Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

15
Jun16

131 - CROCHÉ, COLAGENS, TRICÔ, FILET, BRICOLAGE E COISAS ASSIM


Mac

 

 

 

 

 

Gosto muito de borlas, tanto para decoração, como em algumas roupas, como túnicas, ou colares. Ficam giras em ráfia, em serapilheira, linha de croché, de bordar, algodão, enfim, o limite é a imaginação e o fim a que se destinam.

 

Há muitas formas de fazer borlas, dependendo daquilo que se quer. Por exemplo, se as quisermos para colares, ficam melhor se forem pequenas e em linha de bordar, então esta maneira de fazer é facílima e super rápida.

 

Estas últimas que fiz para as almofadas do jardim, queria que ficassem com cerca de 9 cm e que fossem em algodão, por isso escolhi uma linha para tricot em algodão muito macio. Quando tenho de fazer muitas, o primeiro método que mostro ajuda muito, visto que faço duas de cada vez. Quando é apenas uma, ou número impar, faço como mostro no segundo método. 

 

 

Materiais

. Cartão forte

. Linha de algodão

. Tesoura 

  

 - Método 1 -

para fazer duas borlas de cada vez 

 

  

1. Cortamos um cartão com o dobro do comprimento que queremos a borla, ou seja, neste caso como quero borlas de 9 cm de comprimento, cortei um cartão com 18 cm.

 

2. Com o fio, damos 80 voltas à volta do cartão.

 

3. Com um pouco de fio (2 bocados, um para cada topo), atamos cada topo.

 

4. 5. e 6. Tiramos a meada do cartão e cortamos ao meio, obtendo assim duas borlas.

 

7. Com um pouco de fio, damos umas voltas no no topo da borla.

 

8. Quando faço as borlas com fios de algodão, molho-as para ficarem bem direitas. Depois de secas, sacudo, para soltar bem os fios, e aparo as pontas.

 

 

 

 

  

 

- Método 2 -

para fazer apenas uma borla  

 

 

 

1. Cortamos um cartão com o comprimento com que queremos que a borla fique, ou seja, neste caso como quero borlas de 9 cm de comprimento, cortei um cartão com 9 cm.

 

2. Com o fio, damos 80 voltas à volta do cartão.

 

3. Com um pouco de fio, atamos o topo.

 

4. e 5. Tiramos a meada do cartão e cortamos o fundo (o lado oposto daquele que atámos), obtendo assim a borla.

 

6. Com um pouco de fio, damos umas voltas no no topo da borla.

 

E faço o passo 8. do método 1. 

 

 

 

 

 

{mais ideias para aplicação de borlas, aqui}

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D