Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

18
Nov14

03 - MAC MARIA A ESPALHAR GLAMOUR DESDE MIL NOVECENTOS E CARQUEJA


Mac

Ora então, Izzie, vamos lá acabar com as malvadas e fazer um DIY interessante, criativo e útil para apanhar moscas da fruta que invadiram as nossas cozinhas e que funciona, sim senhora, e é vê-las a cair que nem tortas.

 

Materiais:

. garrafa de plástico

. vinagre comum

. açúcar

 

Execução:

 

. cortamos uma garrafa de plástico

. molhamos com água o gargalo e borrifamos com açúcar

. encaixamos na outra metade da garrafa, onde pomos dois dedos de vinagre, e esperamos pacientemente que as malvadas (porcas, suínas, filhas de um grande porco) vão ali ao açúcar e uma vez lá, vão descendo, descendo e zás entram na garrafa e já não saem.

 

[estive para fotografar o aquário que já ali tenho com moscas a boiar, mas achei um bocado coiso da minha parte]

17
Nov14

18 - EU GOSTO É DO FIM-DE-SEMANA


Mac

 

 

   

 

 

 

 

  

 

do fim-de-semana . finalmente consegui o decalque [1] que queria para a parede do quarto do filho pequenino . aquele que vai ficar junto à cama dele . a desejar-lhe coisas boas . como são sempre boas as coisas que se desejam aos filhos . e umas bengalas [2] para pendurar na árvore de natal . ou talvez fazer outros marcadores de lugares, ainda não sei . a esta distância não me apetece decidir . logo se vê . umas compras para o natal já despachadas, coisa pouca . o louceiro, que não tem função de louceiro, finalmente acabado, forrado [3], iluminado [4], com uns novos puxadores [5], arrumado, e instalado onde vai ficar por muitos anos . espero . e as primeiras romãs deste outono . não, já não uso o método da pancada para lhes tirar as ceninhas . sujava-me toda e sujava a cozinha toda . agora faço como se deve fazer e não custa assim tanto como se diz, corto-as a meio, viro-as do avesso e tiro as ceninhas na boa . resulta e não suja . foi um bom fim-de-semana . eu acho

 

___________________________________

[1] Catita Illustrations (que tem um serviço espectacular, encomendei na quinta-feira e sexta já cá estava. adorei)

[2] Hussel e Starbucks; letras de madeira da Zara Home

[3] Papel Ralph Lauren da Stoc Casa

[4] Focos IKEA

[5] Zara Home 

14
Nov14

193 - COISINHA MAI LINDA, RIQUEZAS DE SUA MÃE


Mac

 

 

 

 

 

Uma das primeiras coisas que os meus filhos aprendem, mesmo antes de saber andar, é a tirar as meias, e se até aos dois anos, durante o Inverno mais frio, lhes consigo manter os pés tapados, com recurso a collants, aos três anos a coisa acaba-se, porque já aprenderam a despir-se e é pior a emenda que o soneto, ou seja, para tirarem os collants, despem-se todos, além de que os três anos é a idade limite que acho aceitável um rapaz usar collants.

 

Portanto os meus filhos andam sempre descalços, seja Verão, ou Inverno, e não se constipam, mas esta mãe insiste em comprar-lhes meias antiderrapantes, pantufas e outros dangógios que lhes mantenham os pés quentes e protegidos do frio, que eles se entretêm a não usar.

 

Mas se eles não se constipam, para que insisto eu em manter-lhes os pés agasalhados? Manias, mas faz-me confusão que andem descalços em tempo frio.

 

[calço o mais novo antes de sair de casa, mas se não sair logo, posso ter a certeza que quando volto para o pé dele, para sairmos, já está descalço]

14
Nov14

58 - DA BIPOLARIDADE DE CADA UM, SÓ CADA UM SABE


Mac

 

 

 

E está de volta a minha conjugação preferida para o Inverno, as botas com vestidos de lã e cintos muito largos. Isso e os aromas que associo ao Inverno, já não tanto o cheiro a limão, agora outros e o nº 5, só porque sim. O mesmo que achava ser coisa de pessoas muito antigas, ainda acho, mas se calhar eu também estou a ficar antiga. E piegas. Não é o meu perfume preferido, mas está ligado a dias muito bons e eu tenho memória olfactiva e associo pessoas, épocas e locais aos perfumes que usava em x época, ou dos outros. Fica-me o registo. Do nº 5 ficar-me-á sempre o dia do meu casamento, o colo da minha mãe e os dias de chuva. Tenho uma relação afectiva com ele, mais por aí.

13
Nov14

89 - CROCHÉ, COLAGENS, TRICÔ, FILET, BRICOLAGE E COISAS ASSIM


Mac

 

 

Ando aqui em experiencias para a decoração da mesa de Natal, já sei o que quero, mas gosto de experimentar várias opções e nas minhas prospecções pelo Printerest, por ideias giras para este Natal, vi estes marcadores de lugares e achei-os facílimos de fazer, têm muito a ver com o serviço que gosto de usar na ceia, mas também ficam giros com outros serviços, e ainda por cima com um custo quase zero. 

 

 

 

 

Materiais:

. ramos de alecrim ou alfazema (fiz com alfazema)

. arame de florista (também há nas retrosarias)

. cordão de algodão (este comprei no Leroy Merlin)

. Papel vegetal (ou qualquer papel branco. optei pelo vegetal porque é ligeiramente transparente e não tapa completamente a coroa)

. caneta preta

. tesoura

 

Execução:

 

. unimos as pontas de cada ramo da alfazema e prendemos com um pouco de arame.

 

 

. com um bocado de cordão, tapamos o arame e fazemos um laço. 

. recortamos o papel vegetal em tiras e escrevemos os nomes, damos uma dobra de cada lado da tira e prendemos à coroa.

 

 

. e já está

[para aumentar, clicar nas imagens]

12
Nov14

695 - LAI LAI LAI


Mac

acabei as pinturas do louceiro, acho que ficou melhor do que estava, já o voltei a forrar, vá que ainda tinha bastante do mesmo papel . sou de manias nos papeis que escolho para forrar paredes e armários . não gosto de muitas cores todas juntas, a coisa tem que ser muito simples e andar ali nas três cores, no máximo . este papel foi um golpe de sorte, depois de ter visto nove catálogos que consegui rejeitar um a um, deu-se o amor . agora ando a pensar em forrar a parede da cabeceira do meu quarto . não está fácil . mentalmente sei o que quero, mas ainda não o encontrei materializado num qualquer papel . há-de aparecer . eu sei que sim . é sempre assim .

 

agora vou pôr-lhe três focos . acho que vai ficar giro . e isso fez-me querer mais três focos para um outro louceiro que está na sala . acho que sim, que vou iluminar tudo e tudo .

 

depois mostro tudo . quando o tudo estiver cá como eu quero . sabendo que o tudo é uma cómoda, este louceiro e um cabide .

 

e este ano vou acrescentar umas decorações comestíveis à árvore de natal . vai ficar bem gira, imagino eu . e vou fazer uns marcadores de lugares e mais umas coisas . preciso de cortar alfazema, mas era bom que parasse de chover . se calhar corto-a assim molhada . logo se vê . 

 

gosto de novembro . novembro é o meu mês do ano dos entusiasmos, planos, ideias e tudo para o natal . muito mais do que dezembro . é em novembro que decido as decorações da árvore e da casa . decido a ementa para a ceia e dia 25 . decido os presentes que quero oferecer e a quem . e gosto muito desta prospecção de mercado . em novembro ainda gosto do inverno, para depois do natal desatar a desejar o verão . é isso, há o inverno antes do natal e o inverno depois do natal . eu só  gosto do antes .

 

a ceia passou a ser na minha casa, assim como o almoço de dia 25 . os avós já fizeram muitos natais, agora é a nossa vez . também é bom assim. desde que estejamos todos juntos, é bom sim .

10
Nov14

88 - CROCHÉ, COLAGENS, TRICÔ, FILET, BRICOLAGE E COISAS ASSIM


Mac

  

Como já tinha dito, resolvi fazer umas bases para travessas, pratos, taças, ou qualquer coisa, para o Natal. Vi a ideia na Marie Claire Idées e achei que também poderia ser uma prenda bem gira. Com alguma paciência até podemos criar os nossos moldes com outras palavras.

 

 

 

Materiais:

. feltro encarnado (para cada base, cerca de 30 cm, dependendo do tamanho da mesma. o feltro custa €4.00/metro com 1 m de largura)

. feltro branco (para cada base, cerca de 30 cm, dependendo do tamanho da mesma)

. marcador com tinta que sai com água

. tesoura

. x-acto

. régua

. moldes

. cola

 

Execução:

 

 

. Imprimimos os moldes no tamanho que queremos.

Optei por um tamanho que serve para bases para pratos, mas poderia ser mais pequeno, para bases para copos, por exemplo.

 (ficheiro com os moldes.jpg)

 

 

 

. Com o x-acto, recortamos os molde, deixando apenas as letras

 

 

 

.  Prendemos o molde ao feltro branco, que é o que fica por cima e com uma caneta de tinta que sai com água, passamos todos os contornos para o feltro.

 

. Com uma tesoura de pontas, ou com o cortador de tecidos, recortamos o feltro branco.

 

. Colamos ao feltro encarnado.

 

. Cortamos ambos em redondo e já está.

 

 

10
Nov14

04 - COISAS A QUE ME APETECE DAR AMOR, CARINHO E UM LAR


Mac

 

 

 

Não percebo o que se passa com quem fabrica botas, mais precisamente, botas de camurça. Sou uma amante das botas em camurça, gosto muito delas, apesar de se arruinarem com meia dúzia de gotas de chuva, mas pronto, como não foram feitas para andar à chuva, é tudo uma questão de ter cuidado. Adiante. Dizia eu que sou uma fã de botas em camurça, mas constato que há à venda imensas botas e botins em preto, mas há um enorme deficit do mesmo modelo giro, mas em castanho. E não, não serve cor de mel, cor de blheca, cor de folha de árvore que cai no Outono, não, só serve castanho escuro, é castanho escuro que acho giro e que gosto de combinar com rosa, por exemplo, com azul claro, com creme, enfim. Aos meus olhos tudo quanto é camurças, antílopes e assim, fica mais giro em castanho. 

 

Eu gosto imenso de calçado castanho, mas é sempre este castigo. Este ano até se deram ao incómodo de fazer botas brancas e encarnadas, cinzentas também. Vá, as cinzentas ainda sou pessoa para gostar, mas brancas, pois não, temos pena, mas é das tais coisas que jamais. E encarnado também não estou bem a ver.

 

Castanhas sim? Vá, não custa nada, é só fazer o mesmo, mas em castanho escuro, sim?

 

[ah já me esquecia, estou a estudar na minha pessoa afável, o modelo acima dos joelhos, mas ainda estou numa fase embrionária da coisa, até porque já as usei há três anos, ou foram quatro? acho que cinco, adiante. mas um dia não gostei de as ver e a um dos pares até cortei os canos. agora que voltaram às bocas do mundo, ando a ver se sim, se não. e não, nunca deverá ser critério aquilo que algumas mulheres, que não gostam das outras mulheres, apelidam de cena à pretty woman, isso não é assim, nunca uma mulher fica a parecer isto ou aquilo só porque vestiu isto ou aquilo, isso é conversa de mulheres que não gostam de mulheres. a mim o que me preocupa é que as botas me cortem um bocado das pernas, é que se por um lado não preciso de ficar demasiado alta com saltos altos, por outro não preciso de ficar com pernas anãs com botas acima dos joelhos. isso sim poderá ser o meu critério, o resto, nem pensar]

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D