Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

12
Fev16

22 - ANDEI NA NET [E POR AÍ] E TROUXE COMIGO


Mac

 . da laurinda alves, este "preciso de saber de ti", para quem tem filhos adolescentes, e não só .

 

(...) Nesta lógica e porque nunca esqueci conselhos que aprendi com Daniel Sampaio, na altura em que fizemos juntos várias séries de programas Verdes Anos, sobre os maiores desafios da adolescência e juventude, deixo aqui alguns para pais com filhos ainda pequenos, que queiram apostar ou reforçar a conversa em família. Daniel Sampaio, que era e continua a ser a grande referência para pais e filhos em dificuldades, dizia sempre que é na comunicação que tudo se ganha ou tudo se perde. E reforçava a sua convicção com sugestões que permitiam alargar o campo de possibilidades de comunicação entre pais e filhos: “abram as portas de casa aos amigos desde muito cedo, deixem que eles levem quem quiserem para casa, pode ser um caos, uma desarrumação e até uma devastação na despensa e frigorífico, mas vale a pena para ficarmos a conhecer melhor os nossos filhos. Através dos amigos, das conversas que têm na nossa presença, daquilo que naturalmente falam e contam uns sobre os outros ficamos a saber infinitamente mais sobre eles do que se lhes fizermos perguntas”. Nenhum filho gosta de pais perguntatitvos, é verdade. E raros são aqueles que contam em casa o que viveram na escola (...)

 

(...) Apostar na comunicação e reforçar os tempos em que se conversa de forma natural, sem ser com perguntas mais ou menos invasivas, pode passar por convidar um filho de cada vez para almoçar ou fazer um programa diferente, sem razão nenhuma. Só porque sim. Ou ir buscá-los ao liceu sem ser para os controlar, apenas para sentirem que estamos próximos e abrimos o coração e a casa aos amigos. Também passa por estreitar os laços com a escola e os professores, claro. E certamente por lhes prestar mais atenção em casa. E desligar os telemóveis, sempre que possível, quando percebemos que querem falar. Tudo isto constrói relações de confiança que fazem um sentido especial no quotidiano familiar, mas também muito mais à frente, quando eles crescem e se distanciam. (...)

 

 

 

 

. daqui trouxe ideias para usar a gabardine . tenho uma relação amor/ódio com ela . se por um lado a acho gira, por outro, acho-a desconfortável e não gosto de a ver com quase nada, mas continuo a tentar . a maior parte das vezes uso-a com uma camisa de ganga, ou uma camisola de gola alta, porque não tenho mais ideias . também não me esforço muito . a coisa está relacionada com chuva e isso já é um handicap incontornável .

 

 

 

  

. a minha já tem uns anos valentes, se precisasse de uma agora, optaria por um outro modelo em branco . vou pensar no meu caso . se calhar preciso de uma em branco .

 

 

 

 

. também do pinterest, trouxe ideias para fazer uns poufs neste tipo de tricot gigante . acho-o o máximo, se bem que ainda nem procurei, nem sei onde há, as agulhas gigantes e os fios hiper grossos para o fazer .

 

 

 

 

. da acessórios e companhia, estas túnicas e kaftans, lindos, lindos e cheios de vontade de verão .

 

 

 

 

. e a frase da semana, que para já, é a do ano .

 

 

. foi uma boa volta por aí, entre pingos de chuva, molhas e vida boa . tenham um bom fim-de-semana .

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D