fotos melhores e não está sujeito às cinquenta restrições, actualizações e nhonhozices da Apple, ou seja mudei e estou a gostar imenso e quase que juro que nunca mais me apanham com uma maçã nas mãos.  

 

 

»»» • «««

 

As fotos foram todas tiradas aqui (adoro o Risotto de Camarão, mas é tudo bom) com o Huawei P9, que como é lógico não têm a qualidade das fotos tiradas por uma boa câmara, mas para registos comuns têm uma qualidade bastante aceitável e até superior à de algumas câmaras. Agora falta-me testar a qualidade das selfies da praxe, pratos de comida, pés descalços e calçados com sapatos giros, mãos a segurar vernizes e miúdos em movimento.

© Mac às 10:27
link do post | favorito
Segunda-feira, 12 de Dezembro de 2016

23 - EU GOSTO É DO FIM-DE-SEMANA

 

 

 

 

apanhei ramos de tudo um pouco, fiz os arranjos de natal (depois mostro), enfeitei a casa e enchi tudo de estrelas . pintei unhas e telas, e pus as leituras em dia . foi um sábado como gosto dos sábados . e num domingo cheio de sol, fomos turistar por cascais . experimentámos o maresia, que ficava sempre à nossa passagem para a baía do peixe (com a sua fantástica vista sobre a  baía), mas desta vez não ficou . cumpre com tudo quanto gostamos no registo refeições fora com os miúdos: o serviço é simpático e rápido, e o peixe estava óptimo e fresquíssimo (lulas, dourada e robalo) . depois fomos ver as construções na areia ali na praia do peixe, soprar moinhos e terminámos com gelados no santini . foi um domingo, como gosto dos domingos .

© Mac às 09:16
link do post | favorito
Sexta-feira, 9 de Dezembro de 2016

99 - É NATAL, É NATAL, LAI LAI LAI, LARAILAILAI

 

  

  

 

 

 

 

começámos o nosso roteiro pela vila natal no "nosso" parque . vimos o pai natal de verdade com barbas de verdade, na casa dele (de verdade) . depois vimos as renas do pai natal e o trenó, os dromedários, o presépio e os burros, o combóio e os ajudantes. 

 

[e saímos de lá com uma criança a acreditar muito que viu o verdadeiro pai natal com barbas de verdade]

 

 

»»» • «««

 

Mais programas:

 

Mercado da Vila - Nos três primeiros domingos de dezembro há muita animação especialmente dirigida aos mais novos.

 

E ainda mais

© Mac às 09:22
link do post | favorito
Segunda-feira, 21 de Novembro de 2016

09 - RESTAURANTES DE QUE GOSTO MUITO

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O Rubro é um dos restaurantes que faz parte do nosso BBB. É excelente para almoçar com os miúdos, gosto imenso da decoração e o serviço é rápido e impecável, além de que se come muito bem. Pedimos sempre uma variedade de pratos e cada um come o que lhe apetece. Adoro este registo e os miúdos acabam por comer lindamente porque gostam imenso ter tanta variedade numa só refeição. Desta vez pedimos Ovos com Espargos, Cogumelos Grelhados, Pica-Pau de Boi, Polvo Salteado, Pimentos Padrón, Salada Crocante e Gambas Ajillo. Tudo óptimo.

© Mac às 13:21
link do post | favorito
Segunda-feira, 7 de Novembro de 2016

104 - OS FINS-DE-SEMANA, A VIDA, O NIRVANA E EU

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para o almoço de Domingo experimentámos o Marisco na Praça, um dos restaurantes que está no Mercado da Vila, e adorámos. A decoração é giríssima, estava tudo óptimo (Caril de Gambas, Bacalhau à Lagareiro, Prego, Pica-Pau) e os miúdos ficaram fãs (eu também) das batatas fritas. O serviço é rápido e excelente, e tudo por valores bem simpáticos. Desta vez ficámos lá dentro, mas também há uma esplanada que fica na parte coberta do Mercado da Vila, que ao Domingo como não há mercado, é um enorme espaço onde dá para os mais pequenos brincarem (e correrem).

 

Temos assim mais um restaurante que entrou para o selecto grupo dos BBB [*]

 

 

[*] bom, bonito e barato

© Mac às 13:01
link do post | favorito (3)

97 - JÁ FUI FELIZ AQUI [E SEREI SEMPRE]

 

 

 

 

  

 

 

vinte e tal coisas que gosto nos fins-de-semana . o cheiro dos lençóis acabados de mudar . experimentar vários tons de verniz e perder tempo com isto . o spa caseiro das manhãs de domingo e usar todos os cremes que apanho a jeito . perfumar-me com tudo o que me apetece . e saber que estes tratamentos não resultam em grande coisa, para além de um consumo exagerado de cremes, máscaras e esfoliantes, não é que a pele fique mais macia, o cabelo mais hidratado e a cara mais esticada, não fica, mas fica este tempo que me sabe pela vida . os almoços fora, aqui e ali . e descobrir novos restaurantes para incluir nos lugares seguros para ir sempre . ler ao entardecer com as pernas levantadas . a "minha" mistura de legumes . os jantares para comemorar nada com amigos, ou com família, ou sem amigos e sem família . o tempo no jardim depois de chover e o cheiro que fica no ar e na terra . o nosso café a dois com os jornais que ficam sempre para ler depois . as "minhas" revistas . as manhãs em cascais para comprar pão, andar no carrossel e cortar o cabelo dos miúdos . e nos dias de chuva incessante, ficar em casa a vê-la cair . os lanches com chá e clichés . os filmes pela tarde fora . vinte ou cinquenta coisas que gosto nos fins-de-semana .

© Mac às 09:17
link do post | favorito (2)
Terça-feira, 27 de Setembro de 2016

735 - LAI LAI LAI [OS TÍTULOS NÃO SÃO O MEU FORTE]

 

 

 

 

 

 

andar por ali com o cheiro do mar a perder de vista, deve ser das melhores coisas que decidi fazer por mim . adoro . e claro o paredão ganha sempre a todos os outros percursos . por isto, porque não tem carros, nem buzinadelas, porque há imensas esplanadas para descansar (se for caso disso), porque há imensa gente a fazer o mesmo e porque tem mar . e onde há mar, já se sabe, é o melhor sítio para estar . 

 

 

[e é barato, bastam uns ténis adequados e está feito. a verdade é que o compromisso (e os remorsos) com os ginásios, tinham um efeito perverso em mim. quanto mais me comprometia, mais faltava, quanto mais faltava, mais remorsos tinha por deitar dinheiro fora, quantos mais remorsos, mais vontade tinha de acabar com aquilo. para mim esta versão de actividade sem compromissos, gastos e remorsos, funciona muito bem. já tenho muitos compromissos, não preciso de mais. um dia, quando me apetecer e achar que é isso que quero, volto ao ginásio. para já, este é o meu ideal]

tags:
© Mac às 10:44
link do post | favorito (2)
Segunda-feira, 19 de Setembro de 2016

101 - EU GOSTO É DO VERÃO

 IMG_5427.JPG

  

IMG_5451a.jpg

 

. Guincho, sábado às 9.30 h . Sem vento e quase sem gente .

 

 

 

IMG_5480.JPG

  

. Guincho, sábado às 10.30 h . Sem vento e com um bocadinho de gente .

 

 

 

IMG_6264.jpg

 

 . Guincho, sábado às 11.30 h . Sem vento e como se vê com um constrangimento de gente .

 

 

Depois apareceu o vento e nós viemos embora cheios de fotões, de bem com a vida e a acreditar que Setembro se cumpre da mesma maneira todos os anos.

 

É bom acreditar nestas coisas.

 

 

IMG_5556.JPG

 

IMG_5561.JPG

 

No Domingo, fomos para mais do mesmo, tivemos mais do mesmo e depois não sei se apareceu o vento, nós fomos almoçar ao sítio do costume, com as pessoas do nosso costume. 

  

E verifica-se, Setembro é um mês sem sobressaltos, igual a si mesmo, ano após ano.

 

É bom saber estas coisas. 

 

 

IMG_5609.JPG

 

IMG_5633.JPG

 

 

E saber que em Setembro as pessoas não querem saber de praia.

 

Mais fica.

© Mac às 09:46
link do post | favorito
Terça-feira, 13 de Setembro de 2016

734 - LAI LAI LAI [OS TÍTULOS NÃO SÃO O MEU FORTE]

 

 

 

 

Desde há uns tempos para cá comecei a fazer caminhadas. Adoro. As caminhadas são o ideal para mim, porque sou daquelas pessoas (se é que há este tipo de pessoas), que precisa imenso de exercício - porque me faz bem, me oxigena e me dá óptima disposição - mas não é propriamente dada ao exercício. Andei muitos anos no ginásio, mas parte deles em desculpas de falta de tempo para lá ir. Um eterno recomeçar, uma vontade enorme de ser aplicada, mas uma enorme preguiça de pôr o corpo em prática. Ora com uma vontade louca de exercício assim, correr sempre esteve fora de questão, preciso de exercício, mas calma aí. Foi aí que se fez luz, então vivo num dos melhores sítios do país para praticar exercício ao ar livre e meto-me em ginásios? Está bem, não vou correr, mas vou andar. E assim foi.

 

Claro que caminhar só resulta se fizermos uns bons quilómetros, com uns ténis adequados (qualquer Decathlon ou Sport Zone aconselham bem) para evitar problemas e numa boa passada, aquela bem decidida de quem está aqui, está a correr para apanhar o filho que vai fazer asneira, o outro passo, aquele de ver montras, não serve para nada.

 

Por aqui há imensos percursos mega saudáveis, com ou sem mar. Prefiro aqueles que têm mar, se bem que por vezes quando está maré cheia, há partes do paredão que não se conseguem fazer. Mas não estando, não há nada melhor do que começar o dia com uma boa caminhada no paredão. Faço pelo menos três vezes por semana, idealmente quatro.

 

Já agora deixo os meus percursos preferidos:

. Cascais - Tamaris - Cascais - cerca de 5 km (foi o meu percurso de início e faz-se na boa, sem grande esforço)

. Cascais - S. João - Cascais - cerca 7.5 de km

. Marina - Casa da Guia - Marina - cerca de 5 km

. Casa da Guia - Cabo Raso - Casa da Guia - cerca de 8.5 km

. Quinta da Marinha - Guincho - Quinta da Marinha - cerca de 9 km

 

E já não quero outra coisa. 

tags:
© Mac às 13:52
link do post | favorito (2)
Quarta-feira, 24 de Agosto de 2016

99 - EU GOSTO É DO VERÃO

Todos os anos na semana em que o pai desta família regressa ao trabalho, não me sinto preparada psicologicamente e fisicamente para voltar às rotinas extra férias, portanto, mais uma vez, mantive o ritmo bom da praia, passeios, almoços fora e tal.  

 

Claro que para almoçar fora, os restaurantes da área de Cascais são os que me dão jeito, e é sobre esses, que à semelhança do ano passado, vou continuar a elaborar o micro guia dos sítios giros, bons e baratos, amigos das crianças e das mães.

 

 

 

  

 

  

. Pizzaghetti . e aquelas Pizzas fantásticas para todos.

 

 

 

  

  

 

 

  

. Trem Velho . Hambúrgueres para todos, nem podia ser outra coisa, porque é para isso que lá vamos, para aqueles antigos completamente era pré McDonald's. Adoramos aquela carruagem antiga, a facilidade de estacionamento e a proximidade da praia. E ainda gostamos mais no regime de jantar com o pai.

 

  

 

 

 

. Dom Grelhas, na Casa da Guia . É um dos nossos restaurantes de sempre, Verão ou Inverno, almoços ou jantares. Gostamos de tudo. Adoro dar uma volta pelas lojas, ir buscar flores ao horto e nem falo da vista. Quanto ao que por lá comemos, geralmente fico-me pelos peixes, ou saladas, e os miúdos vão para os hambúrgueres ou pregos.

 

 

 

 

 

 

 

. Happy Days . Mais um restaurante que faz as delícias dos miúdos porque anda ali na base das pizzas, hambúrgueres e pregos .

 

 

E depois ainda temos:

. o Poeta, com umas sardinhas para a mãe e picanha para os filhos. Há dias em que me apetece um almoço no meio de Cascais, ali no Largo Camões, cheio de turistas, música ao vivo e aquela sensação que também nós somos turistas. Adoro.

. o Lucullus, com picanha para os miúdos e para a mãe deles, mais uma vez, uma salada. Quando fazemos jantares, o pai vai para o Sushi. Em tempo frio, adoramos a entrada de cogumelos salteados.

. o HotDog Cascais, a roulote de cachorros quentes, que está habitualmente naquela descida, mas agora, durante as Festas do Mar, está em frente ao Hotel Baía.

 

 

 

 

 

 

E quando um almoço termina com uma passagem pelo Santini, temos estes miúdos felizes como tudo.

© Mac às 09:37
link do post | favorito (1)
Terça-feira, 23 de Agosto de 2016

91 - OS FILHOS, A VIDA, O NIRVANA E EU

Hoje as pessoas que pus no mundo com muito amor, encontravam-se fartas de praia (??!!) - é verdade, a mim também me custa a acreditar - então decidimos fazer uma manhã urbana.

 

 

Fomos ver o Museu do Cartoon,

 

 

  

 

 

 

depois a Casa das Histórias Paula Rego, que tem uma cafetaria fantástica, óptima para lanches com miúdos,

 

  

   

 

 

e seguimos para umas voltas no carrossel, umas compras na feira das Festas do Mar, e terminámos com o almoço que eles adoram no Happy Days, seguido de sobremesa no Santini. 

 

 

  

 

 

 

Foi uma excelente manhã.

© Mac às 16:45
link do post | favorito (2)
Quarta-feira, 17 de Agosto de 2016

18 - A PROVÍNCIA É UM SÍTIO LINDO

 

 

  

 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

 

 

 

 

Com o pai desta família de regresso ao trabalho e a mãe ainda em modo de férias, roupas de praia, cabeça acolá, sem vontade nenhuma de voltar às rotinas da vida e ainda com os miúdos em férias, continuamos com a praia, parque e mais parque, as voltas da praxe no carrossel da vila e almoços fora (depois conto sobre os sítios bons, bonitos e baratos, onde fazemos os nossos almoços de Agosto). 

 

_______________________________________

. Parque Marechal Carmona

. Carrossel de Cascais

© Mac às 14:21
link do post | favorito
Terça-feira, 16 de Agosto de 2016

87 - AS FÉRIAS, A VIDA, O NIRVANA E EU

 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

 

 . chegámos à nossa casa, à nossa praia e à nossa vida . e eu gosto tanto dela .

(e chegámos com uns dias fantásticos, sem vento, com o mar tão bom - bandeira verde! bandeira verde no guincho!! - a praia cheia e tanto sal na pele)

 

 

 

já o disse, se não for para mais nada, que o é, as férias servem para ganhar saudades daquilo a que já não ligava, coisas tão parvas como o duche . não há melhor duche que o meu . nem cama melhor do que a minha . o regresso ao nosso parque . onde as correrias são as melhores de todas . e os escorregas e baloiços . e os patos e patinhos, e os galos e galinhas, também são os melhores de todos . e ainda há a praia . a nossa praia . que também é a melhor de todas as praias . mesmo com muito vento . todos os anos as mesmas caras . todos os anos às minhas perguntas se vai estar um bom dia, a resposta, sim, vai estar um bom dia de guincho . um bom dia de guincho é uma tempestade no deserto . os dias de vento, quase todos, e as alfinetadas de areia nas pernas, os pára-ventos e os dias em que só de camisola . e gorro . e tapa-orelhas . e cobertor . e depois há os outros, os dias fantásticos e não há nada melhor do que os dias fantásticos de guincho . em cada época balnear, contam-se pelos dedos de uma mão . se calhar é por isso que são inesquecíveis . amo de paixão o cheiro daquele mar, a areia agarrada à pele e os fins de tarde quando a praia fica mais vazia e a luz é mais laranja, o sol está mais baixo e o mar mais calmo . adoro aquele cheiro . e gosto das rotinas desta praia . as revistas que compro para levar . os almoços naquele bar . os seixos que apanho, para depois pintar, ou não . as conchas que levo para casa e ponho em frascos . as madeiras gastas pelo mar . no ano passado fiz barcos à vela . e no outro, pintei peixinhos nos seixos . este ano não sei . este ano não quero saber de muitas coisas . gosto tanto de todos os bocados de praia que consigo trazer para casa . todos os anos

 

 

. já o disse há um ano, há dois, há três e há sempre .

© Mac às 13:27
link do post | favorito
Quarta-feira, 30 de Março de 2016

56 - OS FILHOS, A VIDA, O NIRVANA E EU

 

 

 

 

 

 . por estes dias .

 

. hoje, por exemplo, assim como amanhã, estarei em modo mãe rally paper . são dias em que dedico o meu tempo a levar e a trazer os meus filhos das suas múltiplas actividades desportivas, sociais e lúdicas, e faço uns contra-relógios jeitosos, mas sempre na condução tipo mãe . aos horários que tenho pregados na porta do frigorífico, ainda me aparecem idas a casa deste e daquele, cinema e mais o que um adolescente se lembra . e eu refaço a escala de leva aqui, ali e acolá e traz daqui, dali e dacolá . em férias escolares a coisa agrava-se, porque deixo de ter o transporte (está de férias) que os leva da escola para as actividades desportivas . e as actividades desportivas têm horários diferentes, durante os períodos de férias escolares (porque não sei quem também está em férias) . ou seja, toda a gente tira férias . esta mãe é que não .

 

. no meio da escala de serviço, tive um tempo de ninguém e tomei-o para mim . fui ver as modas, aka, a zara, a mango e a h&m . gosto de tudo . muito verde tropa, imenso branco, muitas gangas, calças à boca de sino, tops giros e já alguns fatos de banho .

 

 . há qualquer coisa naquela casa, que me transporta para o que imagino da casa de 'a paixão de jane eyre . apesar desta não me parecer que ardeu . e depois há a outra casa, a que um dia será minha . está mesmo na baía com o mar pela frente, numa rua silenciosa e com a vila atrás . tem tudo o que gosto . vista sobre o mar e a dois passos de tudo a pé . se é para sonhar, que seja um sonho . não se sonha em pequenino . isso não é nada .

 

. pus 2 quilos, quando deveria ter perdido exactamente 2 quilos, portanto agora tenho de perder 4 . se calhar são mais, mas roma e pavia não se fizeram num dia, mais vale um pássaro na mão do que dois a voar, deus ajuda quem cedo madruga e março marçagão de manhã inverno, à tarde verão . para começar, só posso pensar em 4 quilos . estou com uma sensação de déjà vu terrível . deve ser só impressão . fui ter com o meu médico e ele perguntou-me o que andei a fazer . a comer, não lhe parece óbvio? perguntou-me se teria vontade de fazer um diário alimentar . vontade, não tenho, mas está bem . não sei se sou obrigada a registar que lambo aquela capa de prata dos iogurtes do pedro, sempre que ele lancha em casa . ou que quando sou eu a fazer o béchamel, rapo a taça . ou quando é sodona, lhe digo para deixar a taça, que depois eu a lavo . minudências .

  

. e depois de criar dois filhos e um gato, agora estou a criar uma alface . para mim é importante que os meus filhos distingam um torrão de terra, de uma fatia de bolo de chocolate . cá coisas minhas .

 

. é isto, portanto .

© Mac às 15:15
link do post | favorito
Quinta-feira, 7 de Janeiro de 2016

20 - SERÕES (E MADRUGADAS) DA PROVÍNCIA

 

 

 

 

 

 

 

 

gosto de cascais logo pela manhã, quando as lojas ainda não abriram e não se vê quase ninguém nas ruas . nos dias de chuva e céu antracite, ainda é melhor . ainda se vê menos gente, o cheiro do mar fica mais intenso e os cafés cheiram ainda mais a bolos acabados de fazer . gosto de descer aquela rua da cidadela, com o mar ao lado e o céu pela frente, achar piada à roda que não é a de londres e morrer de saudades do verão, regressar e beber qualquer coisa quente num lugar qualquer . gosto deste sítio calmo, que nunca parece uma cidade (que não é) fantasma . e adoro-lhe os dias de sol, quando fica com aquele ar de sítio de férias cheio de gente . gosto muito de viver por aqui, onde há sempre mar .

tags:
© Mac às 16:38
link do post | favorito (2)

 

 

  

   

No Facebook,

  

 

mytaste.pt

≈ About me

≈ Pesquisar no blog

 

≈ Arquivo

As fotografias publicadas são da minha autoria, salvo algumas excepções.

Agradeço que me informem, caso alguma esteja protegida por copyright.

Retirá-la-ei imediatamente.