Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

28
Nov14

74 - É NATAL, É NATAL, LAI LAI LAI, LARAILAILAI


Mac

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ainda não decorei o pinheiro, nem a casa, sou uma resistente e decidi aguentar até dia oito, porque sim, porque é assim, a tradição ainda manda alguma coisa e é assim e sim e sim e sim. Por acaso tenho imensa vontade de ter tudo enfeitado, mas não, vou aguentar.

 

Entretanto investigo ideias ali pelo Pinterest, Tumblr e tal. E aqui deixo mais e  mais ideias para o Natal e ainda mais as que já pus por aqui noutros anos, na tag Natal, que em chegando ao final de dezenas de ideias para decorar as casas, centros de mesas, decorações de mesas, árvores, embrulhos e tudo, clicamos em mais antigos e lá vem mais um chorrilho de ideias e tudo, e também no meu Pinterest.

27
Nov14

07 - MALDITO VÍRUS QUE 'MATACASTES' A FAMÍLIA, PRONTO SOU SÓ EU, MAS NÃO ESTIVE PARA CRIAR OUTRO TÍTULO


Mac

 

[vestido Marchesa, disponível aqui, no Stylebop.com, por €8.439,00]

 

 

uma pessoa cá dos meus amplos conhecimentos, pronto foi a sodona, mas ficou-me tão bem este intróito, que tive peninha de o apagar . adiante . então vai-me a minha rica sodona e perante o meu estado constipado, admirou-se muito de eu ainda não estar a tomar antibiótico e que ela, portanto a que me pegou esta gosma, já está a antibiótico e tal . eu, a pessoa muito constipada, até tive vontade de a sovar . oh pah, antibiótico não é coisa que se aplique a vírus, por Deus, pessoa, por Deus, ai a falta de tino . antibiótico é coisa que se aplica às bactérias, ora sendo a constipação do reino viral, não se toma . não se toma . não-se-to-ma . ah e em tomando, ao menos que se tome a embalagem toda, é que de uma próxima vez, a coisa é capaz de já não servir para nada, ou seja, parece que não tomando a dose completa, ficamos imunes aquela cena .

 

entretanto, andava para aqui amofinada, além de constipada, porque não tenho desejos para o natal, nada a pedinchar, nada a pedir publicamente, e isso não está nada bem da parte da minha pessoa ranhosa, então cá vai, se é para pedir, eu também peço, não seja por isso . é aquele vestidinho, faxavor. não é por nada, mas acho que ganhei no concurso das pedinchonas . primeiiiiras . 

 

[olha-me só a trabalheira que eu ia ter a refundir isto na e-bay, tenho lá eu paciência para leilões]

26
Nov14

09 - EU É MAIS COZINHAS, TACHOS E PANELAS. RAPAR TAÇAS TAMBÉM


Mac

  

 

 

 

Ora então, aqui vai mais uma receita daquelas que eu gosto muito, a família gosta muito e os amigos também. Ainda por cima é daquelas que não dá trabalho nenhum, ou seja, das que em dias de falta de paciência para cozinhar, e se eles os há, oh se há, resulta muito bem, faz vista e alimenta ainda mais.

 

Há duas versões desta receita, uma mais completa e esta que fiz ontem. A mais completa, além dos ingrediente que usei, ainda leva salsichas frescas cortadas em bocados e amêijoas, mas muito honestamente, acho-a um pouco de mais.

 

Ingredientes:

. 1 kg de lulas limpas, ou uma embalagem de lulas limpas congeladas

. 500 g de castanhas, ou 1 embalagem de castanhas congeladas (usei Iglo)

. 200 g de bacon fumado em fatias

. salsa q.b. (usei congelada) 

. sal q. b. 

. pimenta

. 2 dentes de alho

. óleo

. 1 c sopa de margarina

 

Cortamos as lulas em argolas e o bacon em tiras. Temperamos as lulas com o alho bem picado, sal e pimenta. Cozemos as castanhas em água a ferver, durante 5 mn. Pomos um pouco de óleo na wok e quando estiver quente, pomos as lulas e o bacon. Quando estiverem fritas, tiramos a água que apareceu e juntamos a margarina, depois da margarina derreter, juntamos as castanhas, mexemos bem, juntamos a salsa, rectificamos o sal e já está.

 

Para acompanhar, normalmente faço um arroz branco simples.

26
Nov14

91 - CROCHÉ, COLAGENS, TRICÔ, FILET, BRICOLAGE E COISAS ASSIM


Mac

 

E andei a pintar e forrar as caixas de madeira. Nada de novo, quanto a técnicas, usei a tinta que tenho usado para os móveis e andei na cena do pinta, lixa, pinta, até ter três camadas de tinta uniformes. A assinalar que havendo ferragens e não as querendo pintar, antes de começarmos, tiramos todas as dobradiças, fechos, etc., o que no caso das caixas facilita muito o trabalho de pintura e secagem.

 

 

 

Depois é só forrar. Neste caso usei papel de parede [1], como aliás o faço para tudo quanto são roupeiros, louceiros e tal, porque é mais resistente do que o papel de embrulho e é lavável, assim como também usei cola [2] para papel de parede.

 

 

 

 E pronto, umas caixas para ocupar aquele espaço das mesas de cabeceira.

 

 

[1] papel Designers Guild à venda na Stoc Casa

[2] Cola UHU para papel de parede, à venda nas grandes superfícies de bricolage.

24
Nov14

697 - LAI LAI LAI


Mac

 

 

 

 

 

 

 

do fim-de-semana . estive mais preocupada com a saúde dos meus do que descontraída e feliz da vida, mas ainda deu para enfeitar o louceiro com umas letras e também lhe pendurei as sardinhas de ardósia, que fiz vai para um ror de meses, mas que ainda não tinham um destino fixo . depois andei de volta dos bolbos de jacintos, que comprei este ano e me parece que não vão dar nada, nada mesmo, é que já os plantei há uma data de semanas, acho que três, e acho que já era altura de me mostrarem o ar da sua graça, mas não e ali continuam em estado de batata seca desengraçada . também fiz uns estudos para umas decorações de natal e tenho a certeza que mais uma vez, gosto mesmo muito da preparação do natal . às vezes até chego a desconfiar que gosto mais da preparação do que do dia de natal . não é verdade . gosto de tudo . gosto muito de tudo . e já anda tudo a enfeitar o pinheiro e isso, mas não é só no dia 8 dezembro? bom, cada um faz o que quer, aqui em casa, acabo sempre por decorar a casa para o natal, no dia 1, porque os filhos assim o querem . também já tive anos em que nem sequer desmanchei o pinheiro, pus-lhe um plástico em cima e assim foi para a arrecadação todo enfeitado . é muito prático . quebra-se ali aquela cena bucólica da família em momentos de partilha em volta da árvore, mas não dá trabalho, é assim uma espécie de natal instantâneo . também tenho épocas assim, de falta de pachorra, mas como até gosto de preparar a coisa, olha fica a sugestão para quem não gosta . e foi isto . ah também arranjei uma constipação/gripe/sei lá o que é isto, e sinto-me uma desgraçada, como me sinto sempre que estou assim . como compreendo os homens . não sou uma valente nestas cenas de saúde .

21
Nov14

04 - MAC MARIA A ESPALHAR GLAMOUR DESDE MIL NOVECENTOS E CARQUEJA


Mac

 

 

toda eu sou um reportório de insucessos, tenta, não resulta, experimenta, olha parece que sim, portanto no reino da maquilhagem há todo um binómio sim/não que rege a minha vida. ai que dizes tu para aí? coisas, eu digo montes de coisas, agora é porque as bases, BBs e isso em creme, com este clima húmido e untuoso e viscoso, deixam-me a cara numa papa, sim uma grandessíssima papa, que ele não há maquilhagem que me fique bem, quando a humidade que me circunda atinge valores anti-sociais. até me escusei ao hidratante e tudo. culpo-o sempre quando a coisa corre mal. és tu, filho de uma égua, és tu que me deixas a cara a parecer uma lamparina. pois então, fui-me aos pós e estou muito contente, afinal com os pós até fico com um arzinho e nada untuosa.  ah e estou a adorar a base em pó da sensai. aliás estou a ama-la. 

 

hoje enfiei com as escova do rímel ali bem no globo ocular. toda eu sou glamour. chorei que me fartei, aquilo aleija. depois, como não era a primeira pinceladela que dava, as pestanas borraram-me a cara. ando há tantos anos nisto e hei-de cometer sempre os mesmos erros, não sei se por confiança disso mesmo, de o fazer há tantos anos, se por falta de jeito. ou qualquer coisa dessas.

 

entretanto desatei a pintar as caixas, que já se sabe, depois mostro, e resolvi que no tabuleiro vou fazer um craquelé. apetece-me.

 

o varão das cortinas do escritório despencou-se lá de cima, vá que eu não andava ali e não me acertou na moleira. parece que quando o pendurei, fiz uns bons buracos na parede, coisa ao nível do túnel da mancha das paredes, quem sabe se não queria abrir uma passagem secreta. bom, depois enfiei-lhe as buchas que tinha, que eram assim para o pequeno. o meu marido chegou a casa e viu aquilo e não percebe como é possível abrir uns roços daqueles só para pendurar umas cortinas. eu também não. agora diz que faz ele os furos. não sei o que o leva a pensar desta forma, mas está bem.

 

e é isto. bom fim-de-semana, pessoas.

21
Nov14

194 - COISINHA MAI LINDA, RIQUEZAS DE SUA MÃE


Mac

 

 

 

 

 

 

 

nestes dias de chuva, tosse e pijamas, temos pintado muito, iniciámos os carimbos e foi tão giro, carimbámos a mesa, as paredes e as mãos, depois fizemos plasticinas, legos e jogos de encaixes, brincámos com os carros, com o jogo dos números e dividimos pela caixa. também os atirámos ao ar. pelo meio das histórias, beijinhos e colo.

 

[gosto tanto de ser mãe de gente pequenina e ainda curar dói-dóis com beijinhos]

20
Nov14

90 - CROCHÉ, COLAGENS, TRICÔ, FILET, BRICOLAGE E COISAS ASSIM


Mac

Para quem foi acompanhando a novela das pinturas do louceiro, não há grande novidade, mas como prometi, aqui fica o resumo do que fazer e não fazer, quando resolvemos pintar um móvel, e também o resultado final da cómoda e cabide. Ainda não pintei as mesas de cabeceira e tão cedo não o vou fazer, porque mesmo com tintas ecológicas, convém trabalhar num espaço bem arejado e que o tempo não esteja tão húmido, e eu estou um bocado farta de pinturas de grande dimensão, agora quero preparar o Natal, dedicar-me a uns tricots que ando cá a pensar, finalmente acabar a manta de crochet para o mais novo, e o que mais me apetecer.

 

Ora então aqui vão as considerações após a trabalheira que o louceiro me deu,

  

 

. acho que dá para perceber como ele estava envernizado, muito envernizado, com demasiadas camadas, portanto em casos como este, usar decapante apenas nos relevos difíceis de lixar e nunca usar no móvel todo, porque a papa que dali vai resultar, que é o verniz derretido com o decapante, ou tinta, é dificílima de tirar e não sai com água quente, como está anunciado na embalagem. Eu acabei a tirar a tal papa com papel higiénico, que também não recomendo, é que às tantas também tinha papel colado ao móvel, que só saiu com a lixa. Portanto o melhor é lixar até tirarmos todas as camadas de verniz ou tinta. Algumas pessoas falaram-me no primário da CIN, que resolve a questão de ter que lixar ou usar decapantes, desta vez não experimentei, mas na próxima leva de pinturas, vou usar com toda a certeza.

  

 

. depois de tirar todo o verniz, começamos o processo que já aqui descrevi.

. se a madeira tiver imperfeições, buracos, etc, tapamos com pasta de madeira, que depois de seca, lixamos para nivelar.

 

 

 

. no caso de usar tintas ecológicas, não é preciso proteger os vidros, a verdade é que a tinta sai com mais facilidade do que a cola da fita protectora, portanto havendo vidros, não me parece vantajoso usar esta fita, antes pelo contrário. Neste caso vi-me grega para tirar a cola dos vidros.

 

 

. depois de pintado, forrei-o de novo, pus-lhe uns focos e uns novos puxadores (tudo explicado aqui).

 

  

 

   

. com a cómoda não usei decapante, mesmo ali nos relevos, só a lixei para lhe tirar a tinta e deixei os relevos como estavam. Correu bem. E como depois achei que ficava melhor na zona de refeições da cozinha do que num dos quartos, passei-a para lá e a que lá estava, foi para a sala. E agora espero que não me dê mais para arrastar móveis e isso, já ando cansada deste jogo das cadeirinhas.

 

 

 

. quanto ao cabide, lixei muito bem até tirar o verniz todo e depois pintei, seguindo aqueles passos habituais do pinta, lixa, pinta, etc. e instalei-o no quarto do mais velho.

 

E pronto, agora pinturas de móveis só lá para a Primavera, ou quando me esquecer do que foi esta trabalheira toda. Arrastar móveis também.

19
Nov14

696 - LAI LAI LAI


Mac

 

 

 

Eu disse que não pintava mais móveis até à Primavera e lailailai, mas ninguém me ouviu afirmar que não pintaria umas caixas, uns ninhos de madeira e mais um tabuleiro e umas tantas pequenas coisas, pois não? Não.

 

[ando com ganas de tricotar. ainda não sei o quê, mas que me apetece, apetece]

Pág. 1/4

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D