Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

11
Set17

172 - Os filhos, a vida, o nirvana e eu


Mac

 

  

 

  

 

    

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

 

e de repente começaram as aulas, o calçado de verão deixou de servir e esta mãe teve de ir comprar qualquer coisa que ainda desse até chegarem as botas, as carneiras e as meias até ao joelho . e de repente o tempo já não está de verão, as manhãs estão mais frescas, o sol já não bate naquele sítio àquela hora, os fins de tarde trazem um fresco frio, não é o fresco de um dia que foi quente e alivia com o pôr do sol, é aquele fresco de norte quase a cheirar a lareiras . mas eu não estou preparada para isso . e se no sábado fomos à feira da luz ver cestas, loiças e deixar a criança saltar até à inconsciência, no domingo fomos à praia, mesmo sem um dia espectacular . pelo meio, deixámos os miúdos com os avós e fomos jantar sem conversas interrompidas no villa tamariz utopia, onde o pôr do sol é mais bonito, a baía é mágica e o fim do verão não é assim tão mau . e de repente as minhas cinco nespereiras, plantadas de 5 caroços das melhores nêsperas, estão de vento em popa, qualquer dia já são crescidas

 

 

• instagram @maria.antonia.velez •

 

08
Set17

115 - Eu gosto é do Verão


Mac

   

 

 

 

   

 


 

 


 

 

 

 

 Apetecia-me muito passar uns dias num sítio em que não fosse preciso pegar no carro para nada, nem sequer para ir comer, e como já tenho a barriga cheia de praia, nem sequer era um ponto a considerar, só precisava de uns dias a lagartar, ler, comer e piscinar, por isso fomos até ao Vila Monte, para  terminar as férias grandes.

 

 

 

 

 

 

 Já tínhamos feito um registo parecido em Vilamoura e este ano não pegámos no carro para nada, a praia estava do outro lado da rua e podíamos ir a qualquer restaurante a pé, porque ali a variedade é enorme, mas agora quisemos um registo mais calmo e silencioso, coisa que é impossível em Vilamoura, pelo menos em cima da marina. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

 

 

  

 

O Vila Monte é ideal para isto e apesar das praias não estarem longe (dali vê-se o mar), acabámos por não sair, nem sequer para passear, experimentar novos restaurantes, ou visitar a zona.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

 

Os dois restaurantes do hotel têm uma excelente carta, que inclui menu infantil e vegetariano, e ainda há o bar da piscina para almoços mais leves à base de saladas, hambúrgueres e sumos de fruta. À noite há duas sessões de cinema ao ar livre, uma delas infantil. As piscinas, uma delas só para adultos, têm uma envolvente fantástica, e para gastar energias há o insuflável para as crianças e os campos de ténis e ginásio para os adultos, além das bicicletas para passear. 

 

 

 

 

  

 

 

 

 

  

 

 

 

  

 

 

 

 

 

 

 Como a ideia era desintoxicar das rotinas, de uma vida repleta de tarefas, de férias cheias de actividades e acima de tudo descansar, não houve mesmo muita vontade de sair dali e descansámos imenso.

 

 

 

 

 

 

 

 

Foram dias excelentes, o céu esteve sempre azul, a temperatura óptima e esta luz de Setembro é das mais bonitas. A repetir sempre.

 

 

 

• instagram @maria.antonia.velez •

 

 

 

07
Set17

29 - Quem tem um adolescente, tem tudo


Mac

 

 

 

 

 

- Ó mãe, hoje 2 amigos meus podem dormir cá em casa? Nós montamos os colchões insufláveis e não damos trabalho nenhum.

- Podem.

- Se calhar são 8, mas só 2 é que estão confirmados e não damos trabalho nenhum.

- Então mas isso já está combinado?

- Não, estamos é a pensar.

- Ou seja, já está combinado.

- Não mãe, só 2 é que estão confirmados

- Mas os outros 6 ainda podem confirmar

- Pois, mas antes que eles confirmem, eu estou a perguntar. Ó mãe, 2 estão confirmados e dormem nos colchões insufláveis

- E os outros 6?

- Não estão confirmados

- E se confirmarem, dormem onde?

 

 

Os meus filhos têm um sentido de humor fantástico.

 

 

#QuemTemUmAdolescenteTemTudo
#SabesMuitoMasEuAndoCáHáMaisTempo

 
07
Set17

79 - Andei na net [e por aí] e trouxe comigo


Mac

 

.  saias em vichy com folharuscos .

 

[eu sei que toda a gente já pensa em botas e abafos, eu também, mas por outro lado, ainda estou muito virada para a roupa fresca]

 

 

 

 

 

 

 

. e alguma inspiração em tons neutros, para o tempo frio, que se quer bem longe .

 

[com o que já vi de tendências para o próximo outono/inverno, duvido que me afaste dos habituais casacos de corte clássico, caxemiras, saias midi e sapatos com saltos quadradões e mocassins quase masculinos, mas nunca digo "desta água não beberei"] 

 

 

 

 

 

 

 

 

 . o champô e a máscara kérastase résistance, para cabelos enfraquecidos .

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 . as colas pritt em stick, líquidas e em fita, para trabalhos mil e seguras para serem usadas por crianças .

 

 

 

 

 

 

 

. vasos com aloe vera para pôr nas janelas da cozinha .

 

 

 

 

 

 

 

. e a frase da semana .

 

 

• instagram @maria.antonia.velez •

 

07
Set17

28 - Quem tem um adolescente, tem tudo


Mac

 

 

 

  

 

Depois de reclamar que todas as férias, mini férias e fins-de-semana são de um aborrecimento atroz, desinteressantes, secantes, “não há nada para fazer”, “vocês só fazem coisas chatas”, “mas que interesse é que isto tem?” E coisas desta natureza, desta vez o meu adolescente preferido não acompanhou a família querida, e pela primeira vez ficou em casa sozinho. Quer dizer, os avós estavam de prevenção, os tios também, sodona idem, aspas, os pais de uns amigos também, uns amigos nossos juntaram-se às tropas de elite, mas pronto, ele ficou sozinho, sem ninguém mostrar que estava ali mesmo ao virar da equina.

 

. Não houve festas, nem raves, nem ajuntamentos cá em casa, ou então eles sabem limpar tudo muito bem e arejar a casa.

 

. Comeu pizza todos os dias a todas as refeições, bebeu imenso leite, comeu todos os bolos que havia, pipocas e batatas de pacote, mas não comeu sopa, nem fruta.

 

. Tomou banho todos os dias e estendeu o lençol (o lençol estava seco. Se calhar não tomou banho, mas como não havia cheiros, nem me vou preocupar)

 

. Pôs a loiça toda na máquina

 

. A roupa suja estava toda no cesto para o efeito

 

1ª Conclusão: tirem-lhe a mãe e o miúdo porta-se bem.


2ª Conclusão: a mãe dele sentiu uma espécie de ninho vazio, mas em férias. Achei estranho não ter de dizer 50 vezes que tem de sair do quarto, depois da piscina, de largar o telemóvel e olhar para nós e coisas assim. Também achei estranho que ninguém me revisasse o olhos de cada vez que falo e me respondesse “pode ser”, ou “serve”, ou “uh”.

 

 

#QuemTemUmAborrescenteTemTudo

01
Set17

114 - Eu gosto é do Verão


Mac

 

 

 

 

 

É tempo de retocar as nuances depois de meses de sol, cloro e sal, é tempo de fazer a revisão dos uniformes, preparar a roupa para o Inverno, ver o calçado dos miúdos que serve e já não serve (aposto que nenhum), as meias e os básicos, tratar das mochilas da cola e do papel. É tempo de recomeço, de estabelecer novas metas, rever as anteriores e traçar objectivos.

 

Não é nada.

 

Ainda é só Setembro, o Verão ainda vai no adro, há muita praia para fazer, muito Verão para viver e o Inverno é sempre demasiado longo para cortar já o Verão às fatias. Os uniformes ainda servem, os cabelos cortam-se quando calhar, as nuances retocam-se lá para o Outono.

 

Ainda é só Setembro. Talvez vá comprar os cadernos.

 

Bem-vindo Setembro.

 

Bom dia.

 

 

#APessoaQueTinhaTimingsPerfeitos
#AdonaDeCasaPerfeita(mente desperada)
#VerãoÉQuandoUmaMulherQuiserEAMulherQuer
#GreveÀRentrée

 

 

• instagram @maria.antonia.velez •

30
Ago17

170 - Os pequenos-almoços, a vida, o nirvana e eu


Mac

 

  

  

 

Os pequenos-almoços são as minhas refeições mais importantes e que procuro manter mais saudáveis, depois de várias horas sem comer nada. Gosto de ter frutas frescas, sumos, iogurtes e/ou cereais, e por vezes pão, desde que não seja branco.

 

 

 

 

 

 

 

 

Um dos sumos que prefiro por todos os benefícios que me traz é o de toranja, mas confesso que me custa bebê-lo puro (nunca ninguém disse que era fácil), sem água e sem açúcar, por isso de vez em quando junto-lhe frutas de que gosto, assim continuo a beber o sumo com todas as propriedades que tem, mas deixa de ser uma coisa desagradável. Uma das frutas que lhe juntei é a melancia. Fica fantástico e quase não sabe a toranja.

 

 

 

 

 

 

 

  

 

Além dos sumos de frutas, os meus pequenos-almoços andam muito no pão integral torrado, queijo fresco magro, requeijão e continuo nos iogurtes magros com granola e frutos silvestres, por vezes pêssego, morangos ou melão, porque o que me interessa é fazer um pequeno-almoço saudável que me faça aguentar quase toda a manhã sem comer nada. Se por acaso tenho fome a meio da manhã, como uma bolacha de cereais (há umas da Belevita que são fantásticas) e tenho conseguido viver muito bem.

 

 

• instagram @maria.antonia.velez •

 

30
Ago17

169 - A vida, o nirvana e eu


Mac

 

 

 

 

 

 

Ainda me falta percorrer um longo caminho. Ainda não cheguei aos meus habituais 54 kg (vou chegar), mas hoje passei para os cinquentas. Por 100 gr, é verdade. Com a certeza que pode só ter sido um copo de água a menos, quem sabe menos um golo no iogurte da manhã, mas eles estavam lá, o primeiro dígito já não era um 6, não era não, era um 5. E isso é motivo para comemorar. Com copos de água, mas mesmo assim, comemorar.


Cheers!

[Parece pouco, mas não é, é muito, custa muito a ir embora e é tão fácil a chegar. Não sou amiga de dietas brutas, daquelas que nos levam 10 quilos num mês. Prefiro levar mais tempo, mudar maus hábitos e ficar estável, não quero pesos iôiô, não quero perder depressa, para ganhar à primeira “inspiradela”]



#OAlentejoFazBemÀSaúde
#CincoJáLáVão
#SlowLiving
#CountryLife

 

 

 

 - 13.08.2017 -

 

 

• instagram @maria.antonia.velez •

30
Ago17

148 - Croché, colagens, tricô, filet, bricolage e coisas assim


Mac

 

  

 

 

Um destes dias estava sem ideias para decorar a mesa para um jantar lá fora, não é que seja preciso, mas sempre dá um ar, então resolvi pôr umas suculentas em frascos de compota e usei alguns dos bocados de conchas que apanhámos este ano na praia para tapar a terra.

 

 

  

 

 

 

 

 

 

 

Primeiro pus a terra no fundo dos frascos, depois plantei uma espécie de suculenta por frasco e finalmente cobri a terra com pedaços de conchas. 

 

 

 

 

 

 

 

 

Para tapar as roscas dos frascos usei corda.

 

 

 

 

 

  

 

E já está, uma ideia facílima de executar, rápida e que dá um ar de Verão à mesa, mais simples não há.

 

 

• instagram @maria.antonia.velez •

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D