Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

09
Mai16

65 - EU GOSTO É DA PRIMAVERA


Mac

 

 

também foi um fim-de-semana em branco . branco nas roupas, na casa, nas flores e na vida . nos nervos também . descobri que os meus nervos são brancos . parece-me importante que as pessoas saibam as cores dos seus sentimentos, principalmente as cores dos nervos . noites em branco, em lençóis brancos e chá branco para passar o tempo, inspirar e expirar em branco e olhar para o horizonte azul que se desfaz em branco . portanto branco . os meus nervos são brancos . este autoconhecimento do meu interior, deixa-me mais descansada . também comecei a toalha com franjas (branca!) e está a ficar gira (depois conto coisas) . na minha família casa-se muito na primavera . é uma mania, como outra qualquer . principalmente em maio . se calhar é por isso que maio me dá visões de branco .  e estou convencida que se aclamarmos a primavera e vestirmos branco, muitas e muitas vezes, ela vem, assim uma espécie de dança da chuva, mas ao contrário . os filhos crescem e eu mingo de nervos . já agora se puder ser dos lados, fico muita agradecida que a vida me faça esse obséquio .

09
Mai16

69 - OS FILHOS, A VIDA, O NIRVANA E EU


Mac

 

 

  

 foi um fim-de-semana diferente, à falta de melhor designação . um filho no mar e quase sempre muito mau tempo . noites mal dormidas, ele porque estava fora da alçada da mãe e com os amigos, a mãe dele porque é fraca dos nervos . esperas de telefone, para a mãe dele, ele nem quis saber de carregar o telefone . e a mãe dele a contar as horas para disparar no domingo para o cais . ele não enjoou, portou-se muito bem e veio cheio de ideias . claro que sim, o que se espera de um miúdo aos quinze anos? a mãe dele andou numa espécie de náusea e também ficou cheia de ideias . das boas, claro . o que interessa é que ele adorou e eu de uma forma muito retorcida, também adorei . adorei que ele tenha adorado . o resto não interessa, são cá coisas de mãe .

 

 

[se calhar podia ir para a marinha, disse-me ele . e eu não me surpreendi . mas não filho, não podes, a mãe não tem um coração que aguente ser mãe de alguém da marinha . estamos malucos ou quê? os meus filhos podem escolher quase tudo na vida, se excluírem: marinha, aviação, exército, pilotos de F1 e afins, alpinistas, exploradores do árctico, antárctico e gelos de qualquer zona, e qualquer profissão numa plataforma de petróleo . tirando isto, sobra ainda muito e podem ser o que quiserem]

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D