Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

31
Jul13

501 - LAI LAI LAI


Mac

Está esta pessoa em férias e não param de acontecer coisas paranormais. Diz que criaram um grupo ali no coiso a modos de rumarem à Comporta, qualquer coisa como, os pobrezinhos invadem a Comporta, ou lá o que é. Em primeiros, quem tem casa na praia, não vai à praia aos fins-de-semana, não vou dizer porquê, é um bocado óbvio, mas não me apetece fazer comichão a ninguém, em segundos, podem ir à vontade à praia da Comporta, que não é essa a praia. Portanto, a cena de rumar à Comporta no sábado ou domingo para fazer não sei o quê, não colhe. Ca exagero, pah, não há mais o que fazer? Credo. 

 

Olha, eu cá estou muito bem a brincar aos novos riquinhos. Ai espera, que ainda me organizam uma espera na praia de xxxxxxxx Carcavelos. Olha eu ali ao fundo. Vão a Carcavelos, sim? Eu estou lá. Adeeeeeeeeus. 

 

 

[a Cristina Espírito Santo fez um esclarecimento sobre a tal entrevista]

30
Jul13

500 - LAI LAI LAI


Mac

 

 

 

Fui à Comporta brincar aos pobrezinhos. Caturreiraaaaaa. E agora vou para a Quinta do Lago brincar aos novos riquinhos. Caturreiraaaaa. Depois ainda não decidi, ou volto à Comporta a ver se aquele tipo de gente que não interessa a ninguém, já foi consumida pelos mosquitos (*), ou vou para o Monte brincar às rústicas. Caturreiraaaaa. Decisões, decisões.

 

 

____________________________________

(*) aquilo não são mosquitos, pah, são melgas. mel-gas. anda aqui uma pessoa a ensina-las para depois me chamarem mulas aos cavalos e confundirem vespas com abelhas. francamente.

25
Jul13

07 - ATÉ AO MEU REGRESSO, FÉRIAS, ATÉ JÁ E COISAS ASSIM


Mac

 

 

 

E pronto, meus amigos, vou de férias por três semanas, coisa para regressar lá para a última semana de Agosto, ou não. Pode ser que me habitue. Muito mar, areia e as minhas pessoas, com os olhos só onde quero e por quem quero. Encontrar-me-ei de papo para o ar, se os meus filhos deixarem, lerei tudo quanto tenho em atraso, se os meus filhos deixarem e descansarei. 

 

 

Sejam felizes, que eu cá vou fazer por isso.

 

Vemo-nos por aí. 

25
Jul13

74 - DIZ QUE SIM


Mac

Ah mas espera, há uma espécie que me põe ainda mais coisa dos fracos nérves, são os que enquanto falam, nos dão chapadas no braço com as costas da mão. São uns meninos, se é para bater, vá, logo um socardo nas maxilas e a gente fica bastante concentrada no que dizem, apardalada, mas atenta.

25
Jul13

73 - DIZ QUE SIM


Mac

Geralmente não me dou bem com pessoas que acompanham o seu discurso com gestos. Há excepções, claro que sim, mas o comum e transversal não é amistoso. Então se o gesticulanço for frenético, pois que a coisa não corre bem. A acrescentar, se ao gesticulanço frenético, ainda há para ali umas nails de gel, a coisa tresmalha. É que estou mais atenta à minha integridade física do que aquilo que me possam dizer. E eu na defensiva não sou boa ouvinte. Eu sei lá se uma, ou várias nails me vêm parar a um olho e fico zarolha. Eu tenho dois filhos para criar, pessoas, há riscos que não corro. 

25
Jul13

132 - COISINHA MAI LINDA, RIQUEZAS DE SUA MÃE


Mac

 

 

 

Sem fazer de propósito, tenho fases nos sonos dos filhos e fiz com ambos exactamente as mesmas coisas. Ainda na maternidade, fiquei quase sempre com eles na minha cama, muito junto a mim. Sabia-me bem e a eles também. Afinal tínhamos estado nove meses só os dois. Aí aos dois meses, adoro adormece-los deitados sobre mim e depois ficar ali mais um bom bocado, até os pôr no berço. Mais tarde, lá para os cinco meses, já adormecem semi sentados no meu colo. E depois invisto naquela coisa de os deixar adormecer sozinhos e nunca tive problemas, mesmo abusando daquilo que sempre me disseram que os podia viciar, o colo. 

 

Gosto de pele na pele com os meus bebés. Gosto de cheira-los. Muito.

24
Jul13

63 - EU GOSTO É DO VERÃO


Mac

 

 

 

No meu calendário de criança, as férias de Verão aproximavam-se, quando nos compravam reforços de roupa e mandavam fazer vestidos. Agora, também sei que se aproximam, quando tenho de contar o número de t-shirts, calções e chinelos dos meus filhos. E dou umas voltas à minha roupa, túnicas que já não uso, vestidos que ficaram esquecidos e terão uma oportunidade, e coisas como vestidos maxi, que me fazem tropeçar e rever as minhas posturas de mãe de gente pequena que o carrega ao colo. Gosto tanto de vestidos maxi, mas tropeço tanto, credo. Adiante. Acho que aquela forma de preparar as férias me ficou. Gosto imenso das compras para férias, ali entre as t-shirts, protectores solares e isso. Gosto dos primeiros dias entre frascos novos, roupas, praia e areia. Sabe a Verão.

 

 

[em férias não lavo roupa, nem estendo, nem coisa nenhuma, portanto tem que existir pelo menos uma muda de roupa por dia, pelo número de dias de férias. ah pois. por acaso acho que seria muito boa ideia uma coisa de roupa descartável, mas em fino, assim era só usar e deitar fora. isso é que era]

24
Jul13

131 - COISINHA MAI LINDA, RIQUEZAS DE SUA MÃE


Mac

Filho pequenino come as contas de madeira da cortina da porta da cozinha. Chega ali, puxa uma fita, arranca umas contas com os dentes, mastiga-as e engole. Eu não gosto particularmente desta cortina, foi mais um mal necessário. Agora estou cá a pensar em comprar uma de um qualquer material que filho pequenino não goste de comer, mas não sei qual, porque filho pequenino é muito boa boca. Vou pensar. 

24
Jul13

04 - COISAS QUE UMA MÃE SABE (E LHE ACRESCENTAM BASTANTE À CULTURA GERAL)


Mac

 

 

 

dizem que é verde . mas eu acho-o ainda azul . um azul turquesa . o azul do Verão . da água . dizem que é verde . não é . e de repente dei-me conta que para a semana vou de férias . três semanas . de azul assim . há uma mulher, eu, antes dos filhos e uma outra, eu à mesma, depois dos filhos . mais ou menos uma coisa assim, Mac AF e Mac DF . os filhos não mataram a outra . geraram outra . por aí . antes de ter filhos tinha boa memória . os filhos levaram-ma . recorro a agendas . post-its e tudo quanto não me deixe esquecer tudo quanto não me devo esquecer . os filhos humanizaram-me . relativizaram-me as prioridades . ensinaram-me a diferença entre problemas e sarna para me coçar . uns sapatos não são uma prioridade . mas já foram . há música para além dos Stones e Wagner . a Xana Toc Toc é muito bom . não mudei na minha essência . acrescentei-me . e engordei . já não me cabe muito . é demasiada informação . é isso .

Pág. 1/8

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D