Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

a vida em azul cueca

11
Ago14

14 - DIAS MUITO BONS


Mac

 

 

 

 

 

 

 

E têm sido assim os nossos dias: praia, praia e praia, praia com céu azul, praia com céu nublado, praia com vento e praia, praia, praia, Bolas de Berlim em barda (ai jasus), Gaspacho e melão, cheiro a protectores solares e eu continuo na minha, bom, bom, seria que não tivessem qualquer cheiro, mas pronto, voltei ao Lancaster, agora na versão seca da coisa e parece que sim, que temos um bom entendimento, pelo menos não fico a Mulher de Areia; túnicas e mais túnicas, colares com borlas, conchas e búzios, e regresso ao casaco de linha de croché que ando a fazer vai para três anos, bom, tenho-lhe feito grandes intervalos, sabendo que o último foi de cerca de catorze meses, teremos o casaco pronto lá para 2036, também tenho feito borlas de algodão, preciso de oitenta borlas (depois conto) portanto tenho manufacturado bastante durante a hora de almoço que se quer à sombra; também aderi às lentes coloridas e tenho um filho pequenino que se lambe por água do mar, mais precisamente, lambe a água do mar. É uma boa vida.

 

 

[tenho para mim que sou uma pessoa de gostos simples, vivia na boa de túnica e chinelos . e para fazer face às necessidades da família, como comer, por exemplo, e ao meu desejo de consumo, que o tenho, pois tenho, por exemplo, comprar biquínis e fazer ponchos, venderia coisas na praia, assim túnicas, fitas do bonfim, quinquilharias e cubos de melancia . aos sábados e domingos venderia bolinhas de melancia e sumos de melancia . claro que os meus filhos andariam sempre comigo e não precisariam de ir à escola, mas seriam vacinados, disso não abdico . não iam notar grande diferença, já andam sempre descalços e despenteados, mas tomam banho todos os dias, e não têm complexos, nem manias e gostam desta vida, são uns bons meninos, portanto seria só alterar o cenário para um areal constante, com uma casa de madeira pintada de azul claro, com um enorme alpendre a terminar na praia . um dia vou ter uma casa pintada de azul da cor do céu . toda . menos o telhado . de um céu claro . daqueles de Verão . cheia de lugares comuns . com um alpendre . e uma rede . para ver o céu . e as estrelas . e o mar . ao pé da praia . com cheiro a madeiras . o chão de tábuas corridas . e janelas brancas . daquelas de guilhotina . muito grandes .  muitos frascos . com conchas e búzios . e malmequeres . margaridas também . e loiças brancas . e areia para varrer . e uma caixa de correio branca . um dia cheiro a mar . todos os dias . se não for neste oceano . será noutro qualquer . mas azul . sonho com isto .  juro que sonho]

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D