Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

30
Jan15

10 - EU É MAIS COZINHAS, TACHOS E PANELAS. RAPAR TAÇAS TAMBÉM


Mac

De vez em quando experimento novas receitas, porque gosto muito de variar bastante a alimentação desta família, mas também sei que nem todas podem ser muito complicadas, porque nem sempre tenho paciência para cozinhar. 

 

E das últimas experiências, a família gostou muito da receita de Laços com Carne Picada e Linguiça, da revista da Bimby, que já a fiz na integra e depois modifiquei-a ligeiramente, variei para Penne, porque não tinha Farfalle e também experimentei usar chouriço, em vez de linguiça e nesta versão, não usei cominhos, e a família gostou de todas as versões. Também para ser mais rápido, em vez de cozer a massa na Bimby, enquanto a massa coze em água no fogão, faço o molho na Bimby, mas isto sou eu que nem sempre estou para esperar que a Bimby me faça tudo.

 

 

 

 

 

  • 1500 g de água
  • 1 1/2 c. chá de sal
  • 300 g de Farfalle ou Penne
  • 30 g de azeite
  • 120 g de Linguiça às rodelas, ou 6 rodelas de chouriço
  • 3 dentes de alho 
  • 500 g de Carne picada (usei sempre vaca)
  • 400 g de tomate em pedaços
  • 35 g de vinho branco
  • 1 c. chá de cominhos em pó (na minha versão com chouriço, não usei os cominhos)
  • 1 folha de louro
  • Sal marinho tradicional q.b.
  • Pimenta preta de moinho q.b.

 

Preparação:

Coza a massa como habitualmente. Coloque no copo a o azeite, o alho e a linguiça e salteie 3 mn, Varoma, vel colher. Adicione a carne, o tomate, o vinho, os cominhos, o louro e a pimenta e programe 15 mn, 100ºC, mov invertido, vel colher. Tempere com sal e pimenta, envolva com a massa e sirva guarnecida com salsa picada.

 

 

 

 

 

Depois fiz uma outra versão da mousse de limão, porque as mousses que habitualmente faço, abusam do leite condensado e é tudo muito bom, muito docinho e isso, mas muito bombástico, então fiz esta versão, que adaptei à Bimby, e que é bem mais leve e menos rica em açúcar e cenas.

 

. 4 ovos

. 75 g açúcar

. raspa e sumo de um limão

. 3 folhas de gelatina, ou uma saqueta de gelatina em pó

. 200 g de natas

 

 

Separe as claras das gemas, coloque a borboleta no copo, deite as claras com uma pitada de sal e programe 5 mn, v 3.5. Reserve. Bata as natas com a borboleta 1 mn v 3.5 e reserve. Tire a borboleta e deite no copo a casca do limão, rale 15 s na v 9. Deite as gemas, o açúcar e o sumo do limão e bata 5 mn v4. Demolhe a gelatina e depois junte ao preparado anterior 10s v 3. Junte as natas 10 s v3 e finalmente as claras 5 s v2. Deite numa taça e leve ao frigorífico por duas horas. 

 

 

E hoje vou experimentar a Brandade de Bacalhau, que se ficar 'daqui', depois partilho, se não ficar 'daqui', não partilho, já se sabe.

30
Jan15

93 - A MINHA BARRIGA, O MEU UMBIGO, CAPRICHOS, DÚVIDAS BIPOLARES, BIRRAS E COISAS ASSIM


Mac

 

 

 

às vezes não sei o que vestir, olho para o armário e aquilo parece-me uma enorme nebulosa de trapos e más compras, acho-o desorganizado, sem lógica e nada prático . nestes dias acredito que se me desse à pachorra de alterar a ordem que tem, teria sempre boas ideias para me vestir . não é verdade . já fiz grandes alterações aos roupeiros e nestes dias continuo sem saber o que vestir . há dias em que nada me parece conjugar, em que estou farta do que já vesti e que num determinado dia até resultou, mas que agora já não resulta e não me apetece e nada . no verão nunca me acontece isto . o verão é-me fácil nas roupas . o inverno não . as mudanças de estação ainda são piores . mas no inverno o que num dia é confortável e giro . numa próxima vez, é triste, ou desconfortável, ou fresco demais . ou tudo . e depois embirro com as cores e com os materiais . e com as formas e feitios . e não gosto das quantidades de roupa que são necessárias para não ter frio . são demasiados factores para uma mulher conseguir ser feliz . e ainda ter ideias . é a verdade . e depois é o cabelo, liso como tudo e que nos dias de chuva se torna numa cortina indomável, escorregadia, sem graça e sem forma . e a cor da pele que precisa tanto de uns raios de sol, que não há base, nem pó que revitalize . no inverno é tudo uma desgraça . e hoje depois de olhar e olhar e enervar-me e olhar, encontrei um cinto que comprei há cinco anos e nunca usei, porque na loja me pareceu muito giro e útil e tudo, mas depois achei-o meio coise, mas pronto, hoje olhei para ele e dei-lhe uma última oportunidade . vale-me que hoje consegui calçar uns saltos altos . não por muito tempo, mas o tempo suficiente para ir tomar um café . há dias em que a vida de uma mulher pode ser uma coisa muito dificil . há, há .

28
Jan15

61 - DA BIPOLARIDADE DE CADA UM, SÓ CADA UM SABE


Mac

 

 

 

tive saudades do verão e fui fingir que era verão com uma túnica e colares veranis . depois tive frio e agasalhei-me

 

isto de estar uns dias sem empregada, parece-me que vai ser uma espécie de lua-de-mel entre a minha pessoa e a minha casa . estou a gostar muito . se calhar tinha sido boa ideia ficar mais tempo entre a funcionária ida e a funcionária que há-de entrar . tão bom, que até era pessoa para andar todo o dia de pijama . só que não .

 

aqueles desodorizantes que anunciam uma protecção durante 48 horas, também resistem ao banho diário? ou só está garantida a sua eficácia em organismos avessos à água e sabão? 

 

desde que aderi às águas micelares, que não quero outra coisa para me desmaquilhar . só não uso nos olhos, porque continuo a achar que os bifásicos são a melhor coisa que já se inventou e eu não gosto de esfregar as minhas ricas pestanas com produtos impróprios . será que um dia inventam a maquilhagem que dura 48 horas? 

 

depois de procurar sem sucesso, quem fizesse a entrega do pão aqui na minha zona, estou em crer que o negócio não é bom. isso, ou há aqui um nicho de mercado por explorar . fica a ideia para quem quiser ser empreendedor e isso .

 

sempre que entro num parque de estacionamento com muitos lugares vagos, tenho muita dificuldade em escolher um lugar para estacionar . deveria escolher o lugar mais perto da saída . só que não .

 

ontem, acompanhada do meu filho pequenino, apanhei uma daquelas pessoas, que perante o fascínio que qualquer multibanco nos suscita, experimentou todas as funções . agora o meu filho pequenino, quando quer empurrar as pessoas, encosta a cabeça ao traseiro alheio e faz força, assim como se estivesse a marrar . a pessoa que estava a enraizar-se no multibanco sentiu-se incomodada e foi-se embora . e eu fiz de conta que não vi . 

 

e é isto

27
Jan15

255 - A SÉRIO!!??


Mac

A empresa que me faz a entrega do pão todas as manhãs, vai fechar no final do mês, portanto ando à procura de quem faça o mesmo serviço. Andei a googlar e cheguei à conclusão que a maior parte das empresas que faziam distribuição de pão, deixaram de funcionar, das que ainda funcionam, a maior parte está longíssimo da minha área de residência e as que não estão longe, enganaram-se no negócio.

 

Pessoa vendedora de pão: ah e tal, para as quantidades que a senhora pretende (*), fazemos-lhe um custo diário de € 6.50.

Esta pessoa consumidora de pão: Então isso dá cerca de € 195 por mês, não me parece minimamente razoável, aliás assim de repente, parece-me o maior disparate que ouvi nos últimos tempos e olhe que tenho ouvido muitos.

Pessoa vendedora de pão: A senhora compreenda que nós não vendemos pão, nós vendemos o conceito (1)

Esta pessoa consumidora de pão: Ah claro, isso faz toda a diferença.

 

Oh pah e depois de desligar é que me lembrei de diversas questões bastante pertinentes, a saber: o conceito também se come com manteiga? Se sim, sabe ao mesmo, ou pelo preço dá para passar por lombo de vaca? Mas pronto, estou uma menina.

 

 

(*) a senhora pretende que lhe entreguem oito carcaças por dia e um pão de forma grande, uma vez por semana.

(1) e desenvolveu a coisa, mas como eu acho que a pessoa tinha estado a cheirar farinha, não vou pôr aqui tão preciosa teoria.

 

[desconfio que atraio tudo quanto é gente parva. é assim uma espécie de íman, é é. isso e situações parvas. portanto tudo quanto é parvo gosta de esparvoeirar comigo. se calhar é uma espécie de desporto]

 

[pessoas que sabem sempre tudo, por acaso alguém sabe de quem faça distribuição de pão na zona do estoril?]

27
Jan15

10 - SODONA, O GATO, AS FLORES, O NIRVANA E EU


Mac

  

 

 

 

 

  

 

  

 

 

  

por estes dias

 

tive a derradeira conversa com a minha rica sodona . sodona achou que lhe devia ter dito há mais tempo que estava de saída desta casa, porque ainda tinha uma semana de férias e assim não dava para as gozar . ai que paciência que é preciso, pessoa . então eu sugeri-lhe que fosse agora de férias e depois voltasse por mais uns dias . não lhe pareceu uma boa ideia e achou melhor ser ressarcida em valores e cenas . está bem . depois lembrei-me de lhe falar nas faltas injustificadas . levou-me a mal . não a percebo . preciso de férias .

 

os jacintos continuam a dar o ar da sua graça, mas nunca consigo que me floresçam todos ao mesmo tempo, ou seja, planto-os a achar que um belo dia terei uma profusão de jacintos, mas não, a coisa não se dá assim . e o gato continua apostado em arruinar-me com tudo quanto seja bolbo, estejam em vasos, em jarras, onde for, isso não lhe interessa, o que lhe interessa é que se são bolbos, são para destruir . está feito um feio .

 

 depois andei a ver as coisas em ardósia que já fiz e parece que sim, que a partir do dia em que pintei a parede do quarto de brinquedos, a coisa entrou em grande nesta casa . 

 

e é isto

 

 

_____________________________________ 

 A explicação da forma de fazer os corações, ou sardinhas, está aqui

 

. Papel autocolante com efeito de ardósia, na Antiga Drogaria

. Caneta efeito giz na Staples

. Cordão de pasteleiro, no Staples, Amazon e Antiga Drogaria

26
Jan15

161 - A DONA DE CASA PERFEITA(MENTE DESESPERADA)


Mac

 

 

 

 

 

Já tive várias soluções para os cestos de roupa suja, mas a coisa tem vindo a mostrar-se falível. Usei uns de palha, giros como tudo, mas que acabaram por falecer às unhas do gato. Depois tive uns de pano, mas que ficaram cheios de pintas pretas, porque a divisão destinada ao tratamento das roupas é muito húmida. Então fui para a IKEA procurar soluções e ter ideias, e tive. Encontrei uns depósitos em plástico que se mostraram indiferentes aos apetites do gato, não têm ar de que vão ganhar cenas estranhas e afins, e cada um tem a capacidade exacta de um tambor de máquina, ou seja, além de poder separar a roupa por programas e tipos, entre branca, cores e delicada, sempre que um dos depósitos está cheio, será altura de fazer uma máquina. Também aproveitei e trouxe dois depósitos pequenos para os detergentes em pó. 

 

Depois resolvi pôr-lhes umas etiquetas, porque por aqui acontece muito misturar-se uma peça de cor com a roupa branca, e dar-se a maravilha da roupa rosada, da roupa que não é cinzenta nem creme, assim um surrado, da roupa azul cueca, enfim todos os tons pastel possíveis de obter com a mistura de uma peça escura, por mais minúscula que seja, junto de uma resma de roupa branca, assim não há desculpas, acho eu.

 

E pronto, lavagem de roupas organizada.

 

________________________________________________________

 

. Papel autocolante com efeito de ardósia, na Antiga Drogaria

. Caneta efeito giz na Staples

23
Jan15

60 - DA BIPOLARIDADE DE CADA UM, SÓ CADA UM SABE


Mac

 

 

 

paris-fashion-week-2015-habituallychic-035

 

paris-fashion-week-2015-habituallychic-015

 

paris-fashion-week-2015-habituallychic-033

 [imagens via Pinterest]

 

 

Neste momento da vida em geral e neste Inverno, em particular, roupa gira é sinónimo de conforto. Camisolas largas e leves de aspecto, mas quentes, casacos amplos, grandes cachecóis, calças confortáveis e que não apertem, para uns dias, skinnys para outros, e desde que tenham muito elastano, ou lá como se chama, é que isto de andar entubada e espartilhada já não é comigo, não todos os dias, a finalizar sabrinas, botins, raramente de saltos altos, e pouco mais. O resto é demais, supérfluo e excessivo. Para mim. 

23
Jan15

27 - As pessoas, o Inverno, o Nirvana e eu


Mac

 

 

 

por aqui continuo cheia de frio, cheia de roupa e a  desejar o verão . sou assim eu em janeiro . todos os anos . nada  a fazer . acho que já não mudo . acho que até estou pior . mas descobri que se enrolar muito os meus mega cachecóis, a coisa me aquece e não tropeço neles . quer dizer, já tinha descoberto, mas não tinha necessidade de os enrolar três vezes à volta do pescoço, porque acho que nos outros anos não tive tanto frio, como tenho este ano . e continuo nestas cores nas roupas, bordeaux, cinzento, branco e qualquer coisa de preto . este ano não me apetece o preto total, para deprimente já basta o inverno . às vezes lá uso castanho e creme, com branco também, mas não fujo muito destas cores . é o que me apetece, nada a fazer . e evito acessórios, não gosto do efeito árvore de natal em mim . uso o relógio e pouco mais . guardo as pulseiras mil para o verão, agora não . nem brincos, nem anéis e quase nunca colares . é assim o inverno em mim . não gostamos lá muito um do outro, é um facto . 

 

iniciámos o filho grande em game of thrones, antes em friends . e o meu rico filho gostou muito dos friends e está a gostar muito do game of thrones . meu rico filho, orgulho da sua mãe . e estou aqui a tentar planear coisas giras para o fim-de-semana, mas depende se chove ou não . raça do inverno . também quero passar na ikea para ver umas coisas e ter ideias e mais não sei quê . também vão recomeçar os torneios de ténis do mais velho, mas com esta chuva não estou a ver como . já agora gostava de dormir mais, mas parece que não, a começar, amanhã às oito da manhã vêm entregar lenha . agora oliveira e pinho, porque o não sei das quantas disse que o problema do recuperador é de usarmos sobro e azinho . está bem, seja . e vou entrar na minha última semana de convivência saudável com a minha rica sodona . vai-me custar, eu sei que sim . malfadadamente afeiçoo-me às pessoas e custam-me sempre os fins . os inícios com outras também . é a vida .

22
Jan15

10 - SODONA, O NIRVANA E EU


Mac

Sodona faltou outra vez e eu tomada dos nervos fraquinhos de que sou detentora, resolvi aspirar a casa toda. Aspirei, aspirei, desviei cadeiras, voltei a pôr no lugar, continuei a aspirar, desviei móveis leves, aspirei, voltei a pôr no lugar. Aspirar é uma actividade de que não gosto, mas que me ajuda  a pensar. Se calhar não gosto de pensar. Não interessa. Bom, gosto mais de aspirar do que passar a ferro. Dizia eu que pensei enquanto desviava cadeiras e aspirava, e decidi que com alguma pena minha, se calhar já não muita, que uma pessoa tem os seus limites para aturar fricotes, então decidi que sodona se vai embora desta casa e será uma pessoa livre para faltar onde bem lhe aprouver, mas por aqui é que não. Vai daí, fiz uns contactos e à tarde terei duas pessoas candidatas a trabalhar nesta casa.

 

Vou lavar o chão, não vão elas pensar que se trata da casa de uma porca.

21
Jan15

16 - COISAS QUE UMA MÃE SABE (E LHE ACRESCENTAM BASTANTE À CULTURA GERAL)


Mac

Quando cheguei ao meu destino, estava a chover muito, mas eu tinha que tirar a minha criança pequenina do carro. Então saí, abri o guarda-chuva, depois abri a porta detrás, pus o guarda-chuva entre a porta e o tejadilho, inclinei-me e fiquei ali debaixo, enquanto desatei os cintos e peguei no filho pequenino ao colo, encaixei-o na cintura, empurrei o guarda-chuva com a cabeça e já com a mão direita livre, segurei-o, depois passei-o para a esquerda, enquanto o braço esquerdo fez força para segurar a criança na cintura, peguei na mala, fiz com que descaísse para o pulso e tirei as chaves para fechar o carro. Só molhei os pés e um bocadinho das calças, já a criança não apanhou um pingo de chuva. E também não estava vento, para me levar o guarda-chuva, mas não interessa, o que interessa é que desenvolvi uma técnica com fortes probabilidades de sucesso. 

 

Penso que atingi qualquer coisa muito parecida com o nirvana, ou então estou a caminhar para um novo ramo no malabarismo.

 

[já tinha feito parecido com o mais velho, quando ele era pequenino, mas agora com este filho a coisa atingiu requintes de perfeição. eu acho]

Pág. 1/3

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D