Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

04
Fev16

122 - CROCHÉ, COLAGENS, TRICÔ, FILET, BRICOLAGE E COISAS ASSIM


Mac

 

 

 

 

Como já disse, na praia gosto muito de apanhar seixos, restos de madeira e conchas, para depois fazer trabalhos com os miúdos e dar outros fins ao que encontramos, enfim, de uma certa forma eternizar as nossas férias. No passado Verão, também apanhámos bocados de madeira e agora fiz uns barcos à vela com eles. 

 

A ideia era que ficassem bem rústicos, tanto no aspecto, como nos acabamentos, por isso para a vela usei restos de tecido, sem passar a ferro e cosi com cordão de algodão. Acho que o primeiro barco ficou exactamente como queria.

 

 

 

 

Materiais:

. bocados de madeira desgastados pelo mar

. restos de tecidos

. fio de algodão, ou corda . Leroy Merlin

. paus para espetada . Continente

. tesoura

. cola universal UHU 

 

 

 

. na parte de cima do bocado de madeira fazemos um furo e com cola, fixamos o pau de espetada, que será o mastro.

. fazemos um furo em cada ponta e colamos em cada furo um bocado pequeno de pau de espetada 

 

  

 

 

. cortamos um rectângulo de tecido, com as dimensões com que queremos que a vela fique. dobramos a meio e cortamos um triângulo.

 

 

 

 . com o fio de algodão, cosemos um dos lados da vela

. pomos um pouco de cola no pau de espetada e fixamos a vela

. passamos um fio que une o mastro a cada ponta do bocado de madeira

. fazemos a bandeira com um bocado de tecido, colamos ao mastro

. e já está.

 

 

 

 

 

[acho mais piada ao lado mais irregular do bocado de madeira, portanto, aos meus olhos, quanto mais estragado estiver, mais giro fica]

 

04
Fev16

21 - ANDEI NA NET [E POR AÍ] E TROUXE COMIGO


Mac

 

 . daqui, do sítio do costume, e já a pensar na primavera, uns conjuntos que já abandonaram os casacos e abafos, mas ainda não são de verão e me apetecem tanto .

 

 

 

 . da nike, os cortez, coisas mais lindas .

 

 

 

. e daqui livros para contar coisas mil ao mais pequeno, poesia de fernando pessoa para todoso livro dos grandes opostos filosóficos, ambos com desenhos lindos . perco-me pelas ilustrações dos livros infantis .

 

 

 

 e também o meu primeiro dom quixoteo meu primeiro álbum de poesia e o meu primeiro mozart, que fazem parte de uma colecção giríssima .

 

 

 

 . do continente e já que sou uma fã incondicional por cremes para o cabelo, este da tresemmé de um litro veio mesmo a calhar, para usar e abusar em abundância, e para alternar com a máscara que já uso há muito tempo . 

 

 

  

. e do attic24, o meu blog preferido de crochet, esta manta que quero fazer, a tal que quero para usar lá fora nas noites frescas de verão .

 

 

 

. e a frase da semana . 

 

 

. foi uma boa volta por aí .

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D