Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vida em azul cueca

04
Set12

274 - LAI LAI LAI


Mac

  

 

 

 


Numa altura em que o mundo vive uma das maiores crises económicas da História, as mulheres investem cada vez mais na beleza. Porquê? “Querem tornar-se mais sedutoras para conquistar companheiros em boa situação económica.”




Então é isto e eu a pensar que o Lipstick Effect se dava por razões tão elevadas como questões de auto-estima, afinal não, é tudo para andar à caça ao pato. Está bem. E quando se cortam as patas às rãs, elas ficam surdas.

03
Set12

07 - MAC MARIA HERMENGARDA A ILUMINAR CÉREBROS DESDE MIL NOVECENTOS E CARQUEJA


Mac

 

Estava eu posta em sossego, depois de fazer três sopas, mais frutinha para o bebé e encomenda de frutas e legumes e ai que está tudo pela hora da morte e pagamentos diversos e ai para onde nos vai o dinheiro e o coiso, mais isto e aquilo, quando o Sr. António me veio desassossegar a mente. 

 

Ora então, estava eu a olhar para a tevê e passa-me assim à frente um anúncio, Olá, eu sou o (...) e vejo o mundo em cada vez mais crises financeiras... e eu até pensei que a coisa ia pelo caminho das rezas, mas não, quer dizer, mais ou menos, depois foi por ali a fora a contar-nos uma fábula e que sempre que tem um excesso de dinheiro, zás, compra lingotes e moedas em ouro e eu cá como acho que o povo anda desorientado com tanto que lhe sobra ao fim do mês, acho que sim, eu cá até faço melhor, vou substituir os meus dentes por parecidos, mas em ouro. É só vantagens, não há cáries, não preciso de dentífricos branqueadores e ando sempre com o meu espólio agarrado à minha pessoa. Gostei tanto que aproveito e mando também implantar logo uma segunda camada de dentes. 

 

 

Ai mas espera, já me desviei do cerne da coisa, que era mais ou menos umas considerações geniais sobre estes neo surrealistas conselheiros do povo, mas esvaiu-se-me. Isso e os patos em loiça verde que estão ali ao fundo da sala do Sr. António. Foram os patos, está visto. Ou eram cisnes? Olá, eu sou a Mac e vejo o mundo em cada vez mais crises de patos. Claro que isto com o meu brilhante e dourado sorriso.

03
Set12

224 - A SÉRIO!!??


Mac

 

Ainda sobre o material escolar. Há coisas que me fazem alguma confusão, a compra todos os anos de novo material escolar e seus periféricos, tipo mochilas e estojos, é uma delas. Não lhe vejo necessidade, nem mais valia na educação das crianças, desde que funcione e seja uma ferramenta de estudo em boas condições (não, definitivamente os lápis da Loja do Chinês não servem), não vejo a real necessidade em gastar balúrdios na mochila da moda e estojo de conjunto, esferográficas temáticas e lápis e por aí a fora. Isto num país em crise com famílias em crise.

 

Já nos bastam os cerca de trezentos euros por filho com os manuais escolares intransitáveis de irmão para irmão, e os fatos de ginástica e sapatilhas, porque as crianças têm aquela mania estranha de crescer. Em países como a Alemanha, ou Suíça, os manuais escolares são propriedade da escola. No início de cada ano lectivo, são requisitados e no final do ano, devolvidos à escola. E apenas em caso de não estarem em condições, serão pagos à escola. Aqui não. Aqui compramos todos os anos todos os manuais, com a agravante de só servirem para aquele filho, nunca para os irmãos mais novos. Isto num país em crise com famílias em crise.

 

 

As nossas crianças e adolescentes não precisam de material escolar com a Hello Kitty, o Justin Bieber e quejandos. As nossas crianças precisam de boas ferramentas de estudo, escolas bem equipadas, boa leitura e bom ambiente em casa, respeitar os livros e os professores. Acho eu.

 

 

Mas isto sou eu que me sinto demasiadas vezes um elfo, ou coisa que o valha, num país de belas adormecidas.

 

 

[se há alguém a quem custa admitir que às vezes os estrangeiros são melhores do que nós, esse alguém sou eu, mas nisto, lamentavelmente, não tenho dúvidas]

03
Set12

55 - JÁ FUI FELIZ AQUI


Mac

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Setembro foi durante muitos anos o mês do meu regresso às aulas, era assim no Liceu Francês, enquanto naquela época os meus amigos extra LF continuavam as férias até Outubro. O regresso às aulas nunca foi aquela coisa que ouço do entusiasmo do novo material escolar, porque os meus pais não iam nisso, renovar réguas, lápis e esferográficas sempre foi coisa que só se fazia quando já não havia, ou estava demasiado estragado e impróprio para uso, portanto não havia cá estojo novo, nem mochila, caneta popi, cadernos com capas não sei quê, nada. E quando era necessário, comprava-se na papelaria do liceu, até porque os cadernos e folhas para dossier tinham que ser naquele papel, com aquele riscado, que acho que só por ali era vendido. 

 

Mas era o regresso para os amigos de sempre, os relatos das férias e saber qual seria o professor desta ou daquela disciplina, de quem já se tinha ouvido falar e que agora nos ia calhar.

 

 

E eu adorava aquilo.

Pág. 9/9

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D